Anúncio

Vereadores de Guarapari votaram hoje (29) aumento dos salários de agentes políticos

Se o projeto de lei for sancionado pelo prefeito, novos salários começam a valer a partir de 2022.

Por Redação Folhaonline.es

Publicado em 29 de dezembro de 2020 às 16:30

Anúncio

plenario da camara municipal de guarapari em sessao no dia 18 de dezembro 390350 article - Vereadores de Guarapari votaram hoje (29) aumento dos salários de agentes políticos
Foto: arquivo/ Câmara de Guarapari.

A Câmara Municipal de Vereadores aprovou na manhã de hoje (29) o Projeto de Lei n°119/2020, que trata dos valores direcionados aos salários de prefeito, vice-prefeito, vereadores e secretários.

Com a nova alteração, o valor do salário dos vereadores e de secretários será de R$ 8.900,00. Atualmente, o subsídio dos vereadores é de R$6.900,00. O prefeito, que atualmente ganha R$13.200,00 passará a ganhar R$ 16,9 mil e seu vice, R$ 9 mil.

Os dois projetos foram aprovados por 11 votos. Apenas Dr. Rogério Zanon (DC), Marcos Grijó (PDT) e Thiago Paterlini (Podemos) votaram contra o projeto. A vereadora Fernanda Mazelli (Republicanos) não esteve presente, pois está afastada devido ao diagnóstico de Covid-19. O vereador Oziel de Souza (PSC) não esteve presente e o Presidente da Câmara, Ênis Gordin, se absteve de votar.

O Projeto é de autoria da Mesa Diretora, composta pelos vereadores Enis Gordin (PSB), Lennon Monjardim (Podemos), Oziel de Sousa (PSC), Paulina Aleixo (PP) e Thiago Paterlini (Podemos). Na justificativa a mesa alega os subsídios estavam congelados há oito anos, desde 2012.

Vereadores que votaram a favor do aumento dos salários:

Clebinho Brambati (PTB)

Denizart Zazá (Podemos)

Dito Xaréu (PSDB)

Gilmar Pinheiros (Republicanos)

Kamilla Rocha (PTB)

Lennon Monjardim (Podemos)

Paulina Aleixo (PP)

Rosangela Loyola (PSDB)

Sandro Bigossi (DEM)

Wendel Lima (PTB)

Zé Preto (Patriota)

Após a aprovação na Câmara, o Projeto de Lei precisa ser sancionado pelo prefeito Edson Magalhães (PSDB).  Os valores, se aprovados, passam a ter vigência a partir de janeiro de 2022, já que a Lei Federal de Socorro Financeiro a Estados e Municípios proíbe os reajustes ao serviço público até o mês de dezembro de 2021.

É proibida a reprodução total ou parcial de textos, fotos e ilustrações, por qualquer meio, sem prévia autorização do FolhaOnline.es.

Anúncio

Anúncio

Veja também

WhatsApp-Image-2024-07-18-at-14.56.06

Cruzamentos da Praia do Morro já registraram mais de 30 acidentes de trânsito neste ano

Número equivale à metade das colisões no bairro

Forro-Bobo-2023-13

Balneário de Iriri, em Anchieta, recebe 16ª edição do Forró Bobó neste fim de semana; confira a programação

De 19 a 21 de julho, evento vai reunir música e gastronomia

Anúncio

Anúncio

falta-de-agua-e-um-problema-politico-2-1024x683-1024x585

Governo do Estado declara Estado de Atenção para situação hídrica no ES

Medida foi tomada devido à falta de chuvas e estiagem nos últimos meses

Joao-Hadad-em-A-Grande-Conquista-2

Guarapariense João Hadad disputa final de reality show da Record

Final acontece nesta quinta (18)

Anúncio

casa-sinestescia-2024

Casa Sinestésica oferece Oficina de Desenho gratuita nesta quarta (17) em Guarapari

Com o tema Autorretrato, atividade tem vagas limitadas

IMG_9800-1

Terra dos Dinos: Guarapari deve ganhar filial do ‘Jurassic Park brasileiro’ em 2025

Parque temático, no RJ, possui diversas atrações e 40 modelos de dinossauros em tamanho real

Anúncio