Anúncio

Polícia Civil retira veículos das proximidades da delegacia de Guarapari

A atividade foi realizada na 5ª Delegacia Regional de Guarapari e na Delegacia de Polícia (DP) de Cobilândia.

Por Redação Folhaonline.es

Publicado em 17 de julho de 2020 às 15:59
Atualizado em 18 de julho de 2020 às 12:45

Anúncio

A equipe da Superintendência de Polícia Regional Metropolitana (SPRM) realizou, na última quinta-feira (16), mais uma ação para retirada de veículos que estavam parados nas proximidades das Delegacias Regionais da Grande Vitória, incluindo a de Guarapari, situada na Praia do Morro. Ao todo, 28 veículos foram encaminhados ao pátio do Departamento Estadual de Trânsito (Detran).

Em Guarapari apenas motos foram recolhidas; totalizando o número de 12 veículos retirados. Antes da ação do dia 16 de julho, na terça-feira (14) outros dois carros também foram remanejados da proximidade da 5ª Delegacia Regional de Guarapari. No município de Cariacica, 14 veículos foram recolhidos das imediações da 4° Delegacia Regional de Cariacica, que está funcionando, provisoriamente, na sede da Delegacia de Polícia (DP) de Cobilândia, em Vila Velha.

Em Guarapari, 12 motos foram recolhidas. Foto: Divulgação.

De acordo com a chefe da SPRM, delegada Andreia Maria Pereira dos Santos, a ação é uma continuidade da força tarefa de vistoria veicular realizadas durante os meses de abril e maio. “A falta da vistoria era o que atrapalhava o encaminhamento dos veículos e atrasava esse procedimento de liberação das proximidades das delegacias. Estamos atuando com quatro vistoriadores. A destinação de cada veículo depende do resultado da vistoria. Se for considerado sucata, será encaminhado para o pátio do Detran, assim como se for para leilão.Nos demais casos, o destino será o pátio da Polícia Civil”, explicou.

A delegada informou ainda que essa ação possibilita melhor atendimento à população. “Com essa iniciativa, o acesso às unidades ficará mais fácil, pois vamos possibilitar o estacionamento de viaturas, veículos de policiais e dos cidadãos que procuram as unidades para registro de ocorrências. Além disso, a retirada impede que esses veículos sirvam de esconderijo para insetos que podem trazer doenças aos vizinhos das unidades”, destacou.

A ação ocorreu na em municípios da Grande Vitória. Foto: Divulgação.

A ação será realizada sempre às terças-feiras em todas as Delegacias Regionais da Grande Vitória. “Essa atividade será continuada até que consigamos fechar o procedimento. Existe um cronograma para as próximas unidades até que o trabalho seja normalizado. Após isso, cada Delegacia Regional Metropolitana terá o próprio vistoriador de veículos, para que não ocorra esse acúmulo”, ressaltou a delegada Andreia Maria Pereira dos Santos.

Vistorias

Em maio, a Superintendência de Polícia Regional Metropolitana (SPRM) realizou um mutirão para retirada e/ou restituição dos veículos acumulados nos pátios e nas adjacências das Delegacias Regionais da Grande Vitória.  Na época, o trabalho de vistoria veicular foi realizado na 4° Delegacia Regional de Cariacica, que está funcionando, provisoriamente, na sede da Delegacia de Polícia (DP) de Cobilândia, em Vila Velha, onde foram vistoriados 87 motos, um caminhão e um semirreboque.

Em abril, a iniciativa foi realizada na  2º Delegacia Regional em Vila Velha onde foram realizadas 68 vistorias, sendo 14 veículos e 54 motos.  A expectativa é que, aproximadamente, 400 veículos sejam vistoriados.

É proibida a reprodução total ou parcial de textos, fotos e ilustrações, por qualquer meio, sem prévia autorização do FolhaOnline.es.

Anúncio

Anúncio

Veja também

projeto-escola-rural-2021-09-21-1

Escola Rural de Guarapari trabalha impacto da Educação Física para outras matérias e para a vida

Trabalho envolve professores de diversas matérias e incentiva inclusão e disciplina

ondas

Previsão de ondas de até 5 metros e ventos que podem chegar a 75 km/h no ES

Anúncio

Anúncio

vacina pfizer crianças

ES espera aval da Anvisa para vacinar crianças a partir de 3 anos contra Covid-19

O secretário de Saúde afirmou que a expectativa do governo é que a Sinovac e a Pfizer apresentem a documentação necessária para liberação da vacinação desse público até dezembro

vacinação adolecente

Guarapari vacinará adolescentes a partir dos 12 anos; o agendamento acontece hoje (21)

Anúncio

falta-de-agua-e-um-problema-politico-2-1024x683-1024x585

Bairros de Guarapari terão abastecimento de água paralisado nessa terça-feira (21)

Meninos Adalberto (2)

Projeto social que acolhe crianças e adolescentes precisa de apoio em Guarapari

Anúncio