Anúncio

59° Mapa de Risco: Guarapari segue em risco moderado e aulas presenciais retornam em todo ES

Retorno as aulas estará autorizado à partir do dia 21 de junho. Serviço público presencial poderá retornar a partir de terça-feira (15)

Por Gislan Vitalino

Publicado em 11 de junho de 2021 às 18:55
Atualizado em 12 de junho de 2021 às 16:32

Anúncio

O Governo do Estado anunciou, nesta sexta-feira (11), o 59º Mapa de Risco Covid-19, que terá vigência de segunda-feira (14) até o próximo domingo (20). Dos 78 municípios capixabas, 8 estão classificados como de risco alto, 52 como de risco moderado e 18 em risco baixo. No novo mapa, os municípios de Anchieta e Guarapari estão classificados como em risco moderado. A cidade de Alfredo Chaves está classificada como de risco alto.

Retorno às aulas em todo o Estado

Durante a transmissão, o governador Renato Casagrande também falou sobre o retorno do funcionamento presencial de todos os níveis da educação no Espírito Santo a partir do dia 21 de junho, nos municípios que estiverem nas três classificações de risco mais baixas (baixo, moderado ou alto). Desde abril, o estado não tem apresentado municípios em risco extremo.

Segundo Casagrande, a imunização dos professores com o imunizante da Pfizer garante um retorno mais seguro às aulas presenciais. “Os profissionais da educação receberam a vacina da Astrazeneca, que causa uma imunidade grande na primeira dose”, explicou o governador. A expectativa é que a imunização dos professores atinja a cobertura de 100% na próxima semana. “A vacinação dos professores e a melhoria do nosso mapa permite que a gente vá retomando uma certa normalidade nas escolas”, frisou Casagrande.

O funcionamento das escolas deve seguir o modelo aplicado até então para os municípios classificados como em risco moderado, com ocupação máxima de 50% das salas e divisão entre alunos acompanhando as aulas à distância ou presencialmente, com alternância semanal.

Retorno presencial do serviço público

Além do retorno às aulas presenciais, Casagrande também anunciou a volta do funcionamento normal do serviço público nas três classificações de risco a partir da próxima terça-feira (15), exceto para pessoas com comorbidades, que não estiverem imunizadas.

“Essas pessoas que tiverem comorbidades e ainda não estiverem vacinadas, devem justificar o porque ainda não tomou a vacina, mas as pessoas com comorbidades que já estiverem vacinadas retornam no dia 15 de junho”, destacou Renato Casagrande.

Confira as restrições para municípios classificados em risco moderado:

Comércio: volta a funcionar sem restrições de horário ou dias, mas com limite de um cliente à cada 10 m² de área de loja; em shoppings, entrada deve ser limitada à proporção de uma pessoa a cada 22 m²;

Bares e restaurantes: bares, restaurantes, lojas de conveniência e distribuidoras de bebidas podem funcionar de segunda à sábado, de 7h às 22h e nos domingos de 7h às 16h. Os estabelecimentos devem respeitar o limite de um cliente a cada 5 m² e dois metros de distanciamento entre as mesas. O funcionamento de boates segue proibido.

Confira a classificação de todos os municípios capixabas:

RISCO BAIXO: Baixo Guandu, Castelo, Colatina, Conceição do Castelo, Iconha, Itaguaçu, Itarana, Jerônimo Monteiro, João Neiva, Marilândia, Mimoso do Sul, Mucurici, Muqui, Piúma, Santa Maria de Jetibá, São Roque do Canaã, Viana e Vila Pavão.

RISCO MODERADO: Afonso Cláudio, Água Doce do Norte, Águia Branca, Alegre, Alto Rio Novo, Anchieta, Apiacá, Aracruz, Atílio Vivácqua, Barra de São Francisco, Boa Esperança, Bom Jesus do Norte, Brejetuba, Cariacica, Conceição da Barra, Divino de São Lourenço, Dores do Rio Preto, Fundão, Governador Lindenberg, Guaçuí, Guarapari, Ibiraçu, Ibitirama, Irupi, Itapemirim, Jaguaré, Laranja da Terra, Linhares, Mantenópolis, Marechal Floriano, Montanha, Muniz Freire, Nova Venécia, Pancas, Pedro Canário, Ponto Belo, Presidente Kennedy, Rio Bananal, Rio Novo do Sul, Santa Leopoldina, Santa Teresa, São Domingos do Norte, São Gabriel da Palha, São José do Calçado, São Mateus, Serra, Sooretama, Vargem Alta, Venda Nova do Imigrante, Vila Valério, Vila Velha e Vitória.

RISCO ALTO: Alfredo Chaves, Cachoeiro de Itapemirim, Domingos Martins, Ecoporanga, Ibatiba, Iúna, Marataízes e Pinheiros.

Confira a comparação entre o novo mapa de risco e o anterior:

É proibida a reprodução total ou parcial de textos, fotos e ilustrações, por qualquer meio, sem prévia autorização do FolhaOnline.es.

Anúncio

Anúncio

Veja também

Praça Virtudes4

“É um faz e refaz, desperdício de dinheiro público”, diz moradora de Guarapari sobre a Praça das Virtudes

operações PM

PM detém suspeito que fugiu de acidente de trânsito em Guarapari

Anúncio

Anúncio

familia-acolhedora

Guarapari realiza formação para quem deseja participar do Programa Família Acolhedora

montagem terreno Ipiranga2

Guarapari: dona de imóvel no Ipiranga reclama da falta de ordenamento público no bairro

De acordo com o relato, no local há um terreno abandonado acumulando lixo, um ônibus estacionado na rua com uma família morando e calçada sendo usada como varal de roupa

Anúncio

frio-inverno

Inverno começa com alerta de queda de até 5°C nas temperaturas em Guarapari

O alerta emitido pelo Inmet aponta frio intenso em 35 cidades do Estado

vacina_covid_19

Pessoas acima de 40 anos já podem agendar a imunização contra Covid-19 em Guarapari

A vacinação acontecerá na quarta (23), no Complexo Esportivo, em Muquiçaba.

Anúncio