Anúncio

Vereador propõe reconhecer Anchieta como berço do Teatro brasileiro

Por Carolina Brasil

Publicado em 10 de maio de 2019 às 12:07
Atualizado em 10 de maio de 2019 às 12:07
Anúncio

De acordo com pesquisa, foi na cidade, em meados do século XVI, que foram escritas a maioria das peças teatrais da Companhia de Jesus.

O deputado federal Ted Conti recebe das mãos do vereador Renato Lorencini a pesquisa que indica Anchieta como berço do teatro no Brasil. Fotos: Divulgação

De posse de uma ampla pesquisa, o vereador de Anchieta Renato Lorencini (PSB), solicitou ao colega de partido e Deputado Federal Ted Conti apoio para que o município seja reconhecido como berço do Teatro brasileiro. O pedido de intervenção aconteceu recentemente, durante encontro dos parlamentares que tratou além da demanda cultural, questões como educação, meio ambiente, desenvolvimento econômico, agricultura e turismo. “Vamos estudar o documento e será uma grande alegria poder contribuir para este reconhecimento, de grande importância sob o ponto de vista da memória, cultura do povo brasileiro, em especial o capixaba”, afirmou o deputado.

O documento, elaborado pela historiadora Maria José dos Santos Cunha, com apoio do Grupo de Teatro Rerigtiba, traz justificativas que atestam que a cidade foi, de fato, um dos embriões da arte no Brasil ao revelar que o Santo Padre José de Anchieta escreveu a maioria das peças teatrais na Aldeia de Rerigtiba (atual Anchieta). “O teatro brasileiro surgiu com a Companhia de Jesus, em meados do século XVI, e teve como precursor o Padre José de Anchieta que escreveu a maioria de suas obras em nossa cidade, sendo o pai do teatro no Brasil. O título, além de um rico reconhecimento para Anchieta, proporciona mais condições de pleitear recursos, investimentos e iniciativas que impulsionem a cultura e o turismo em nosso município, além de ser motor para divulgação e marketing da cidade, fortalecendo as ações ligadas ao Santo Padre e à dramaturgia”, explicou Lorencini.

O vereador do PSB visita a sede do Grupo de Teatro Rerigtiba, com sede no município.

Agora, a cidade e os envolvidos aguardam o processo que dê entrada no título que reconheça nacionalmente Anchieta por esse legado cultural. “O apoio ao nosso pleito, para o reconhecimento da importância histórica da cidade de Anchieta como berço do teatro no Brasil, é uma atitude valorosa, digna de aplauso e muito bem-vinda.  Nos dedicamos às Artes Cênicas, em especial do teatro, incentivando o gosto pela arte e mantendo um trabalho constante na produção de espetáculo com apurada qualidade técnica e artística. Desta forma, muito nos alegra a iniciativa na busca de apoio político para que Anchieta receba essa grande honraria”, destacou a diretora do Grupo de Teatro Rerigtiba, Telma Amaral.

  • Com informações da Assessoria de Imprensa do vereador

É proibida a reprodução total ou parcial de textos, fotos e ilustrações, por qualquer meio, sem prévia autorização do FolhaOnline.es.

Tags:

Anúncio
Anúncio

Veja também

coronavírus-550x309-1

Covid-19: 169 pessoas são consideradas doentes em Guarapari

IMAGEM PARA COMPOR O ARTIGO

Artigo: Acordos extrajudiciais trabalhistas em tempo de pandemia

Anúncio
Anúncio
WhatsApp Image 2020-10-05 at 18.57.20

Casal de Guarapari faz sucesso com artesanatos esculpidos em madeira

Angélica Paixao Escola (1)

Escola de Guarapari cria o ‘Clube de Leitura Virtual’

Anúncio
anchieta 2

Anchieta passa para categoria “Baixo” em 28º Mapa de Risco para Covid-19

bf569277-2023-4ee7-a03d-d1fb0d222d70

Morre aos 91 anos Afrodísio Gomes, policial militar mais antigo de Guarapari

O enterro ocorreu nesta tarde (23) e contou com a presença de diversos membros da Polícia Militar, que prestaram homenagens

Anúncio