Anúncio

Carnaval em família: confira as dicas para curtir com os pequenos

Por Redação Folhaonline.es

Publicado em 11 de fevereiro de 2018 às 13:00
Atualizado em 11 de fevereiro de 2018 às 11:54
Anúncio

O Carnaval para quem tem filho significa ainda mais animação para curtir a data. As crianças gostam de se divertir com os amigos e usam a imaginação para pedir a fantasia. Mas, como sempre, sair com os pequenos exige muitos cuidados, principalmente em épocas como essa que os locais ficam bem cheios.

Foto: Divulgação.

Os bebês a partir de 6 meses já podem curtir os bloquinhos especiais em família, que contam com estruturas diferentes de duração mais curta, no período da manhã e com maior reforço na segurança. Ou então as matinês carnavalescas organizadas por clubes, associações ou até empresas privadas.

As crianças precisam sempre se hidratar, é importante levar bastante água, água de coco e suco, oferecendo sempre aos pequenos durante a festa.  Quando o assunto é o bem-estar do filhote não se pode esquecer de respeitar os horários, a farra deve durar, em média, de uma hora e meia a duas horas no máximo. Mas os pais devem estar sempre atentos aos sinais de cansaço, cada criança tem o seu limite. E nunca se esqueça do protetor solar, essencialmente nos blocos de rua.

O verão e a multidão exigem atenção ao fantasiar os pequenos, quanto mais leve o look, melhor, como roupas de algodão e poucos acessórios. Para bebês é legal investir em bodies que imitam fantasias. Outro ponto importante é não usar maquiagens de adultos nas crianças e sim procurar maquiagens e tintas próprias que não causem irritação.

Foto: Divulgação.

A farra também pode ser dentro de casa, apostando sempre em brincadeiras com aqueles objetos bem carnavalescos, como serpentina, confete e espuma que rendem horas de brincadeiras diferentes, basta usar a criatividade. Ou aproveitar a ocasião para deixar as crianças fazerem bastante barulho com instrumentos que elas mesmas criaram, um chocalho feito de garrafa pet com arroz, tambor com latinhas de tinta e palitinhos, pandeiro de papelão, entre outros. A criança se diverte desenvolvendo os instrumentos e usando-os depois.

Chamar os amiguinhos e organizar um super desfile de fantasias, também é valido nessa época. E até combinar com outros pais e mães de montar um bloquinho com a criançada do colégio ou condomínio, com direito a lanchinhos, brincadeiras e até uma competição com brindes que sejam bem a cara do Carnaval. A farra dos bloquinhos de rua pode ser um pouco demais para o seu pequeno, por isso montar um bloquinho com a criançada conhecida é muito fácil, é só escolher o local, criar uma playlist animada e separar as fantasias que a diversão está garantida.

Para a família que quer fugir da folia e fazer uma viagem, o ideal seria curtir a praia e a piscina para se livrar do calorão da estação.

Foto: Divulgação.

Anúncio
Anúncio

Veja também

corona

Coronavírus: Guarapari registra 12º óbito e mais 10 casos da doença

A vítima fatal da doença residia no Centro

CTA

Centro de Testagem e Aconselhamento vira alvo de denúncias em Guarapari

Anúncio
Anúncio
Lucineia Santos de Souza. Foto: Arquivo Pessoal

Moradora de Guarapari já produziu e doou mais de 500 máscaras para famílias carentes

Com um saco de retalhos e um rolo de elástico, Lucineia Santos resolveu ajudar pessoas em situação de vulnerabilidade social a se protegerem da Covid-19

homicidio

Número de homicídios no ES reduz em maio e atinge melhor número dos últimos 24 anos

abertura de em presas

ES está entre os 12 estados com menor tempo de espera para abertura de novas empresas

cão4

Pandemia faz número de adoção de cães e gatos crescer em Guarapari