Anúncio

População não encontrou médicos no Ambulatório Covid-19 de Guarapari na manhã de hoje (9)

Segundo os relatos, pacientes voltaram para casa sem receber atendimento médico

Por Gislan Vitalino

Publicado em 9 de abril de 2021 às 14:46
Atualizado em 10 de abril de 2021 às 13:34

Anúncio

Fotos: leitores

Os pacientes que procuraram a Tenda do Ambulatório de Síndromes Respiratórias da Unidade de Pronto Atendimento (UPA) de Guarapari, na manhã de hoje (9) enfrentaram muitas dificuldades. Segundo os relatos da população, nenhum médico estava presente para realizar o atendimento e receitar medicamentos quando necessário.

Uma das pessoas que precisou procurar a unidade foi a Penha Beloni, de 55 anos. Ela possui pressão alta e está com laudo confirmado de Covid-19 há aproximadamente uma semana. Na manhã de hoje Penha precisou procurar o ambulatório por sentir falta de ar. Entrevistada por telefone e com a voz ainda ofegante, ela explicou que o único atendimento que conseguiu no local foi da equipe de enfermagem. “Não tem nenhum médico. Quem está passando o protocolo são só as enfermeiras, que fazem até o que não podem para tentar nos ajudar”, contou Penha. Seu marido, Áureo Dias, de 60 anos, também está na unidade e aguarda transferência para uma vaga hospitalar.

Irmã de Penha, Michele Beloni, de 39 anos, também estava no local e observou a dificuldade que a população enfrentava para conseguir atendimento. “Desde que cheguei, vi diversas pessoas sendo testadas e voltando para casa com a confirmação de Covid, sem receber atendimento médico, sem qualquer prescrição de medicação ou com orientação para exames ou internação”, destacou.

Ela frisou também que como cidadã e contribuinte, que mantém em dia pagamentos e impostos, a população se sente desamparada ao precisar do atendimento. “Nós todos somos contribuintes, existe verba destinada, os impostos continuam sendo cobrados e quando precisamos, passamos por isso”, concluiu Michele.

O vereador Denizart Zazá (Podemos) também esteve no local na manhã de hoje. “É muito triste a situação que a população está enfrentando aqui. As pessoas vêm, fazem o teste e têm que voltar para suas casas sem ter um atendimento digno. A palavra que falta é humanidade. Isso faz diferença e as pessoas não estão encontrando aqui”, frisou o vereador.

Resposta da Prefeitura

Procurada, a Prefeitura, por meio de nota da Secretaria Municipal de Saúde (Semsa) informou que “já está providenciando um médico para atender no local, pois a médica que estaria de plantão hoje comunicou que foi diagnosticada com Covid-19”. A Secretaria explica ainda que a situação é vivenciada em diversos outros municípios. “Além da carência de profissionais, temos enfrentado o adoecimento dos profissionais de saúde”, explica a nota.

A nota segue dizendo que o remanejamento já está sendo feito e que em breve a situação será normalizada. “Pedimos a compreensão da população, pois a escala já está sendo planejada pelo consórcio responsável, para que isso não ocorra novamente”, conclui.

É proibida a reprodução total ou parcial de textos, fotos e ilustrações, por qualquer meio, sem prévia autorização do FolhaOnline.es.

Anúncio

Anúncio

Veja também

vacina_covid_19

Guarapari esclarece diferença entre número de doses recebidas e aplicadas de vacina da Covid-19

Agendamento será reaberto nos próximos dias para a população com idade entre 60 e 64 anos

zaine_e_ricardo_conde-2021-04-05

“É como ter uma arma apontada para a família, sem defesas” alerta jornalista de Guarapari, recuperado da Covid-19

Ricardo e a esposa, Zaine Conde, contraíram a doença. O jornalista se recuperou e a esposa ainda está na UTI, mas apresentando melhoras

Anúncio

Anúncio

coronavac-instituto-butantan

Guarapari: 2ª dose da vacina contra Covid-19 para idosos de 65 a 69 anos ainda não tem data

A maioria dos idosos desse público recebeu a primeira dose há cerca de um mês

aumento efetivo111

Casagrande anuncia aumento do efetivo da Polícia Militar do Espírito Santo

Anúncio

upaa-550x413

Câmara derruba veto do Prefeito e estende Auxílio Funcional aos demais servidores da Saúde de Guarapari

O veto restringia o pagamento do auxílio apenas aos profissionais lotados na UPA 24h

Bobó Brisamare-Risa

Semana das Mães: restaurante de Guarapari vai doar parte das vendas ao Recanto dos Idosos

Anúncio