Anúncio

Curral irregular com 350 porcos é identificado pela Polícia Ambiental

Por Hamilton Garcia

Publicado em 28 de julho de 2016 às 09:26
Atualizado em 28 de julho de 2016 às 09:27

Anúncio

curral irregularO Batalhão de Polícia Militar Ambiental (BPMA) constatou o funcionamento de um curral irregular com 350 porcos na zona rural de Guarapari. A ação aconteceu na terça-feira (26). O responsável pelo local não possui autorização ambiental para funcionar e terá que comparecer ao Juizado Especial.

Durante vistoria, os policiais fiscalizaram o curral, onde são realizadas atividades de suinocultura, com 350 porcos confinados para fins comerciais. No local, foi identificado o lançamento dos efluentes em uma caixa de captação, considerada ineficaz, pois os resíduos escorrem e ficam na parte mais baixa do terreno.

Construir serviços poluidores sem autorização dos órgãos ambientais é crime. As obras no curral foram paralisadas, o infrator assinou o termo de compromisso e deverá comparecer ao Juizado Especial para prestar esclarecimentos.

É proibida a reprodução total ou parcial de textos, fotos e ilustrações, por qualquer meio, sem prévia autorização do FolhaOnline.es.

Tags:

Anúncio

Anúncio

Veja também

kit merenda

Guarapari realiza nova distribuição de kit merenda para alunos da Rede Municipal de Ensino

Covid-19_ES ultrapassa 10 mil obitos - 2021-05-11

Painel Covid-19: Guarapari se aproxima de 350 e ES ultrapassa 10 mil óbitos por Covid-19

Segundo a última atualização, na tarde de hoje (11), o número de óbitos chegou a 10.013 em todo o Estado

Anúncio

Anúncio

vacina_butantan_covid-divugacao_es

Guarapari abre agendamento para segunda dose da Coronavac em idosos acima de 70 anos

vacinacao-gripe-vilhena-2021-05-11

Imunização contra gripe para idosos e professores começou hoje (11) em Guarapari

Anúncio

Desaparecido Secr Saúde1

Encontrado morador de Guarapari que estava desaparecido

vacina pfizer

Vacina da Pfizer será aplicada em gestantes do ES após suspensão da AstraZeneca

A vacina, até então, só estava sendo aplicada em moradores de Vitória; Anvisa orientou a suspensão da aplicação da AstraZeneca em gestantes nessa segunda-feira (10)

Anúncio