Anúncio

Informe Publicitário

Educação financeira é tema de projeto desenvolvido pelo Sicoob Sul-Litorâneo

A cooperativa, que compreende as cidades de Alfredo Chaves, Iconha, Piúma, Guarapari, Anchieta, Itaipava, Itapemirim e Viana, investe socialmente onde atua

Por Carolina Brasil

Publicado em 20 de dezembro de 2020 às 12:00
Atualizado em 21 de dezembro de 2020 às 14:35

Anúncio

Com aproveitamento de 70% ou mais, os alunos recebem o certificado de conclusão do curso. Fotos: Divulgação

Ao longo dos anos, o projeto “Arte de Somar”, desenvolvido pelo Sicoob, promove a Educação Financeira em instituições públicas de ensino dos municípios de atuação. 

Em 2019, o Sicoob Sul-Litorâneo realizou a edição mais recente do projeto, impactando cerca de 637 estudantes em Piúma e Guarapari; em 2020, o “Arte de Somar” precisou ser suspenso por conta da pandemia do novo Coronavírus.

Com investimento de cerca de R$ 13 mil para custear o projeto, os alunos do 6º ao 9º ano, com idade entre 11 e 15 anos, das escolas EMEF José de Vargas Scherrer, de Piúma, e EMEF Ignez Massad Cola, de Guarapari, tiveram a oportunidade de aprenderem mais sobre a importância do planejamento financeiro e do desenvolvimento de uma relação equilibrada com o dinheiro. “ O Arte de Somar é um projeto de educação financeira e, como tal, visa desenvolver uma relação equilibrada entre o indivíduo e o dinheiro. Quando isso é trabalhado nas crianças e adolescentes, utilizando atividades lúdicas como o teatro de bonecos, o aproveitamento é fantástico. Eles absorvem muito bem os conceitos que são trabalhados nas etapas do projeto”, destacou Luzia Gallina, uma das voluntárias do projeto. 

Um teatro de bonecos encerra a proposta do projeto.

Um dos objetivos do “Arte de Somar” é fazer com que os alunos compreendam a importância do controle do dinheiro e dos gastos. Para isso, temas como consumo consciente, planejamento financeiro e incentivo à poupança são trabalhados em um curso on-line, feito no site do Banco Central, além de uma oficina de teatro de bonecos que culmina em uma apresentação teatral sobre finanças. “O resultado disso serão adultos mais conscientes, com hábitos financeiros saudáveis e princípios que os ajudarão na realização de seus desejos e sonhos”, finalizou Luzia.

Em 2019, mais de 600 estudantes foram impactados em Piúma e Guarapari.

É proibida a reprodução total ou parcial de textos, fotos e ilustrações, por qualquer meio, sem prévia autorização do FolhaOnline.es.

Anúncio

Anúncio

Veja também

casagrande_governador_mapa_de_risco-2021-05-07

54° Mapa de Risco: Governo do Estado divulga novo Mapa e anuncia volta às aulas no Espírito Santo

As cidades de Guarapari e Anchieta seguem classificadas como de Risco Alto; Alfredo Chaves retorna a Risco Moderado

ocupação leitos

Quase dois meses depois, ES volta a ter menos de 80% de leitos de UTI contra Covid-19 ocupados

Índice representa um alívio na pressão sofrida pelos hospitais do estado, já que, durante pouco mais de um mês, entre março e abril, a taxa ficou acima de 90%

Anúncio

Anúncio

atendimento-computador-mulher-secretaria

Guarapari abre seleção para psicólogo e assistente social

coronavac-vacina_covid

Casagrande anuncia a chegada de 20 mil novas doses da Coronavac no ES

Anúncio

setur01-2

Equipe da Secretaria de Turismo do Estado visita atrativos turísticos de Anchieta

prainha_obra_edificacao_construcao

Câmara aprova Projeto de Lei que viabiliza regularização de edificações em Guarapari

Por meio do Programa de Regularização de Edificações (PRE), moradores poderão tirar o ‘Habite-se’ e regularizar suas edificações

Anúncio