Anúncio

Antônio Ribeiro escreve para o folhaonline.es aos domingos e, a cada semana, o colunista relaciona Guarapari ao tema do momento. Antônio é administrador de empresas, viveu em Porto Alegre, São Paulo e Curitiba, esteve em todos os estados brasileiros, a exceção de Acre, Roraima e Amapá, ministrou cursos em todos os países da América Latina, menos nas três Guianas, e escreveu o Guia de Férias e Feriadões.

Artigo: azul é a cor do mar que faz bem olhar em Guarapari

Por Antônio Ribeiro

Publicado em 16 de maio de 2021 às 09:00
Atualizado em 17 de maio de 2021 às 14:10

Anúncio

Fotos: arquivo/ FolhaOnline.es.

Maio chegou trazendo um mar agitado, ondas maiores, maré alta, muitos pescadores a noite na ponte sobre o canal, esperando o robalo e a cor marrom. Cor de barro. Marrento.

Passada a tempestade, com muita chuva e frente fria, nosso mar rapidamente vai mudando de cor, com a água ficando mais limpa, sem as folhas, quase límpida.

Primeiro assume uma cor esverdeada, tipo costa de São Paulo e Rio, para a seguir, chegar a sua cor azul habitual, que leva muita gente para o Caribe. Nem precisava. É aqui!

O espetáculo das tartarugas gigantes do Projeto Tamar, parece ficar suspenso por alguns dias. Elas desaparecem, para voltar à praia de nascimento, quando limpas.

Os pescadores se animam e o po po pó dos seus barcos, fica mais frequente e até os remadores, amigos das canoas havaianas, saem bem cedo com suas remadas harmônicas.

praias-de-setiba-guarapari

Até fragatas e gaivotas se animam a voos de asa aberta, aproveitando os ventos brandos, talvez mornos, ideais para planar por horas e horas, sem precisar bater asas.

O show azul fica mais bonito, pela grande quantidade de pedras grandes, que demarca limites às nossas mais de cinquenta praias, pelo bater constante das ondas, espumando em formas.

Afora a Praia do Morro e a Praia do Riacho, todas as demais tem belas pedras emoldurando e pondo detalhes curvilíneos, fatores de beleza e orgulho capíxaba.

É lindo ver o mar todos os dias, pois a cada um, está diferente. Pedras aparecem, pedras somem! Ondas sobem, outras batem, com mais ou menos espuma, mas sempre belas.

Mas de tudo, o mais bonito é sempre a variação da cor, que na essência, é sua ausência. Quanto mais limpo, mais azul parece. Mais bonito aparece, aos seus e aos meus, olhos.

É belo ver o mar. Faz bem. Relaxa, tranquiliza. Não tem preço. É grátis!

Autor do Guia de Férias e Feriadões, bem como de 46 outros livros.

Contato: [email protected]

As informações e/ou opiniões contidas neste artigo são de cunho pessoal e de responsabilidade do autor; além disso, não refletem, necessariamente, os posicionamentos do folhaonline.es

Anúncio

Anúncio

Veja também

violao_e_cordas_reproducao-2021-06-12

Beatles é repertório para concerto de violão e cordas em Guarapari na noite de hoje (12)

Concerto acontece na antiga Igreja Matriz, às 18h

arrtigo_direito-2021-06-12-1

Artigo: a atuação de pessoas negras no judiciário brasileiro

Anúncio

Anúncio

recanto_da_sereia-2021-06-12-1

Cansados de ver lixo, moradores de Guarapari limpam rua por conta própria

Moradores do bairro Recanto da Sereia realizaram mutirão para limpar local de descarte inadequado de lixo

Praia do Morro em tarde nublada. Previsão de chuva.

Fim de semana dos namorados seguirá frio em Guarapari

Anúncio

expresso_lorenzutti-onibus_saude

Sindicato afirma: 100% dos ônibus voltam a circular em Guarapari na segunda-feira (14)

vacinacao_50-mais-gri2021-06-12

Covid-19: Guarapari abre agendamento para pessoas acima de 50 anos e profissionais da educação

Anúncio