Anúncio

Casas de Recuperação de Guarapari devem receber R$ 50 mil da Câmara

Por Livia Rangel

Publicado em 27 de agosto de 2013 às 00:00

Anúncio

Casas de recuperação de dependentes químicos de Guarapari deverão receber em breve um auxílio de R$ 50 mil da Câmara Municipal de Guarapari. O anúncio foi dado, sem maiores detalhes pelo presidente da casa, Wanderlei Astori, ao final da primeira Audiência Pública da Comissão Permanente Antidrogas (CPAD) da Câmara, realizada na noite desta segunda-feira (26). O objetivo da reunião foi coletar informações iniciais para estabelecer políticas públicas de combate ao consumo de drogas na cidade e tratamento dos dependentes químicos.

Participaram da reunião, diversos representantes de casas de recuperação, Ongs, o Chefe do 10º Batalhão da PM, Coronel Barreto; a secretária municipal de Saúde, Aurelice Vieira, estudantes, presidentes de associações de moradores, entre outros. Quase todos os vereadores também estavam presentes, com exceção dos parlamentares Anselmo Bigossi, Fernanda Mazzelli e Paulina Aleixo Pinna.

Religião. Com aproximadamente duas horas e meia de duração, a audiência foi marcada por uma série de testemunhos de ex-dependentes químicos e representantes de casas de recuperação com forte ligação com a religião cristã (evangélica e católica).

O fato de não haver um depoimento mais técnico sobre o uso de drogas foi alvo de crítica de algumas pessoas que estavam presentes, entre elas a assistente social Raysa Marques. “Vim aqui acreditando que ouviria um debate técnico e sério sobre o uso abusivo de drogas, sobre investimentos na educação, saúde, assistência e trabalho, mas não foi isso que escutei. Minha intenção em nenhum momento é falar mal da igreja, acredito e muito e acho necessário o trabalho que esta faz, mas não podemos permitir o que o poder público utilize de um trabalho que já é feito para lavar as mãos”, afirmou.

Sobre isso, o vereador e presidente da CPAD, Gedson Merízio destacou que esta era apenas a primeira de muitas reuniões a serem realizadas pela comissão e que os depoimentos seriam utilizados justamente para a criação de políticas antidrogas no município, juntamente com representantes de casas de recuperação, executivo municipal e estadual e Ministério Público. “O fato é que, segundo uma pesquisa da ONU, 9 entre cada 10 jovens que não usam drogas, dizem que não fazem isso por causa da igreja e da família”, rebateu.

Uma segunda reunião, exclusivamente, com representantes de casas de recuperação e projetos de apoio a viciados foi marcada para o dia 03 de setembro, às 13 horas, na própria Câmara.

A CPAD, criada em março deste ano, é formada pelos vereadores Gedson Merizio (presidente), Oziel de Sousa (relator) e Thiago Paterlini Monjardim (membro).

É proibida a reprodução total ou parcial de textos, fotos e ilustrações, por qualquer meio, sem prévia autorização do FolhaOnline.es.

Tags:

Anúncio

Anúncio

Veja também

falta-de-agua-e-um-problema-politico-2-1024x683-1024x585

Governo do Estado declara Estado de Atenção para situação hídrica no ES

Medida foi tomada devido à falta de chuvas e estiagem nos últimos meses

Joao-Hadad-em-A-Grande-Conquista-2

Guarapariense João Hadad disputa final de reality show da Record

Final acontece nesta quinta (18)

Anúncio

Anúncio

casa-sinestescia-2024

Casa Sinestésica oferece Oficina de Desenho gratuita nesta quarta (17) em Guarapari

Com o tema Autorretrato, atividade tem vagas limitadas

IMG_9800-1

Terra dos Dinos: Guarapari deve ganhar filial do ‘Jurassic Park brasileiro’ em 2025

Parque temático, no RJ, possui diversas atrações e 40 modelos de dinossauros em tamanho real

Anúncio

20240701_160006

Fios acumulados e pendurados em postes preocupam moradores de Guarapari

Moradores flagraram casos em duas avenidas movimentadas da Praia do Morro

lei-seca_forca-pela-vida-7-1

Blitz Lei Seca flagra 131 motoristas alcoolizados em todo Estado no fim de semana

Ação faz parte do programa “Força pela Vida”, integrando diversos órgãos

Anúncio