Anúncio

Doméstica é presa depois de planejar e ajudar a roubar R$ 150 mil em joias da patroa em Guarapari

Por Redacão Folha Vitória

Publicado em 17 de agosto de 2017 às 17:05
Atualizado em 17 de agosto de 2017 às 17:05

Anúncio

Uma empregada doméstica foi presa, junto com outras quatro pessoas, acusada de idealizar e facilitar o roubo de cerca de R$ 150 mil em joias da casa onde trabalhava. O grupo foi detido em operações realizadas na última terça-feira (15) e hoje pela manhã.

No dia 03 de julho deste ano, a doméstica Silvia Regina Viana Queiroz, 42 anos, ligou para a dona da casa onde ela trabalhava informando que três homens tinham invadido a casa, rendido ela e roubado as joias. Silvia chegou a dar um depoimento na delegacia contando que os homens a renderam e com arma em punho, forçaram ela a dizer onde estavam as joias da patroa.

Silvia, à esquerda, foi quem planejou o furto das joias da patroa. Foto: João Thomazelli/folhaonline.es

“Logo na época da comunicação do crime, achamos estranho porque os ladrões foram direto no quarto onde estavam as joias e arrombaram a gaveta, mas não levaram nenhum outro objeto. Na casa havia celulares, aparelhos de TV’s. Nem mesmo o telefone da Silvia foi roubado”, explicou o delegado titular da Delegacia de Crimes Contra o Patrimônio (Depatri) de Guarapari, Marcos Nery.

Analisando as imagens de várias câmeras da região onde o crime foi cometido, os policiais civis conseguiram identificar uma moto roxa que teria sido usada no crime, mas a placa não estava visível.

“Um dia os policiais viram uma moto da mesma cor circulando na cidade e decidiram abordar o piloto. Ele contou que tinha emprestado a moto para um conhecido no dia do crime, mas que este amigo tinha morrido em Cachoeiro de Itapemirim, o que de fato aconteceu. Depois descobrimos que ele era ex-namorado da filha da Silvia e resolvemos conversar com ele novamente e ele admitiu que havia participado do crime e que a Silvia é quem havia planejado tudo”, contou o delegado.

O crime e os receptadores

O dono da moto é Gutiery dos Santos Boaventura, de 22 anos. Ele, o amigo que morreu assassinado em Cachoeiro e um terceiro detido, Rafael Gomes de Souza, 22, entraram na residência com a ajuda de Silvia, que os avisou quando a dona estava trabalhando, e venderam as joias para dois homens que trabalham em uma joalheria em Vitória.

Apenas um cordão e algumas pedras restaram de um conjunto de joias avaliado em R$ 150 mil. foto: João Thomazelli/folhaonline.es

Na manhã desta quinta-feira, munidos de mandados de busca e apreensão e de prisão, a equipe da Depatri foi até o local e prendeu Adalto de Assis, 57 anos, e Renan Rufino Guedes, 39.

Os ladrões admitiram que venderam as joias por R$ 9 mil para os dois ourives. Mas, para azar e prejuízo da vítima, o material já havia sido derretido e apenas um cordão e algumas pedras que estavam nas joias foram recuperados intactos. Um maço de notas antigas que eram vendidas pelos ourives também foi apreendido. Cada uma pode ser vendida por até R$ 25,00.

O delegado Marcos Nery autuou os dois por receptação. Já os ladrões, inclusive Silvia, foram autuados por furto qualificado. Para suprir a falta de efetivo na Depatri, policiais militares da Seção de Inteligência deram apoio nas investigações e na prisão dos suspeitos.

É proibida a reprodução total ou parcial de textos, fotos e ilustrações, por qualquer meio, sem prévia autorização do FolhaOnline.es.

Tags:

Anúncio

Anúncio

Veja também

quiosque praia do morro11

Guarapari abre licitação para manutenção dos quiosques recém-reformados na Praia do Morro

Os serviços custarão mais de R$ 450 mil

rematricula

Termina amanhã (30) o período para rematrícula na Rede Estadual de Ensino do ES

Anúncio

Anúncio

onibus_lorenzutti_guarapari

Duas linhas de ônibus que atendem a zona rural de Guarapari terão alteração de itinerários

Breno natação11

Nadador de Guarapari conquista quatro ouros e uma prata nas Paralimpíadas Escolares 2021

Anúncio

rifa-beneficente-pedrovidal1

Adolescente de Guarapari com cirurgia em atraso recebe apoio e novo prêmio para rifa

compras_natal_1-770x470

Natal Premiado com R$ 15 mil de premiação em Anchieta

Anúncio