Anúncio

“ES faz quase três vezes mais testes para a Covid-19 que a média do país”, disse Casagrande

Por Aline Couto

Publicado em 15 de junho de 2020 às 10:35
Atualizado em 15 de junho de 2020 às 18:21
Anúncio
A informações foi divulgada na noite de ontem em uma rede social.

O Governador do Espírito Santo divulgou, na noite desse domingo (14), através de uma rede social, que o Estado realiza quase três vezes mais testes para o novo Coronavírus (Covid-19) que a média brasileira.

De acordo com o governador, no Espírito Santo já foram feitas 17.500 testagens por milhão de habitantes. Já em todo país, a média é de 6.500 testes.

“Testar mais é fundamental para enfrentarmos a doença com mais eficácia e não termos subnotificação. Isso é transparência”, pontou Casagrande.

Em tempo

Hoje (15), o Estado registra 1.055 óbitos pela Covid-19. São 26.469 casos confirmados e 14.634 pacientes curados.

É proibida a reprodução total ou parcial de textos, fotos e ilustrações, por qualquer meio, sem prévia autorização do FolhaOnline.es.

Anúncio
Anúncio

Veja também

Foto: Reprodução

Coronavírus: Sobe para 87 número de óbitos em Guarapari

As vítimas fatais da doença residiam nos bairros Ipiranga e Praia do Morro

acacci

Associação capixaba participa de campanha em prol de crianças com câncer

Comprando um cupom da campanha “Sorte Acelerada”, uma parceria entre a Acacci e o Instituto Ronald McDonald, você concorre a um carro e ajuda na luta contra o câncer infantojuvenil

Anúncio
Anúncio
Lions Clube1

Lions Clube Guarapari completa 56 anos de prestação de serviços à comunidade

A instituição está em 214 países com 48.247 clubes em um total de 1.422.702 associados

carteira-de-trabalho

Sine Anchieta divulga vagas com oportunidades para moradores de Guarapari

Horário de Atendimento por telefone, das 8h às 12h. O Sine está localizado na Avenida Marechal Deodoro da Fonseca, S/N – Centro

Anúncio
Foto: Divulgação

Banestes realiza mutirão online para renegociação de dívidas

sala de aula1

Governo do ES publica protocolo para volta às aulas em escolas públicas e privadas

Em relação à educação infantil, que não foi contemplada na Portaria, o secretário de Educação afirmou que um ato específico e posterior tratará dos procedimentos e protocolos referentes à primeira etapa da educação básica

Anúncio