Anúncio

Câmara Municipal de Guarapari aprova contratação de DT’s na educação

Por Gabriely Santana

Publicado em 23 de janeiro de 2017 às 12:17
Atualizado em 23 de janeiro de 2017 às 12:17
Anúncio

A Câmara Municipal de Guarapari aprovou por unanimidade, durante sessão extraordinária desta segunda-feira (23), a contratação em regime de Designação Temporária (DT) de profissionais da educação em atendimento, segundo o Projeto de Lei (PL) nº 004/2017 de autoria do Executivo, às necessidades da educação básica municipal. Mas antes de ser aprovado, foi alvo de algumas discussões.

WhatsApp Image 2017-01-23 at 12.12.44

Vereadores aprovaram o projeto por unanimidade em sessão extra, nesta segunda-feira (23). Foto: Glenda Machado

O vereador Enis Gosrdinho, colocou em pauta duas emendas na PL. A primeira dispõe sobre a limitação de DT’s a serem contratados. Já a segunda emenda abordava a definição dos valores das remunerações aos cargos. Todas as duas emendas foram rejeitadas pelos edis em uma votação de 11 x 4. Foram contrários os vereadores: Clebinho Brambati, Dito Xaréu, Camila Rocha, Lenon Monjardim, Fernanda Mazelli, Grijó, Oziel, Paulina Aleixo, Rosangela Loyola, Sandro Bigossi e Thiago Paterlini. Além de Enis, os vereadores Denizart, Rogério Zanon e Gilmar concordavam com as emendas.

De acordo com Enis, essas disposições não estavam claras no projeto e poderiam causar dúvidas e até mesmo ônus na folha de pagamento do município, que tem o objetivo principal a economia. “Levanto essas questões, pois não há transparência nas informações quando um Projeto de Lei é encaminhado a esta casa de leis. Estamos votando no escuro. Fiz o meu papel em fiscalizar”, disse.

As referidas contratações serão feitas para auxiliar de serviço escolar, auxiliar de serviços gerais e cozinheiro, ocupando as vagas de servidores efetivos, a exemplo de casos de licença médica ou afastamento. A contratação será de acordo com o edital a ser publicado pela Semed, contendo a composição da comissão de avaliação, identificação da função e remuneração. O prazo de contratação será de 11 meses, prorrogáveis por igual período, se necessário, de acordo com interesse e conveniência administrativa dos programas e projetos educacionais desenvolvidos, ou até o retorno do servidor efetivo.

Anúncio
Anúncio

Veja também

Foto: Reprodução

Guarapari registra mais 7 óbitos e totaliza 61 mortes pela Covid-19

Município contabiliza 1296 casos confirmados; 1011 estão curados

PSB Podemos

Eleições 2020: Consolidada aliança entre PSB e Podemos para as disputas em Guarapari

Anúncio
Anúncio
Samarco-1-1024x683

Samarco reforça expectativa de retomar atividades até o fim deste ano em Anchieta

Durante encontro virtual, o gerente-geral de Operações da empresa abordou a preparação da Samarco para reiniciar atividades

PCmaconha1

PC apreende pés de maconha plantados no quintal de uma casa em Guarapari

Anúncio
fogos

Lei que proíbe fogos de artifícios sonoros em Guarapari é aprovada

O Projeto de Lei é de autoria do vereador Grijó e foi aprovado pela Câmara Municipal

Renato Casagrande. Foto: Divulgação / Rodrigo Araujo

Governo do ES apresenta pesquisas contratadas para combate à Covid-19

Foram destinados R$ 3 milhões para o apoio a projetos de pesquisa científica e de inovação

Anúncio