Anúncio

Mar causa mais destruição na orla de Meaípe e prefeitura estuda plano emergencial

Por Redacão Folha Vitória

Publicado em 14 de agosto de 2017 às 12:25

Anúncio

As ondas do mar destruíram mais um pedaço do que ainda restava da orla de Meaípe neste fim de semana. O momento mais crítico foi no começo da noite de ontem (13) quando várias árvores e parte da rua que margeia a praia foram derrubadas.

Os moradores e comerciantes do bairro estão em estado de alerta e para chamar a atenção das autoridades, programaram para a manhã desta segunda-feira (14) uma manifestação na orla. Mas o movimento não foi necessário porque logo nas primeiras horas vários técnicos e secretários da prefeitura de Guarapari estavam no local para verificar os estragos da noite anterior e discutir soluções emergenciais para o problema.

Mar causa mais destruição na orla de Meaípe e prefeitura estuda plano emergencial

O rastro de destruição causado pelas ondas do mar assustou que passava pelo local. Foto: João Thomazelli/folhaonline.es

“O que faremos de imediato é interditar a rua que passa na beira mar para evitar que as pessoas se machuquem. O risco aqui ainda é muito grande, principalmente porque a água vai minando por baixo e podemos ter deslizamentos a qualquer momento”, explicou a secretária de fiscalização Cláudia Martins.

Já o Secretário de Obras, Emanuel de Oliveira, explicou que emergencialmente a prefeitura vai começar a trabalhar em um muro de contenção.

“Neste primeiro momento vamos focar em reconstruir o murro de arrimo, fazendo um muito mais robusto e resistente do que este que existia. É nisso que vamos focar agora para evitar que a erosão continue. Vamos avaliar se a colocação de pedras é viável agora, mas o mais importante neste momento é refazer o muro de arrimo”, explicou o secretário.

De acordo com os cálculos da secretaria de obras, até a semana passada seria necessário a reconstrução de 65 metros de muro de arrimo. Depois dos estragos deste fim de semana, este cálculo foi alterado para 125 metros.

Mar causa mais destruição na orla de Meaípe e prefeitura estuda plano emergencial

Cerca de 125 metros de muro de arrimo foram destruídos com a ressaca do fim de semana. foto: João Thomazelli/folhaonline.es

“Neste momento não importa apontar culpados, precisamos nos unir para buscar soluções imediatas para este problema. Não queremos uma obra maravilhosa, mas queremos uma obra de preservação do local, pois é uma situação de risco, pois a situação está colocando as pessoas em risco. Este é um caso de segurança. Tem uma escola aqui em frente e as crianças saindo vão passar aqui no local. Está perigoso para todos que vivem ou trabalham. Hoje nós não vamos fazer manifestação, mas continuaremos monitorando a situação e se algo não for feito logo, nós vamos nos mobilizar cobrar”, explica Marlene Selda Amado, presidente da Associação de Moradores de Meaípe.

Previsão de mar agitado até quarta-feira

O mar deve continuar agitado em todo o litoral da região Sudeste até pelo menos a próxima quarta-feira (16). Para a tarde desta segunda, são esperadas ondas de quatro a seis metros no litoral capixaba.

É proibida a reprodução total ou parcial de textos, fotos e ilustrações, por qualquer meio, sem prévia autorização do FolhaOnline.es.

Tags:

Anúncio

Anúncio

Veja também

Brechó APAE 2

Brechó da Apae Guarapari necessita de doações de roupas masculinas

Os valores arrecadados com as vendas serão revertidos para Apae

print_dyogenes2-2022-04-120cover

Após audiência de custódia, autor de disparos contra motoboy de Guarapari segue em prisão preventiva

Ronny Batista de Almeida chegou a ser liberado entre os dias 13 e 17 de maio, após cumprir prisão temporária

Anúncio

Anúncio

CISEG-edital

EDITAL DE CONVOCAÇÃO – CISEG – CONSELHO INTERATIVO DE SEGURANÇA DE GUARAPARI

cachoeira_do_turco-5461665

Grupo de empresários se mobiliza para promover crescimento sustentável de Guarapari

Empreendedores e proprietários se unem para formação de associação

Anúncio

petrobras_divulgacao_plataforma_petroleo_e_gas-ES2022-05-24-05

Seminário debate impactos de investimentos em Petróleo e Gás em Guarapari

Espírito Santo deve receber quase R$20 bilhões em investimentos no setor, com 80% voltados para a Região Sul

hepatite misteriosa

Guarapari: infectologista fala sobre os perigos da hepatite misteriosa

Anúncio