Anúncio

Como aprender xadrez em cinco minutos?

Por Glenda Machado

Publicado em 7 de julho de 2015 às 17:17
Atualizado em 7 de julho de 2015 às 17:17
Anúncio

Precursor do esporte na cidade cria método que revoluciona o ensino de xadrez para crianças e adultos

tabuleiro de xadrez

CLÁUDIO patenteou um tabuleiro pedagógico de xadrez que facilita o aprendizado.

Você acha possível aprender a jogar xadrez em cinco minutos? Eu também duvidei, mas fiz o teste e está comprovado: é possível. Sem saber os nomes das peças e muito menos os movimentos de cada uma no tabuleiro, em menos de cinco minutos aprendi a dinâmica e o objetivo do jogo: o famoso xeque-mate. Mas isso só foi possível com um método de aprendizado desenvolvido pelo instrutor e árbitro pela Confederação Brasileira de Xadrez, Cláudio Ferreira. São 15 anos de trabalho, um tabuleiro pedagógico patenteado e um livro escrito com o renomado mestre e treinador internacional de Cuba Raul Perez.

Precursor do esporte na cidade, o nosso campeão municipal e pedagogo também foi o grande responsável por difundir o xadrez nas escolas. Uma iniciativa que começou com alguns alunos da rede pública, hoje também já conquistou adeptos nas instituições particulares. “Mais de 20 mil alunos já passaram pelo nosso projeto. Hoje, 15 escolas municipais permanecem com as aulas sob coordenação do professor Ezack Matos. E duas particulares que eu coordeno. Guarapari já sediou competições em nível internacional e possui enxadristas de alto nível de competição”, conta Cláudio.

Depois de implantar o xadrez nas escolas, ele luta agora por uma lei municipal que inclua o esporte na grade curricular das instituições de ensino como aconteceu em Santa Maria de Jetibá. Justificativas para essa inserção não faltam, afinal já foi cientificamente comprovado que o xadrez estimula o desenvolvimento cognitivo e as inteligências múltiplas, como atenção, tomada de decisão, disciplina, criatividade, equilíbrio, controle emocional, memória a curto e longo prazo, foco, determinação, definir objetivos, traçar planos de ações entre outros.

“Você começa a pensar de forma mais crítica para eleger a melhor solução e isso reflete em outras áreas do conhecimento em nível pessoal e profissional. Não melhora apenas o raciocínio lógico, mas diversos setores da inteligência. Além de ensinar valores, como respeitar o adversário e saber perder, identificando onde pode melhorar. Mas como não é uma matéria obrigatória, fica a critério de cada escola aderir ou não. Temos alunos a partir de 4 anos com comprovações de que o xadrez acelera o aprendizado e ministro treinamento até em empresas”, afirma Cláudio.

Informações: [email protected]

Reportagem: Lívia Rangel 

Anúncio
Anúncio

Veja também

Foto: Reprodução

Coronavírus: Guarapari confirma 7º óbito; Sobe para 111 número de curados

A vítima fatal da doença residia em Muquiçaba; Município não registra novos casos desde o último sábado (23)

cesta-basica-217391-article

Prefeitura de Guarapari realiza cadastramento para recebimento de cestas básicas

A ação tem por objetivo beneficiar famílias em situação vulnerabilidade social, em decorrência da pandemia do novo coronavírus

Anúncio
Anúncio
correiosm

Inscrições para o Jovem Aprendiz dos Correios terminam na próxima sexta-feira (29)

São ofertadas 4.462 vagas distribuídas em todo país

Renato Casagrande. Foto: Divulgação

Coronavírus: Casagrande e primeira-dama testam positivo

De acordo com a nota, Casagrande passou a apresentar sintomas leves e realizou exames confirmando a doença

Anúncio
Foto: Divulgação

Comunidades da zona rural de Alfredo Chaves são beneficiadas com construção de pontes

De acordo com o prefeito, essas obras vão assegurar que produtores e moradores trafeguem com mais qualidade e segurança

Foto: Pixabay

Grandes obras em Guarapari fazem crer na retomada após a pandemia