Anúncio

Câmara de Guarapari inaugura Ouvidoria da Mulher

No espaço, vítimas de violência doméstica serão orientadas sobre como buscar ajuda

Por Nicolly Credi-Dio

Publicado em 17 de agosto de 2020 às 15:46
Atualizado em 18 de agosto de 2020 às 18:14
Anúncio
A inauguração foi transmitida através das redes sociais em uma solenidade virtual. Foto: Divulgação

Na última sexta-feira (14), foi inaugurada a sala da Ouvidoria da Mulher. O espaço, localizado no anexo da Câmara Municipal de Guarapari, oferecerá amparo e orientação às mulheres vítimas de violência doméstica, somando esforços à Delegacia da Mulher. A inauguração foi transmitida ao vivo nas redes sociais oficiais da Câmara, durante uma solenidade virtual.

Na Ouvidoria da Mulher da Câmara Municipal, as mulheres vão receber orientações sobre como buscar ajuda caso sejam vítimas de agressões físicas. Além disso, por meio de parcerias com a Delegacia da Mulher, o Conselho da Mulher, o Ministério Público, a Defensoria Pública e os órgãos ligados a saúde, a Câmara pretende oferecer às vítimas todo o apoio necessário, como o encaminhamento para tratamentos de saúde e orientação profissional.

Enis Gordin, presidente da Câmara Municipal de Guarapari, e Dra. Mônica Silva Ferreira Goulart, presidente da 4ª Subseção da OAB-ES. Foto: Divulgação

Durante a inauguração, o presidente da Câmara, vereador Enis Gordin (PSB), relembrou que a Câmara já tratou da violência doméstica no 2° Fórum Legislativo e, nesse evento, sentiu a necessidade de oferecer esse apoio às mulheres e anunciou a criação da Ouvidoria.

“Nosso Estado já ocupou o segundo lugar no ranking nacional de feminicídio e mesmo tendo deixado essa posição, infelizmente, continua sendo um dos primeiros. Em Guarapari a violência doméstica também é expressiva, então, queremos colaborar com o maravilhoso trabalho da Delegacia da Mulher e do Conselho da Mulher e oferecer mais esse suporte para combater esse mal na nossa cidade”, afirmou Enis.

Para a Dra. Mônica Silva Ferreira Goulart, presidente da 4ª Subseção da OAB-ES, a Ouvidoria da Mulher é mais uma importante ferramenta de apoio à mulher no município. “É uma importante política pública de amparo à mulher vítima de violência doméstica, que atuará junto à Delegacia da Mulher, com o objetivo de oferecer suporte às vítimas”. Em nome da OAB, a presidente ainda parabenizou a Câmara pela política pública pela implementação da política pública de combate à violência doméstica.

Atendimento

A Ouvidoria da Mulher atenderá de segunda a sexta-feira, das 12h às 18h. Contudo, devido à pandemia do novo coronavírus, será necessário agendar o atendimento pelo telefone (27) 3261-3414. Durante os atendimentos, serão seguidas todas as normas de prevenção à Covid-19 estabelecidas pelo Ministério da Saúde.

  • Com informações da Câmara Municipal de Guarapari

É proibida a reprodução total ou parcial de textos, fotos e ilustrações, por qualquer meio, sem prévia autorização do FolhaOnline.es.

Anúncio
Anúncio

Veja também

antonio capa

Guarapari: Família pede doações de sangue para idoso de 81 anos que está na UTI

Renato Antônio Massad Vieira foi internado ontem (22) e, com a escassez de sangue nos bancos, precisa de doadores

chuva

Após forte chuva, Defesa Civil identifica dois pontos de deslizamento de terra em Guarapari

Apesar disso, não há registros de famílias desabrigadas em decorrência da chuva no município

Anúncio
Anúncio
Foto: Reprodução

Sine Anchieta: Mais de 90 vagas abertas com oportunidades na área da Samarco

Há oportunidades para moradores de Guarapari, Anchieta e Piúma

dna (5)

Chuva e vento destroem refeitório de fábrica, em Guarapari

Anúncio
e39d896a-88d6-4014-a632-46f2afd7a5d5

Grupo promove ação de limpeza do Rio Una em Guarapari e convida voluntários

Há 16 anos o “S.O.S Rio Una” coleta lixo sólido das margens do Rio Una, além de promover ações de conscientização

Foto: Reprodução

Covid-19: mais 27 pessoas se curam da doença em Guarapari

Anúncio