Anúncio

Polícia Civil lança edital para concurso público

Por Redação Folhaonline.es

Publicado em 27 de dezembro de 2018 às 17:46
Atualizado em 27 de dezembro de 2018 às 17:46

Anúncio

A prova objetiva acontecerá no dia 24 de março e tem o objetivo de preencher 173 vagas.

 Secretário de Estado da Segurança Pública, Nylton Rodrigues e o delegado-geral da Polícia Civil, Guilherme Daré. Foto: Divulgação.

Na tarde desta quinta-feira (27), a Polícia Civil anunciou o edital de concurso público para preenchimento de 173 vagas para diversos cargos de nível superior e médio. As inscrições começam nesta sexta-feira (28) e vão até o dia 11 de fevereiro.  Já a aplicação da prova objetiva está marcada para o dia 24 de março. As informações foram divulgadas durante coletiva de imprensa realizada na Chefatura de Polícia, em Vitória.

Para os cargos de nível superior serão 60 vagas para investigador; 50 para perito oficial criminal – dividido em oito áreas; 20 para escrivão de polícia; 15 para médico-legista; quatro para assistente social e quatro para psicólogo, cujos subsídios são de R$ 5.103,84. Já para o nível médio foram destinadas 20 vagas para o cargo de auxiliar de perícia médico-legal, com subsídio de R$ 3.622,08.

Na ocasião, o secretário de Estado da Segurança Pública, Nylton Rodrigues, falou sobre a chegada de novos policiais para recompor o efetivo da Polícia Civil. “É um reforço que chega para que a Polícia Civil continue fazendo o seu trabalho exemplar no Espírito Santo”, destacou.

O delegado-geral da Polícia Civil, Guilherme Daré, frisou os benefícios do certame. “Esse concurso é de extrema importância para a nossa instituição, pois irá recompor o efetivo, para que a gente possa trabalhar com mais afinco e dar uma resposta mais imediata ainda à sociedade”, afirmou.

Daré frisou ainda que a estimativa é de que 35 mil candidatos se inscrevam para o concurso.

Concurso

A banca organizadora escolhida para realizar o concurso foi o Instituto AOCP, após contratação direta por dispensa de licitação. A taxa de inscrição para o cargo de nível superior é de R$ 146,73 e de nível médio é de R$ 96,50.  Haverá isenção da taxa de inscrição para o candidato que estiver inscrito no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal (CadÚnico) ou se declarar isento de apresentar a Declaração de Ajuste Anual do Imposto de Renda de Pessoa Física ou ainda se for doador de medula óssea. A isenção deve ser solicitada até o dia 4 de janeiro.

O certame será composto por quatro etapas, sendo a primeira de exame intelectual. A segunda é composta pela perícia médica para candidatos com deficiência; teste de aptidão física; teste de digitação para o cargo de escrivão de polícia; exame médico e toxicológico e exame psicológico. Na terceira etapa, acontece a investigação criminal e social do candidato e a última fase é o curso de formação profissional. Todas as etapas têm caráter eliminatório.

As provas e as fases do concurso serão executadas nos municípios da Região Metropolitana de Vitória, Linhares e Cachoeiro de Itapemirim.

Cinco por cento das vagas serão destinadas aos candidatos portadores de deficiência.

Requisitos do concurso

Com exceção dos cargos de assistente social, psicólogo, médico legista e escrivão, aos demais será exigido a Carteira de Habilitação categoria “B” ou superior.

Para concorrer a uma das vagas para o cargo de assistente social é necessário ser graduado em Serviço Social e ter comprovação de experiência profissional de, no mínimo, dois anos.  Já para o cargo de escrivão de polícia é necessário ser bacharel em Direito; para investigador é exigido qualquer curso de nível superior; médico-legista é necessário ser graduado em Medicina; psicólogo deve ter o diploma de Psicologia, com comprovação de experiência profissional de, no mínimo, dois anos.

Já as vagas dos peritos oficiais criminais foram divididas em oito áreas. Para concorrer a uma delas, o candidato deverá ter qualquer uma das seguintes graduações: Ciências Contábeis, Engenharia Elétrica, Engenharia Eletrônica, Engenharia de Telecomunicações, Engenharia de Controle e Automação, Ciências da Computação, Análise de Sistemas, Engenharia de Computação ou Engenharia Mecatrônica, Engenharia Agronômica, Engenharia Florestal ou Engenharia Ambiental, Engenharia Civil, Engenharia Química, Engenharia Mecânica, Engenharia de Materiais, Engenharia Metalúrgica, Geologia, Engenharia de Minas ou Física, Química, Farmácia, Ciências Biológicas ou Biomedicina, Odontologia, Medicina Veterinária, Ciências Econômicas, Direito ou Psicologia.

*Com informações da Polícia Civil

É proibida a reprodução total ou parcial de textos, fotos e ilustrações, por qualquer meio, sem prévia autorização do FolhaOnline.es.

Tags:

Anúncio

Anúncio

Veja também

vacinação covid1

Covid-19: Guarapari realiza nova ação para aplicar D2 e D3 em diversos públicos

Confira grupos especificados pela PMG que receberão imunização

lancamento-creche-guarapari-2021-10-19

Prefeitura de Guarapari autoriza construção de creche em Itapebussu

A nova sede da CEMEI Tercília Astori Gobbi terá capacidade para atender mais de 350 alunos

Anúncio

Anúncio

3 dose idosos

ES antecipa para quatro meses a aplicação da D3 contra a Covid-19

A dose de reforço está sendo aplicada em pessoas com 60 anos ou mais que já tomaram a segunda dose de qualquer imunizante contra o coronavírus

Autoglass1

Autoglass oferece oportunidades de emprego em Guarapari

Anúncio

elcy-nunes-aarao-cover-2

Morre Elcy Nunes Aarão, ex vice-prefeito de Guarapari do início dos anos 90

obras-construcao-civil-sefaz

Espírito Santo é o Estado que mais investiu durante 2021

Informação aparece em relatório divulgado pelo Ministério da Economia

Anúncio