Anúncio

Bebê prematuro recebe alta e pais agradecem atendimento do Hifa Guarapari

Benjamin nasceu de 31 semanas e precisou passar mais de um mês na UTIN

Por Aline Couto

Publicado em 4 de setembro de 2020 às 15:38
Atualizado em 5 de setembro de 2020 às 10:35

Anúncio

Fotos: Arquivo Pessoal.

Elaine do Carmo de Andrade e Bruno Lopes Santos são só agradecimentos e elogios ao Hospital Infantil Francisco de Assis – Hifa Guarapari. Hoje em casa e aliviados, os pais do pequeno Benjamin, que recentemente completou um mês, passaram mais de 30 dias entrando e saindo do Hifa para acompanhar a evolução do filho que nasceu prematuro e precisou ficar internado na Unidade de Terapia Intensiva Neonatal (UTIN).

A gravidez de Elaine seguiu de forma tranquila até a 30ª semana, quando ela começou a ter problemas de pressão. “Minha pressão subiu demais, chegou a 18. Após exames, a médica achou por bem fazer uma cesariana de emergência. Desde o primeiro momento fui muito bem atendida e acolhida”.

Benjamin do Carmo Lopes Santos nasceu no dia 24 de julho, às 17h50, de 31 semanas. “Assim que nasceu ele precisou ser encaminhado a UTIN. E lá ficou um mês e três dias. Nesse tempo todo, recebi o melhor atendimento possível de excelentes profissionais que sempre tiravam minhas dúvidas e me confortavam com palavras de carinho. Todos foram ótimos conosco, mas destaco a técnica de enfermagem, Estefânia e a pediatra Dr Fernanda”, contou a mãe.

Estefânia, Elaine e Benjamin.

“Elaine é uma pessoa muito amorosa e tranquila, mas a partir do momento em que se viu na situação de ter um filho na UTIN viu a rotina e os pensamentos mudarem. Aí vieram o medo e as incertezas sobre o bem estar do filho. Ela tinha dúvidas, mas foram fáceis de explicar”, relatou Estefânia Marques Menegussi

Segundo a técnica de enfermagem, em se tratando de prematuro o tempo é fundamental para o desenvolvimento e evolução do bebê. “E não é só o pequeno que precisa de cuidados, os pais também, mas principalmente a mãe que está debilitada emocionalmente com a situação do filho. Nem resguardo elas têm, coitadas. Todos os dias estão ali das 09h às 21h, acompanhando, amamentando quando possível, dando banho e fazendo o pouco que podem. Por isso enfatizo o cuidado com elas, procuro demonstrar que os bebês serão amados e cuidados, que elas podem ir para casa despreocupadas e tendo a certeza de que os pequenos estarão em boas mãos.  Trabalho com o que mais amo e procuro fazer com que o dia dentro da UTIN seja para as mães um dia especial, alegre e com boas vibrações”.

Com mais de 20 anos atuando como pediatra neonatologista, Dr Fernanda Cóe E Gomes Tardin diz que tanto ela quanto as mães aguardam sempre ansiosas o tão esperado dia da alta. “Como médica eu já estou habituada a situação e ao ambiente, mas para as famílias esse é um momento de extrema fragilidade. Felizmente a maioria dos finais são felizes e as famílias vão para casa completas, como foi o caso do Benjamin. Ele nasceu muito pequeno, mas evoluiu bem e logo teve uma resposta positiva. Elaine e Bruno foram pais tranquilos, receptivos e participativos. A alta é sempre a melhor parte”.

Benjamin já está em casa, recebeu alta dia 29 de agosto, e passa bem. “Serei sempre muito grata ao Hifa. Tive tudo, atendimento, explicação, carinho, positividade e conforto. Nunca irei esquecer”, finalizou Elaine.

É proibida a reprodução total ou parcial de textos, fotos e ilustrações, por qualquer meio, sem prévia autorização do FolhaOnline.es.

Anúncio

Anúncio

Veja também

onibus-28-10-2019.mov-snapshot-00.10-2019.10.28-09.17.03-

Passageiros da Viação Alvorada reclamam de atrasos frequentes em linhas sem trocador

geada ES1

Aviso meteorológico prevê sensação térmica abaixo de 0 °C e formação de geada no ES

Anúncio

Anúncio

Julio-Joaquim-folhaonline-27-e-29Jul-2

Edital de Citação – Imóvel Usucapiendo

Casagrande clima

Casagrande e mais seis governadores se reúnem com enviado dos EUA para o clima

Anúncio

renato_entrevista

Entrevista: vereador busca alinhar Anchieta aos objetivos globais de desenvolvimento sustentável

Confira a entrevista exclusiva do jornal FolhaOnline.es com o vereador Renato Lorencini

detonacao_rocha_guarapari-2020-03-24

Detonação de rocha vai interditar BR-101 entre Guarapari e Anchieta

Anúncio