Anúncio

Comissão de Meio Ambiente debateu com representantes do executivo sobre reordenamento das feiras livres em Guarapari

Por Redação Folhaonline.es

Publicado em 25 de maio de 2019 às 12:00
Atualizado em 24 de maio de 2019 às 09:54
Anúncio

A reunião finalizou com cinco propostas encaminhadas ao executivo

Foto: Assessoria de Comunicação da Câmara Municipal de Guarapari.

A Comissão de Meio Ambiente, Agricultura e Pesca realizou uma reunião extraordinária com o secretário adjunto de Meio Ambiente e Agricultura, David Arpini e os trabalhadores das feiras livres do Centro e Muquiçaba para discutir o decreto 169/2018, que regulamenta a Lei 4142/2017 sobre a organização do espaço e o funcionamento das feiras.

O relator da Comissão, vereador Marcos Grijó (PDT), explicou o objetivo da reunião. “Nós trouxemos o secretário adjunto de Agricultura e os feirantes para uma discussão para que os feirantes não saiam prejudicados com esse reordenamento do espaço da feira”, afirmou o parlamentar.

Na ocasião, o secretário adjunto e a veterinária do município e presidente da comissão que está tratando da reorganização da feira, Mariana Paganini, esclareceram dúvidas sobre o decreto da Comissão e dos feirantes.  “Viemos aqui para tirar dúvidas até a implantação do projeto. Depois que todos os acordos forem feitos a gente coloca a Lei 4142 em prática e vamos adequar a feira tanto do Centro quanto a de Muquiçaba”, disse David Arpini.

Ao término da reunião foram apresentadas cinco propostas: o cadastramento familiar, que deve garantir para os familiares a autorização para continuarem trabalhando nas feiras caso os titulares das licenças venham a falecer; que um entre os critérios para pontuação que dá direito a metragem no espaço da feira estejam o tempo de trabalho e atividade desenvolvida; a mesma localização das barracas; o aumento da largura da banca de 90 centímetros, como previsto no decreto, para 1,60 metro e que o tamanho tenha o limite de seis metros para todos, incluindo, aqueles que possuem barracas maiores.

Todas as propostas foram levadas pelos representantes do município para que sejam avaliadas na possibilidade de incluí-las no projeto.

*Com informações: Assessoria de Comunicação da Câmara Municipal de Guarapari

 

É proibida a reprodução total ou parcial de textos, fotos e ilustrações, por qualquer meio, sem prévia autorização do FolhaOnline.es.

Tags:

Anúncio
Anúncio

Veja também

Foto: Reprodução

Mais uma morte pelo novo Coronavírus em Guarapari

Dos 3.742 moradores de Guarapari que contraíram o vírus, 3.470 estão curados 8 hospitalizados e 124 vieram a óbito

fora edson

Guarapari: placa com #ForaEdson é retirada, mas autor recorre contra decisão judicial

Anúncio
Anúncio
Júlio César

STF julga processo iniciado por universitário de Guarapari

Júlio César Carminati deu início ao pedido de Habeas Corpus coletivo em 2018

cesan-guarapari

Cesan nega comunicado de paralisação de abastecimento para Anchieta e Guarapari

Anúncio
Bárbara Hora

Conheça as propostas dos candidatos à prefeitura de Guarapari: Bárbara Hora

Litza Aoni (2)

Advogada cria loja com produtos à base de cannabis, em Guarapari

Anúncio