Anúncio

Cineclube Itinerante nesta quarta-feira (25) no Centro Cultural de Anchieta

Por Glenda Machado

Publicado em 24 de abril de 2018 às 15:02
Atualizado em 24 de abril de 2018 às 15:02
Anúncio

Mais uma opção de lazer e cultura para os anchietenses que apreciam a sétima arte. É que o Projeto Atiára Cineclube Itinerante desembarca neste mês no município. A primeira apresentação vai acontecer nessa quarta-feira (25) às 19h, no Centro Cultural de Anchieta.

Com exibições mensais de curtas-metragens, todos os distritos do município irão receber o projeto que contribui para o resgate da autoestima, da motivação e da alegria. O Atiára Cineclube Itinerante, que na língua indígena, quer dizer “Um fio de luz”, conta com oito apresentações sendo uma no Centro Cultural, nas comunidades de Mae-bá, São Mateus, Novo Horizonte, Limeira, Escola Família Agrícola em Olivânia, Duas Barras e no distrito de Alto Pongal.

Dique-quilombola será um dos curtas apresentados nesta quarta-feira (24).

“Posso dizer que o cineclube é uma oportunidade para criarmos espaços de discussão e por meio da arte cinematográfica tratarmos sobre diversos temas socioculturais, desde questões voltadas ao meio ambiente, o agro turismo, a cidadania e os direitos humanos, estimulando sempre a transformação do meio em que vivem”, explicou a coordenadora do projeto, Luziane de Souza.

O Atiára Cineclube Itinerante faz parte da seleção de projetos culturais 2017 da Secretaria de Estado da Cultura para desenvolvimento e manutenção de Cineclubismo no Espírito Santo. Se você ficou interessado, leve a sua família. A entrada é franca.

Curtas:

Picolé, Pintinho e Pipa – 15 minutos – ficção

O carro do troca-troca está passando em sua rua: garrafa velha, bacia velha, panela velha, garrafão de vinho, o moço troca por Picolé, Pintinho e Pipa. Pedrinho, figura principal, cerca de 12 anos, Juquinha, seu irmão mais novo,e os amigos: Morcegão, Gargamel e Bebeco. Essas cinco crianças irão fazer de tudo para alcançar o carro do troca-troca antes que ele vá embora. O filme trata de temas como miséria, violência doméstica e alcoolismo.

Dique-quilombola – 13 minutos – documentário

Por meio de uma brincadeira, o filme destaca a conversa entre crianças capixabas, que têm raízes em comum, mas que pouco se conheciam até a realização do filme. De um lado, estão as crianças da comunidade quilombola São Cristóvão, localizada na região do Sapê do Norte. Do outro, estão meninos e meninas do morro São Benedito, em Vitória (ES).

É proibida a reprodução total ou parcial de textos, fotos e ilustrações, por qualquer meio, sem prévia autorização do FolhaOnline.es.

Tags:

Anúncio
Anúncio

Veja também

edson

Guarapari: Edson Magalhães continua na frente em nova pesquisa da Rede Vitória/Futura

Gedson Merizio (PSB) apresentou um crescimento de mais de 47%, em comparação à última pesquisa

Foto: Divulgação / PCES

Dono de sorveteria é preso em Guarapari, após receptar carga roubada

A carga de materiais descartáveis, avaliada em R$50 mil, havia sido roubada em Vila Velha

Anúncio
Anúncio
imagem 28-10

PM recupera veículo e apreende arma em Guarapari

WhatsApp Image 2020-10-29 at 16.23.15 (1)

Instituto oferece curso gratuito para moradores de Guarapari

Além dessa nova turma, o Instituto Vinde oferta outros cursos profissionalizantes e serviços em diversas áreas

Anúncio
curso-astronomia-alberto-brum-novaes-1200x630

Alunos de Anchieta são classificados para segunda fase da Mostra de Astronomia do ES

praia do morro

Guarapari: Praia do Morro já contabiliza 541 casos e 13 mortes decorrentes da Covid-19

Anúncio