Anúncio

Empreendedores abrem a casa para servir café colonial em Alfredo Chaves

Por Redação Folhaonline.es

Publicado em 31 de janeiro de 2019 às 13:45
Atualizado em 31 de janeiro de 2019 às 13:50

Anúncio

A novidade é oferecida para grupos e servida na casa e no quintal dos proprietários.

O café é oferecido na própria casa e no jardim da estância. Fotos: Divulgação.

Dois moradores de Cachoeira Alta, no interior de Alfredo Chaves, estão apostando no agroturismo. Recentemente, eles abriram os portões da propriedade e da própria casa, a Estância Solar do Vale, para receber turistas com serviço de café colonial. A novidade é oferecida, por enquanto, para grupos com agendamento prévio. Os visitantes, além de tomarem um gostoso café, fabricado artesanalmente na região, com diversos produtos cultivados no sítio, podem conhecer e registrar fotos no jardim e nas plantações de uva e pitayas existentes na propriedade, além de comprar ovos, doces e outros itens produzidos na Estância.

O serviço de café é oferecido na própria casa e no jardim da estância, de propriedade do decorador de festas, Fernando Volponi e do relações públicas, Dirceu Cetto. O café pode ser servido de acordo com o horário desejado pelo cliente, pela manhã ou à tarde, com agendamento de no mínimo dois dias de antecedência.

Pão caseiro, pão de pitaya, bolos, cavaco, biscoitos, geleias, sucos, queijo, leite, café, aipim cozido, banana da terra, batata doce, caçarola de coco, pão salgado, pão recheado e outros itens fazem parte do cardápio. A maioria dos produtos utilizados no preparo dos pratos são cultivados organicamente na própria estância.

Pães caseiros estão entre os alimentos servidos para os visitantes.

Os visitantes ainda podem comprar, no local, ovos caipira, doce de mamão ou figo, mudas de flores e frutas, entre outros. O valor do café colonial é cobrado por pessoa.

A empresária de Vila Velha, Beatriz Carlindo Santos, 45 anos, aprovou a iniciativa. “Achei muito legal a ideia, o café é delicioso. Podemos ainda vivenciar a vida no campo e curtir a paisagem do local. Quero voltar com outros amigos”, disse.

De acordo com Cetto, um dos proprietários, a ideia surgiu na colheita de uva e pitayas, quando o sítio recebeu muitos visitantes. “iniciamos durante a colheita e resolvemos continuar com o serviço. No inverno, pretendemos incluir caldos no cardápio. A ideia é oferecer um café típico da roça, com produtos locais, feito artesanalmente e ainda deixar o visitante interagir com a vida no sítio, apreciar o jardim, as criações e os cultivos”, conta.

Além de adquirir o café colonial, os visitantes podem tirar fotos na propriedade.

A Estância Solar do Vale fica na rodovia Giuseppe Cetto, a 5 km da sede de Alfredo Chaves, em um roteiro turístico que sedia a famosa rampa de voo livre de Cachoeira Alta, onde diversos pilotos do mundo inteiro saltam constantemente de parapente e asa delta. No circuito, há também a cachoeira Tororoma (não tem local para banho), uma piscina natural formada pelo rio e excelentes pousadas e serviço de voo duplo de parapente.

É proibida a reprodução total ou parcial de textos, fotos e ilustrações, por qualquer meio, sem prévia autorização do FolhaOnline.es.

Tags:

Anúncio

Anúncio

Veja também

pfizer

Guarapari realiza agendamento para segunda dose da vacina Pfizer contra a Covid-19

Foto: Reprodução

Pacientes não conseguem medicamento para tratamento de Parkinson em Guarapari

Anúncio

Anúncio

sequelas cirurgia8

Com sequelas devido a uma cirurgia, jovem de Guarapari precisa de tratamento e mãe pede ajuda

impostos-combustiveis-gasolina-2021-09-28

Para evitar aumentos, Governo do Espírito Santo congela imposto de combustíveis

Anúncio

processo_seletivo-2021-04-01

Anchieta abre seleção com remuneração de até R$9 mil

Inscrições acontecem nesta quinta (30) e sexta-feira (01)

coronavac-instituto-butantan

Covid-19: Guarapari realiza ação sem agendamento para imunização com a vacina Coronavac

Anúncio