Anúncio

73 salva-vidas distribuídos em oito praias. É o que tem para o verão!

Por Glenda Machado

Publicado em 23 de dezembro de 2015 às 20:44
Atualizado em 23 de dezembro de 2015 às 20:44

Anúncio

Dos 50 convocados no processo seletivo para contratação de salva-vidas, 48 assinaram o contrato hoje com a prefeitura de Guarapari. Os outros dois têm até sexta-feira para garantir a vaga. Eles começam a trabalhar a partir de amanhã. Com os 27 efetivos, o serviço de salvamento marítimo conta agora com 75 profissionais para a alta temporada.

São 29 a menos que no verão passado, quando havia 104 guarda-vidas distribuídos em 10 praias. Neste ano, apenas oito praias terão cobertura do serviço. Santa Mônica e Praia da Sereia ficaram de fora da escala verão 2016. Como dois efetivos estão de licença, ao todo serão 73 profissionais trabalhando por escala.

Serão 36 na Praia do Morro, 2 na Praia do Cerca, 14 no Centro (Castanheiras e Areia Preta), 6 em Setiba, 5 em Bacutia, 4 em Peracanga, 6 em Meaípe. Metade trabalha das 7h às 13h e a outra das 13h às 19h, além dos folguistas. O problema é que oito efetivos cumprem carga horária de 30 horas semanais, tendo desfalque nos finais de semana.

Como é o caso do Centro. Durante a semana, são seis salva-vidas de manhã e seis à tarde mais dois folguistas. Já no sábado e domingo, são cinco de manhã e cinco á tarde, porque quatro não trabalham nos finais de semana nem feriados. Diante desse quebra-cabeça, a torcida é para que as duas vagas restantes sejam preenchidas logo.

“O problema é que nem os 77 salva-vidas são o suficiente. Ano passado trabalhei com 104 e tivemos que nos desdobrar, mas ainda sim conseguimos atender também a Praia de Santa Mônica e a Praia da Sereia. Neste ano ficou impossível. Temos que priorizar as praias com mais incidência”, destaca o subgerente de Salvamento Marítimo, Edson Layber Mendes.

Por isso, a maioria foi escalada para a Praia do Morro. “É onde tem mais turista e onde tem mais afogamento, inclusive com óbito. Não é o ideal, mas é o que tem. A Minuta do Corpo de Bombeiros diz que tem que ter pelo menos 137 salva-vidas no verão. Faltam 62… Mas o município não tem dinheiro para fazer contratações”, lamenta Edinho.

 

É proibida a reprodução total ou parcial de textos, fotos e ilustrações, por qualquer meio, sem prévia autorização do FolhaOnline.es.

Tags:

Anúncio

Anúncio

Veja também

Anchieta-Credito-da-Foto-Andrews-Quinteiro_

Pelo quarto ano consecutivo, Anchieta recebe nota A do Tesouro Nacional

pfizer

Guarapari: ação de vacinação sem agendamento para adolescentes com comorbidades

Anúncio

Anúncio

ameazul-praia

Moradores da Enseada Azul, em Guarapari, realizam ação de limpeza neste sábado (18)

Ação é uma adesão ao Dia Mundial da Limpeza

Comunicado - 17-09-2021

Comunicado – 17/09/2021

Anúncio

pfizer

Vacinação dos adolescentes é mantida no Espírito Santo

O Ministério da Saúde suspendeu a imunização do público de 12 à 17 anos sem comorbidades

afrochaves-estacao-da-cultura-2021-09-16-4

Resistência preta marca abertura do Estação da Cultura em Alfredo Chaves

Anúncio