Anúncio

Entrada de deputados em hospital provoca reação do Governo do ES

A atitude de cinco parlamentares capixabas coincidiu com a repercussão da fala do presidente Jair Bolsonaro sobre a ocupação de leitos em razão da pandemia por Covid-19

Por Carolina Brasil

Publicado em 14 de junho de 2020 às 09:42
Atualizado em 15 de junho de 2020 às 12:15

Anúncio

Foto: Arquivo/Reprodução

Na última sexta-feira (12), os deputados estaduais Lorenzo Pazolini (Republicanos), Vandinho Leite (PSDB), Torino Marques (PSL), Danilo Bahiense (PSL) e Carlos Von (Avante), que é de Guarapari, fizeram uma visita surpresa ao Hospital Estadual Dório Silva, na Serra. O fato foi repudiado pelo Governo do Espírito Santo, através de nota da Secretaria de Estado da Saúde (Sesa), que classificou a atitude como “invasão”.

Um dia antes, durante uma transmissão ao vivo, o Presidente da República, Jair Bolsonaro, incentivou a ‘fiscalização’ dos hospitais que absorvem os pacientes da Covid-19 declarando:

“Tem hospital de campanha perto de você, tem hospital público? Arranja uma maneira de entrar e filmar. Muita gente tá fazendo isso, mas mais gente tem que fazer para mostrar se os leitos estão ocupados ou não, se os gastos são compatíveis ou não. Isso nos ajuda”.

Sobre a declaração, o governador Renato Casagrande se manifestou em uma rede social:

Porém, de acordo com divulgações feitas pelos parlamentares citados, a visita aconteceu por motivo de denúncias recebidas por eles para investigarem as condições de trabalho no local. Contudo, vale lembrar que o Dório Silva é um dos hospitais referência no atendimento aos pacientes infectados pelo novo Coronavírus (Covid-19) no estado.

Ainda segundo os deputados estaduais, não houve invasão e tão pouco teriam sido impedidos de acessar o local, sendo a entrada permitida e acompanhada por funcionários. Além disso, não teria ocorrido a quebra de qualquer protocolo de segurança em saúde relacionado à pandemia.

Governo do Espírito Santo, através de nota da Secretaria de Estado da Saúde (Sesa), reagiu ao ocorrido divulgando nota de repúdio e classificando a ação como “invasão”. Confira a íntegra do documento:

“A Secretaria de Saúde (Sesa) manifesta repúdio à invasão das instalações do Hospital Dório Silva, no município da Serra, por alguns deputados estaduais e outras pessoas estranhas ao ambiente hospitalar. É inadmissível esse tipo de atitude, no momento em que o Espírito Santo, o País e o mundo enfrentam a mais grave crise de saúde em nossa geração. Mais grave é o fato de que tal atitude foi insuflada por uma declaração irresponsável do chefe da Nação. Tal atitude intempestiva por parte dos invasores colocou em risco pacientes e servidores, já que estes indivíduos quebraram todo tipo de protocolo sanitário, transitando em alas destinadas a pacientes com Covid e alas de outras enfermidades. Além da violação do direito à imagem de todas as pessoas constrangidas pelos invasores por meio da captação de imagens sem autorização, o ato é um desrespeito aos familiares que, devido e esses protocolos, não podem sequer ter contato com seus entes queridos. Lamentamos o ocorrido e clamamos que as autoridades constituídas tenham dimensão de suas responsabilidades neste momento. Esta Secretaria nunca se furtou de prestar informações ao Legislativo e a toda sociedade Capixaba. Contudo, a legislação prescreve todas as vias legais e não será o abuso de poder e a intimidação que nos levará a superar esta pandemia.”

É proibida a reprodução total ou parcial de textos, fotos e ilustrações, por qualquer meio, sem prévia autorização do FolhaOnline.es.

Anúncio

Anúncio

Veja também

Covid-19_ES ultrapassa 10 mil obitos - 2021-05-11

Painel Covid-19: Guarapari se aproxima de 350 e ES ultrapassa 10 mil óbitos por Covid-19

Segundo a última atualização, na tarde de hoje (11), o número de óbitos chegou a 10.013 em todo o Estado

vacina_butantan_covid-divugacao_es

Guarapari abre agendamento para segunda dose da Coronavac em idosos acima de 70 anos

Anúncio

Anúncio

vacinacao-gripe-vilhena-2021-05-11

Imunização contra gripe para idosos e professores começou hoje (11) em Guarapari

Desaparecido Secr Saúde1

Encontrado morador de Guarapari que estava desaparecido

Anúncio

vacina pfizer

Vacina da Pfizer será aplicada em gestantes do ES após suspensão da AstraZeneca

A vacina, até então, só estava sendo aplicada em moradores de Vitória; Anvisa orientou a suspensão da aplicação da AstraZeneca em gestantes nessa segunda-feira (10)

Fachadas Pitágoras.com_

“Solidariedade que transforma”: faculdade de Guarapari adere a campanha de arrecadação de alimentos

Kroton lança campanha nacional de arrecadação de alimentos e artigos de higiene

Anúncio