Anúncio

Alvorada reduz tarifa de Guarapari para Vitória de R$ 12,90 para R$ 2,90

Por Glenda Machado

Publicado em 14 de março de 2016 às 19:09
Atualizado em 14 de março de 2016 às 19:09
Anúncio
fila

REDUÇÃO da tarifa é temporária para análise de mercado da empresa que busca forma de enfrentar a concorrência com a vinda do Transcol.

Os passageiros que aguardavam o Transcol no Trevo de Setiba nesse final se semana tiveram uma surpresa. Enquanto esperavam o ônibus na fila, foram abordados por um cobrador de uma viação intermunicipal devidamente uniformizado oferecendo a passagem por R$ 2,90, sendo que o seu preço normal de Guarapari a Vitória custaria R$ 12,90.

“Achamos estranho porque o cobrador dizia que se a gente comprasse com ele, era R$ 2,90. Mas que se comprássemos no ônibus, era o preço normal. O que não dá para entender é porque abaixar o preço agora? Uma semana depois que conseguimos mais horários no Transcol Setiba, cuja passagem é R$ 2,75. Se podia reduzir a tarifa, porque não fizeram antes?”, indagou a presidente da Associação dos Amigos da Praia do Sol, Néia Lima.

O Folha da Cidade entrou em contato com a empresa para esclarecer o que está acontecendo. A Alvorada confirmou que reduziu a tarifa para quem embarcar no Trevo de Setiba. Mas que por enquanto está em fase experimental. Sob nova direção desde o final do ano passado, a viação tenta encontrar meios de enfrentar a concorrência com a vinda do Transcol Setiba. O teste começou nesse final de semana, mas não tem definição de prazo.

“A vinda do Transcol prejudicou a linha da Alvorada. Hoje, é inviável financeiramente manter, porque a receita não cobre os custos. A linha sobrevive dos passageiros ‘pinga-pinga’, aqueles que você pega no decorrer do trajeto. Não somos uma linha de ponta-ponta, com embarque e desembarque únicos. Estamos analisando a melhor forma para que a linha permaneça, por isso resolvemos fazer esse teste e o menor preço de tabela que temos hoje é R$ 2,90”, informa a Assessoria de Comunicação.

Hoje, a Alvorada pertence à Flecha Branca de Cachoeiro de Itapemirim – a mesma empresa responsável pela Viação Sudeste. A Assessoria ainda esclareceu que a ação é em comum acordo com o Departamento de Estradas e Rodagens (DER-ES) – órgão que regulamenta o sistema de transporte intermunicipal. E, dependendo do resultado, há possibilidade da ação promocional ser expandida para toda Guarapari. Hoje, a tarifa de Guarapari para Vila Velha é R$ 12 e até Vitória, R$ 12,90. Já na linha Dom Bosco, que sai do Ipiranga, custa R$ 7,50 até Vila Velha e R$ 9,00 até Vitória. Mas esse valor varia de acordo com o local onde o passageiro embarca e desembarca.

“O custo nós já temos, pois o ônibus tem que cumprir a sua linha. A nossa intenção é melhorar o serviço para a população. Nós colocamos um cobrador apenas e não um posto de cobrança no local, porque não é algo definitivo. É uma avaliação interna de mercado, pode acabar amanhã ou semana que vem. Por isso, que nem divulgamos. Optamos por tarifa única para evitar fraude. Então, quem pegar no Trevo de Setiba pode ir até Vitória”.

A novidade tem dividido a opinião dos usuários. Enquanto alguns defendem o Transcol, pois com um ticket, o passageiro pode transitar por todos os terminais indo para Vila Velha, Vitória, Serra e Cariacica; outros confessam que só não vão de Alvorada por causa do preço, pois no quesito conforto é melhor.

 

É proibida a reprodução total ou parcial de textos, fotos e ilustrações, por qualquer meio, sem prévia autorização do FolhaOnline.es.

Tags:

Anúncio
Anúncio

Veja também

corona

Exames da Covid-19 agora são liberados por e-mail em Guarapari

adote um idoso2

Campanha “Adote um idoso” arrecada doações em Guarapari

Em paralelo, há também arrecadação de alimentos para famílias carentes do município

Anúncio
Anúncio
CTPS; CARTEIRA DE TRABALHO; EMPREGO; FOTOS DAVI PINHEIRO/GOVERNO DO CEARA;

Sine Anchieta divulga novas vagas com oportunidades para moradores de Guarapari

Prefeito Gedson

Gedson Merizio pode se tornar deputado estadual por Guarapari

Os resultados das eleições municipais deste ano colocam Gedson com a possibilidade de assumir o cargo no próximo ano

Anúncio
Prêmio3

Professora atuante em Guarapari e Anchieta está entre as finalistas do Prêmio Shell

Cibele Machado é professora do nono ano do ensino fundamental II. Ela está na disputa e aguarda ansiosamente o resultado

casal-motohome (2)

Casal de Guarapari viaja em van com estrutura residencial montada por eles

Dentre os destinos favoritos do casal: Ubu, em Anchieta

Anúncio