Anúncio

Após feriadão de fim de ano, abastecimento de água é normalizado em Guarapari

Por Aline Couto

Publicado em 6 de janeiro de 2020 às 14:38
Atualizado em 12 de maio de 2020 às 16:06

Anúncio

É o que garante a Cesan respondendo a demanda de reclamações de moradores do município

Foto: Reprodução.

“O abastecimento já foi normalizado”, garantiu a Companhia Espírito Santense de Saneamento – Cesan depois de muitas reclamações de moradores de diversos bairros de Guarapari sobre o desabastecimento de água na cidade. As mensagens sobre a falta de água nos bairros começaram a aparecer depois de publicada uma matéria, no dia 02 de janeiro, onde o líder comunitário do bairro Elza Nader nos procurou com os relatos dos moradores a respeito de problemas no abastecimento do local. Após a publicação, recebemos relatos das localidades de Itapebussu, São Gabriel, Setiba, Santa Mônica, Jabaraí, entre outros.

Procuramos novamente a Cesan e questionamos: Como a falta de água não acontece em Guarapari há cinco anos, o que aconteceu? Houve algo de diferente neste ano? Esse desabastecimento foi causado pela alta temporada? Não foi feito um planejamento? Porque não teve campanha para racionamento da água? Qual a solução para o problema neste momento?

Em resposta, a Companhia informou que o abastecimento já foi normalizado e que a Cesan fez o planejamento e realizou os investimentos e manutenções preventivas necessárias e as estações de tratamento, bombeamento e reservatórios funcionam com capacidade total. Porém, ainda de acordo com a nota enviada, os sistemas de abastecimento de água são bens coletivos e o excesso de consumo pode causar casos pontuais de falta de água. “Além disso, alguns imóveis passam a abrigar um número de pessoas muito acima do que foram projetados. Nesses casos, os reservatórios desses imóveis esvaziam-se rapidamente”.

A louça acumulada em uma das casas que ficou sem água no bairro Elza Nader. Foto: Leitor

A Cesan também enfatizou que moradores e turistas devem reduzir o consumo de água, já muito elevado, e que a Companhia está complementando o abastecimento com carros pipa.

E finalizou. “Os moradores devem informar sobre falta de água pelo telefone 115 que os técnicos da Cesan atendem todos os pedidos de verificação de abastecimento. A chamada é gratuita e o atendimento funciona 24 horas”.

 

É proibida a reprodução total ou parcial de textos, fotos e ilustrações, por qualquer meio, sem prévia autorização do FolhaOnline.es.

Tags:

Anúncio

Anúncio

Veja também

crime em Gri

Crime em Guarapari: mulher foi amarrada e torturada antes de ser assassinada

Ana Paula da Silva Barbosa, de 52 anos, foi morta na noite de domingo (1); o marido dela também foi agredido e teve ferimentos na cabeça

Obras-orla-de-meiape-2021-08-03 (4)

Guarapari: carta aberta cobra respostas em relação a atraso de obra na Orla da Praia de Meaípe

Documento foi protocolado na Prefeitura de Guarapari pela Associação de Moradores do Bairro Meaípe

Anúncio

Anúncio

Tempo Integral ES1

Programa Capixaba incentiva implantação de Tempo Integral em escolas municipais

xepa vacina

Guarapari realiza ações de vacinação contra a Covid-19 e a gripe (Influenza)

As segundas doses de AstraZeneca e Coronavac serão aplicadas na quarta-feira (04) e as da gripe, na quarta e na quinta-feira (05)

Anúncio

revsol1

Parceria entre empresa e prefeitura beneficia estradas e ruas de localidades em Guarapari

A ArcelorMittal doará toneladas de Revsol para o município; as primeiras contempladas serão as localidades de Santa Arinda, Limão e Limãozinho

redução homicídios ES

Sete primeiros meses do ano acumulam redução de 5,7% nos homicídios no Espírito Santo

Anúncio