Anúncio

Recém inaugurada, Unidade de Saúde de Kubitschek é motivo de reclamações em Guarapari

Por Aline Couto

Publicado em 28 de julho de 2020 às 17:46
Atualizado em 29 de julho de 2020 às 18:08

Anúncio

A farmácia estaria sem medicação e farmacêutico. Fotos: Denunciantes.

Inaugurada no início deste mês, a Unidade de Saúde Mario Sérgio C. Pereira, no bairro Kubitschek, Guarapari, virou alvo de denúncias. Nesta manhã (28), relatos davam conta de problemas na energia elétrica, no funcionamento dos atendimentos e na estrutura do local.

Segundo as declarações, os reclamantes terão o nome mantido em sigilo, o local está funcionando no escuro, não tem água gelada para os funcionários e pacientes e o filtro de água já passou da data de troca. Ainda de acordo com o que foi falado, a Unidade conta apenas com uma médica atendendo, no máximo 12 pessoas.

Também foi relatado que a sala de vacina, a de esterilização e a do atendimento odontológico não estão funcionando, além da farmácia não ter medicamentos. Os materiais para curativos estão sendo entregues aos pacientes para os próprios fazerem em casa.

Os denunciantes disseram que algumas paredes estão soltando massa e o teto da cozinha tem princípio de rachadura.

A sala de vacina fechada, segundo os relatos.

A prefeitura foi questionada: Qual o motivo do local estar sem luz? Porque o filtro não está em dia? O atendimento não deveria cobrir os bairros Ipiranga e Kubitschek? Porque tem apenas uma médica e limite de pacientes? Qual a explicação para as ofertas de serviços inaugurados não estarem funcionando? Como uma estrutura que foi inaugurada no início deste mês já está apresentando problemas nas paredes e teto?

A resposta veio através de nota:

A Secretaria Municipal de Saúde informa que os problemas estruturais já foram passados para a empresa responsável pela obra, uma vez que a mesma se encontra no prazo de garantia.

A energia no local já foi restabelecida. Com o restabelecimento a Secretaria Municipal de Saúde realizará os testes obrigatórios de climatização para a colocação dos imunobiológicos, evitando perdas das doses.

Na unidade, os atendimentos odontológicos são realizados de urgência e emergência, conforme determinação do Conselho Regional de Odontologia (CRO), que recomenda a suspensão do atendimento eletivo, realizado SOMENTE ATENDIMENTO URGÊNCIA E EMERGÊNCIA.

A unidade dispõe de dois médicos. Um dos médicos realiza 12 atendimentos com agenda, três vezes por semana. Já o outro médico atende quinzenalmente.

Os curativos estão sendo realizados normalmente na unidade. Para os pacientes que já realizam os curativos em casa, há dispersão dos materiais para continuidade.

A farmácia da unidade já está sendo montada para iniciar os trabalhos de dispensação de medicamentos.

Na unidade do Kubitscheck, a equipe ESF do Kubistchek já está atendendo e a equipe ESF do Ipiranga será transferida nos próximos 15 dias”.

É proibida a reprodução total ou parcial de textos, fotos e ilustrações, por qualquer meio, sem prévia autorização do FolhaOnline.es.

Anúncio

Anúncio

Veja também

74-mapa-de-risco-covid-19-1

Governo do Espírito Santo divulga 74º Mapa de Risco Covid-19

amarelo-setembro-2021-09-24

Ação em Guarapari busca conscientizar sobre importância da saúde mental

Ação acontece neste sábado (25), no Centro da cidade

Anúncio

Anúncio

Foto: Reprodução/Pixabay

Câmara derruba veto e promulga lei contra nomeação de condenados por violência contra a mulher em Guarapari

Pfizer-COVID-19-Vacine

Ação de vacinação gera dúvidas; prefeitura de Guarapari esclarece

Anúncio

filhos procuram pai21

Sem encontrar o pai há mais de 30 anos, filha busca notícias em Guarapari

A família morava no município até a separação do casal; a mãe foi com os filhos para o Rio de Janeiro

pfizer

Pfizer: Guarapari faz ação com 12 mil doses para imunizar diversos grupos contra Covid-19

Imunização acontece amanhã (25) em Unidades de Saúde do município

Anúncio