Anúncio

Antônio Ribeiro escreve para o folhaonline.es aos domingos e, a cada semana, o colunista relaciona Guarapari ao tema do momento. Antônio é administrador de empresas, viveu em Porto Alegre, São Paulo e Curitiba, esteve em todos os estados brasileiros, a exceção de Acre, Roraima e Amapá, ministrou cursos em todos os países da América Latina, menos nas três Guianas, e escreveu o Guia de Férias e Feriadões.

Nossas Ruínas atrás das grades: Será que esse é o destino delas?

Por Antônio Ribeiro

Publicado em 4 de outubro de 2020 às 09:00
Atualizado em 8 de outubro de 2020 às 08:58

Anúncio

Antônio Ribeiro (*)

Foto: Antônio Ribeiro

Levei meu irmão que mora em Porto Alegre para conhecer a Fonte dos Jesuítas, o cemitério centenário, a Antiga Matriz, a caixa d’água, a Gruta de Santana, as ruínas e a Casa da Cultura, todos com exceção da Antiga Matriz, mostrando sinais de abandono.

Neste roteiro básico do centro histórico, a única que indicava alguma atenção em forma de manutenção, foram as ruínas, onde para surpresa minha, estão construindo um muro de um metro de altura, que por informação local, depois receberá grades em cima.

Foto: Antônio Ribeiro

Sou bom leitor de tudo que acontece em termos de turismo na cidade, tendo inclusive um grupo no WhatsApp, Guaramigos Turismo, onde publicam muita coisa do meio e não sabia dessa obra. Aproveito para perguntar aos leitores: tinham esta informação?

Como nossa cidade tem vocação turística, imagino que estas decisões, poderiam ser melhor tomadas, se resultado de consulta aos interessados e formadores de opinião sobre o assunto, talvez até numa forma de audiência pública.

Foto: Antônio Ribeiro

Prática comum em cidades turísticas é a adoção por parte de alguma das empresas ligadas ao setor na cidade, não só para as melhorias, bem como na manutenção, com publicidade da que for a escolhida para esta finalidade.

Dentro desta mentalidade se poderiam enquadrar a sinalização dos nossos pontos turísticos, em forma de placas indicativas, bem com as descritivas de cada local, como existiam há quatro anos, quando aqui cheguei.

Foto: Antônio Ribeiro

Para não ser só crítica e aproveitando que ainda está em fase inicial, uma sugestão: muitos edifícios hoje tem colocado um tipo de muro de vidro, que dão visibilidade do interior e não enfeiam as suas fachadas.

Para ser justo, nas vezes anteriores que lá estive, o mato estava alto e não pude entrar e conhecer o interior. Desta vez estava cortado e pude ver a beleza desta relíquia histórica, que poucas cidades tem para mostrar.

Foto: Antônio Ribeiro

Junto com a Antiga Matriz, as ruínas podem ser ponto alto na história da cidade e assim motivar grande visitação, em forma de um roteiro de passeio pela região mais rica em atrativos históricos da cidade.

Podem inclusive motivar uma campanha para termos uma rica história com 435 anos de fundação e elementos para comprovar.

(*) Morador por 20 anos em Porto Alegre, 15 em São Paulo e 30 em Curitiba, cidades que se reinventaram nos atrativos turísticos e hoje tem forte atratividade no setor.

Anúncio

Anúncio

Veja também

Imagem-23.02-01-1

Em 3 dias, PM apreendeu grandes quantidades de drogas em Guarapari

Ao todo, mais de 300 buchas e 33 tabletes de maconha foram apreendidos. Além disso, a PM também apreendeu 280 pinos de cocaína e 132 pedras de crack

ifes_guarapari

Ifes de Guarapari vai ofertar curso superior gratuito em Ciências da Natureza

O processo seletivo acontecerá através do Sistema de Seleção Unificada (Sisu)

Anúncio

Anúncio

Sinduscon Anchieta (11)

Posse de diretor formaliza Regional Litoral Sul do Sinduscon-ES em Anchieta

Gastronomia Alfredo1

Município de Alfredo Chaves ganhará Praça Gastronômica

Anúncio

sangue_hemocentro_doacao_hemoes

Estoques baixos de sangue nos Hemocentros do ES podem não atender à demanda hospitalar

Para ampliar a possibilidade de doações, a partir do dia 1º de março algumas unidades terão horário ampliado para receber doações

exercicios_academia_atividade_fisica-clovis_rangel

Cuidados com a saúde após cura da Covid-19

Anúncio