Anúncio

Canoa Havaiana faz adeptos em Guarapari

Por Carolina Brasil

Publicado em 24 de fevereiro de 2018 às 10:00
Atualizado em 23 de fevereiro de 2018 às 16:10
Anúncio

As aulas do esporte que une força, foco e trabalho em equipe acontecem periodicamente na Praia do Morro.

A cultura da canoa havaiana, que nasceu há mais de três mil anos, chegou com tudo a Guarapari. Os amigos Victor Ribeiro e Marcos Bisoto fundaram, há cerca de quatro meses, a Associação Amigos da Canoa Guarapari – ES.

“Foi paixão à primeira remada”, confessou Victor, que procurou o esporte depois que lesões o impediram de continuar na prática do slackline. E a paixão se tornou amor, já que o estudante de educação física dedica muitas manhãs como instrutor na associação.

Victor Ribeiro em primeiro plano, seguido de outros praticantes. Foto: Arquivo pessoal

O esporte reúne seis pessoas na canoa, cada uma com uma função e todas fundamentais para a atividade: Os bancos 1 e 2 ditam o ritmo da remada em lados opostos, o 3 é o comando de voz para troca de lado, o 4 defende o flutuador, enquanto o 5 é o responsável por retirar a água quando necessário, o 6 é o capitão e responsável pelo leme que dá direção à canoa. E o trabalho em equipe começa antes mesmo da primeira remada, durante a preparação da canoa, montagem, amarrações, limpeza e organização.

De acordo com os praticantes, a canoa havaiana é mais do que um esporte, é uma filosofia de vida que beneficia corpo e mente, aproxima o indivíduo da natureza e reflete benefícios em vários aspectos. “Fiz uma aula como presente para mim mesmo no dia do meu aniversário, queria fazer algo diferente e não parei mais. Já perdi três quilos, estou mais disposto, o contato com a natureza me deixou mais calmo e as mudanças foram visíveis”, contou Ruann Freitas, músico.

A engenheira ambiental, Yandressa Karine Rodrigues de Pinho, que havia acabado de fazer uma aula experimental, saiu feliz da vida. “Foi perfeita! Eu adoro o contato com a natureza e a canoa havaiana era algo que sempre quis fazer, quando descobri que tinha aqui, não pensei duas vezes”, confessou.

Passagem pelo Canal de Guarapari durante uma das aulas. Foto: Arquivo pessoal

A base Amigos da Canoa fica na Praia do Morro. Mais de 100 pessoas tiveram contato com o esporte neste verão. Hoje, 15 alunos, duas vezes por semana, remam por 6km em média contemplando o litoral de Guarapari.

Serviço:

Amigos da Canoa Guarapari – ES

Praia do Morro

Procure o grupo nas redes sociais ou ligue: (27) 99577-8535

  • A reportagem completa você confere na próxima edição da Revista SOU (24), em março nas ruas.

É proibida a reprodução total ou parcial de textos, fotos e ilustrações, por qualquer meio, sem prévia autorização do FolhaOnline.es.

Tags:

Anúncio
Anúncio

Veja também

1D9511D7-5D35-48E5-A1CE-32534D35DF82

A mediação como meio de solução pacífica de conflitos após a pandemia

Criolipólise-foto-Clovis-Rangel

Projeto verão: tratamentos estéticos para ficar com tudo em cima mesmo com a pandemia

Anúncio
Anúncio
teste-rapido-coronavirus-covid19-1

Alfredo Chaves, Anchieta e Guarapari elevam casos de Covid-19 e retornam ao Risco Moderado

Carros-Foto-Romero-Secom-ES

Governo do Estado divulga datas para pagamento do IPVA

Anúncio
Upa Covid

Guarapari amplia espaço para pacientes com suspeitas de síndromes respiratórias na UPA

MarcosKneip_01

“Temos saldo de 9 mil empregos e zeramos as perdas no ES”, disse secretário Marcos Kneip

Guarapari está com um saldo positivo de 349, foram 777 admissões e 428 desligamentos

Anúncio