Anúncio

Casamento comunitário recebe 200 inscrições de casais

Por Glenda Machado

Publicado em 29 de março de 2017 às 10:48
Atualizado em 29 de março de 2017 às 10:48

Anúncio

Ação promoverá a união civil, sem custos, e uma cerimônia ecumênica. Organização pede apoio para doação de vestidos de noiva.

Para quem gosta de casamentos, ver uma noiva entrando na igreja de branco é emocionante, agora imagina ver 200 mulheres dizendo o tão esperado “sim” para os seus noivos?  A edição 2017 do Casamento Comunitário de Guarapari, realizado pelo Projeto Florescer vem com esse objetivo. A ação promoverá a união civil, sem custos, e uma cerimônia ecumênica aos casais. Este ano, a cerimônia ecumênica do Casamento Comunitário será no final do mês de agosto na quadra do Polivalente.

casamento-coletivo

Cerimônia do 1º Casamento Comunitário realizado pelo Projeto Florescer, em 2016. Foto: reprodução

Segundo a presidente do projeto, Leia Maiole, o número de inscritos atingiu as expectativas. “Na primeira edição realizamos 80 casamentos e agora estamos muito felizes em poder ajudar outros casais que possuem o sonho de se unir perante os homens e Deus”, comentou.

Leia-projeto-florescer

Com amor pelo que faz, Leia, quer ajudar casais a realizarem seu sonho. Foto: Glenda Machado

Sem apoio de órgão públicos, as 10 mulheres do Projeto Florescer contam apenas com o seu amor pelo trabalho voluntário e ajuda de pessoas da sociedade civil e empresários locais. “Todos os casais que participam do casamento coletivo, em sua maioria, são pessoas muito humildes que não tem condições de bancar uma cerimônia, ou muito menos conseguir um vestido de noiva. A nossa satisfação é vê-las sorrindo e felizes com o seu sonho do casamento”, completou a presidente do projeto.

Doações de vestidos

Muitas noivas manifestaram a vontade de usar o tradicional vestido de noiva no dia. Por essa razão, as mulheres do Projeto Florescer também estão recebendo vestidos de noiva e de festas com o objetivo de emprestá-los às noivas, que os devolverão para serem usados nas próximas edições do Casamento Comunitário. “Já conseguimos 80 vestidos de noivas e de festas e gostaríamos de reforçar o pedido de doação”, disse Leia.

casamento-coletivo2

O projeto pede ajuda para conseguir vestidos, ternos e arrumação das noivas. Foto: reprodução

O Casamento deste ano também terá parceiros de peso. As noivas receberão cuidados de beleza, farão cabelo e maquiagem para o grande dia, terão o casamento registrado em foto e vídeo e muitas outras surpresas. Por isso, o apoio de empresários que queiram ajudar a realização deste dia possível é muito importante.

“Caso alguém queira adotar um casal pedimos a contribuição de R$350 para as despesas de aluguel do vestido, terno, cartório e decoração do dia do casamento. Quem puder ajudar ficaremos muito agradecidas”, reforçou o pedido.

Se você ficou interessado em ajudar o Projeto Florescer fica na Rua Mantenopolis, n 10, bairro Bela Vista, ao lado da escola Jorge Bueri. Outras informações pelo telefone (27) 99999-9230

É proibida a reprodução total ou parcial de textos, fotos e ilustrações, por qualquer meio, sem prévia autorização do FolhaOnline.es.

Tags:

Anúncio

Anúncio

Veja também

onibus-28-10-2019.mov-snapshot-00.10-2019.10.28-09.17.03-

Passageiros da Viação Alvorada reclamam de atrasos frequentes em linhas sem trocador

geada ES1

Aviso meteorológico prevê sensação térmica abaixo de 0 °C e formação de geada no ES

Anúncio

Anúncio

Julio-Joaquim-folhaonline-27-e-29Jul-2

Edital de Citação – Imóvel Usucapiendo

Casagrande clima

Casagrande e mais seis governadores se reúnem com enviado dos EUA para o clima

Anúncio

renato_entrevista

Entrevista: vereador busca alinhar Anchieta aos objetivos globais de desenvolvimento sustentável

Confira a entrevista exclusiva do jornal FolhaOnline.es com o vereador Renato Lorencini

detonacao_rocha_guarapari-2020-03-24

Detonação de rocha vai interditar BR-101 entre Guarapari e Anchieta

Anúncio