Anúncio

Gestantes com comorbidades serão vacinadas contra covid em cidades-polo no Espírito Santo

Imunizante aplicado neste público precisa de condições mais específicas de armazenamento

Por Redacão Folha Vitória

Publicado em 13 de maio de 2021 às 14:00

Anúncio

Gestantes com comorbidades serão vacinadas contra covid em cidades-polo no Espírito Santo
Foto: reprodução.

Diante da decisão do governo do Estado, de interromper a aplicação de doses da Oxford/AstraZeneca em mulheres grávidas, e da escassez da Coronavac em todo o Brasil, a vacinação das gestantes que possuem comorbidades vai seguir com doses da Pfizer no Espírito Santo. No entanto, devido à dificuldade de armazenamento dessa vacina, a aplicação ocorrerá somente em cidades consideradas pólos de cada região.

A princípio, por orientação do Ministério da Saúde, as doses da Pfizer seriam destinadas exclusivamente para a cidade de Vitória, para a imunização das pessoas com comorbidades. Agora será feita uma força-tarefa para ampliar a chegada do imunizante às gestantes de outros municípios.

“A grávida que tomar a vacina provavelmente será aquela grávida que tem alguma doença de base, alguma comorbidade. Nós estamos levantando essas informações nos municípios. E nós vamos estabelecer, então, um modelo de levar a vacina até um ponto regional, uma cidade pólo daquela região, e os demais municípios levam as gestantes até lá para tomar a vacina”, explicou o subsecretário de Vigilância em Saúde do Estado, Luiz Carlos Reblin.

A decisão do governo estadual de suspender a vacinação das gestantes com a vacina da AstraZeneca aconteceu por orientação da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa). Além disso, o Ministério da Saúde anunciou a suspensão do uso do imunizante também em mulheres com até 45 dias de pós-parto com comorbidades.

Com relação àquelas que não possuem doenças pré-existentes, o ministério decidiu suspender a aplicação de doses com qualquer que seja a vacina. A medida vale durante as investigações de possíveis casos de reações adversas graves provocadas pelo imunizante.

Com informações de Fernanda Batista, da TV Vitória.

É proibida a reprodução total ou parcial de textos, fotos e ilustrações, por qualquer meio, sem prévia autorização do FolhaOnline.es.

Anúncio

Anúncio

Veja também

postnatal-period-with-mother-breastfeeding-child

Guarapari inicia a campanha ‘Agosto Dourado’

curso-profissionalizantes-qualificar-es-2021-07-01

Prefeitura de Guarapari abre inscrições para curso de Técnicas para Guiamento em Atrativos Naturais

Anúncio

Anúncio

coluna-antonio-07ago

Coluna Dom Antônio: Aos 94 anos, Iris ora, pinta e borda todo dia. Vaidosa, parece não ter chegado aos 80!

WhatsApp-Image-2022-07-19-at-15.08.41

Guarapari: bancas do Centro retornam ao local após o fim do Esquina da Cultura

Anúncio

Imagem-art.-JS-1

Artigo: Os prints de WhatsApp podem ser usados como no processo penal?

pmg-golpe-procon

Procon de Guarapari alerta sobre golpes na devolução de empréstimos bancários indevidos

Anúncio