Anúncio

Seu bairro no Folha: Associação de moradores do Adalberto pede atenção do poder público

Por Carolina Brasil

Publicado em 17 de abril de 2018 às 15:21
Atualizado em 18 de abril de 2018 às 08:12
Anúncio

Com uma diretoria participativa, a Associação Comunitária do Bairro Adalberto Simão Nader (ACBASN) pede que o município atenda as demandas da comunidade, que completa 32 anos em 2018.

Assim que os novos membros assumiram a ACBASN, em setembro de 2017, iniciaram a tentativa de resolver um grande problema do bairro: os pontos viciados de lixo e entulho. A ideia foi conscientizar a população para o destino adequado de entulho e objetos que não servem mais, além do acondicionamento correto do lixo doméstico para o recolhimento do caminhão. Para isso, transformaram um desses locais em um jardim.

Pneus velhos foram reaproveitados e uma placa colocada chama a atenção de moradores.

“Nós sabemos que isso parte da população, que precisa dar destino correto ao lixo que produz, mas nós queremos também que a prefeitura atenda nosso pedido enquanto o problema existir. Temos pelo menos mais dois locais onde o lixo se acumula”, relatou o presidente da associação, Aderildes Nascimento Santos, conhecido como ‘Del Careca’.

Um dos pontos viciados de entulho existente no bairro e que incomoda moradores.

Outro problema que incomoda a comunidade são as praças. A do ponto final do ônibus conta apenas com bancos e árvores. Já a Elizete Elias Dias não recebe manutenção, o piso está quebrado, falta grama e o único brinquedo que existe está enferrujado.

“O bairro está abandonado, já protocolamos vários ofícios na prefeitura pedindo capina, limpeza, poda, recolhimento de entulho e nada”, completou Del Careca, lembrando a quadra poliesportiva foi entregue sem ser concluída. Falta cobertura, tabela de basquete e iluminação.

Quadra poliesportiva do bairro. Em dias de chuva, não dá para utilizar.

A associação pede a doação do imóvel para sede.

Duas questões completam as principais necessidades do bairro Adalberto Simão Nader: Há um imóvel abandonado, próximo ao campo de futebol, que, segundo a associação de moradores, pertence ao município. Eles questionam sobre a possibilidade dele ser cedido à associação para desenvolvimento das atividades, já que não possuem sede.

Escadarias precárias de acesso ao Rabo da Gata.

Além disso, ainda aguardam o posicionamento sobre o pedido feito para a construção de escadarias de acesso na localidade conhecida como ‘Rabo da Gata’. “Hoje, as escadas existentes estão em péssimo estado. Temos um pedido protocolado desde 2013 para que um novo acesso seja feito e até agora nada”, desabafou Gilmar Alves, vice-presidente da ACBASN, mais conhecido como Kandonga.

Procuramos a Prefeitura de Guarapari, que respondeu ponto a ponto:

Sobre as praças, o município informou que uma equipe da Secretaria Municipal de Obras irá aos locais para verificar o estado das estruturas e realizar levantamento para posterior licitação, visando à manutenção dos espaços;

Com relação à limpeza, a nota diz que está programado para acontecer, em breve, um mutirão. Uma data não foi informada. A prefeitura reforçou que há garis fazendo a limpeza das ruas no bairro diariamente;

Quanto ao imóvel, é necessário que a associação protocole um requerimento oficial do pedido junto à Prefeitura para análise da viabilidade do mesmo;

Já sobre as intervenções na quadra poliesportiva e as obras de construção das novas escadarias no Rabo da Gata, as duas sugestões já foram cadastradas para análise de investimentos, de acordo com a Secretaria de Obras do município.

Anúncio
Anúncio

Veja também

4cc15bb8-9342-4867-8120-1d769acb7fbd

Marco da nova idade da cidade de Guarapari está quase abandonado

Foto: Reprodução

Decreto detalha regras para reabertura de shoppings no ES

As determinações foram oficializadas por meio de edição extra do Diário Oficial

Anúncio
Anúncio
sessao-extraordinária

Câmara de Guarapari vota projetos que destinam R$ 730 mil para saúde

Em pauta também a proposta de reajuste salarial dos agentes de saúde e de combate às endemias do município

Foto: Reprodução

Com 28 novos casos de Covid-19 em 24h, Guarapari registra 232 infectados

Os números são do Boletim Epidemiológico divulgado ontem (30)

Anúncio
Casagrandecoletiva

Coronavírus: Governo do ES anuncia novo Mapa de Gestão de Risco

12 municípios capixabas estão enquadrados no Risco Alto; Mapa valerá da próxima segunda-feira (01) até o dia 07 de junho

Foto: Reprodução

Artigo: Coronavírus – O fim das atividades empresariais e a extinção dos contratos de trabalho