Anúncio

Entidade arrecada alimentos para artesãos de Guarapari afetados pela pandemia

Em paralelo, a ABAI também está à frente da campanha do agasalho em prol da comunidade São João

Por Aline Couto

Publicado em 4 de agosto de 2020 às 16:27
Atualizado em 5 de agosto de 2020 às 11:28
Anúncio
Um dos pontos de entrega dos alimentos é o 10º Batalhão da Polícia Militar de Guarapari. Foto: Arquivo Pessoal.

A ABAI, Associação Beneficente Adote Um Idoso – Banco de Alimentos, responsável por acompanhar idosos e famílias carentes em Guarapari ofertando assistência social e de saúde, está à frente de duas campanhas de arrecadação. A de alimentos, que serão entregues aos artesãos do município que foram afetados pela pandemia do novo Coronavírus (Covid-19) e a do agasalho, destinada aos moradores do bairro São João.

Jailza Dias, fundadora da associação, contou que diante da pandemia os artesãos ficaram sem renda e estão precisando de ajuda. “Eles não conseguem vender os artesanatos que produzem e estão sem onde tirar o sustento da família. Nossa finalidade é sempre ajudar”.

E a corrente solidária dos membros da ABAI é ainda mais abrangente. A entidade também busca suprir a necessidade de agasalhos dos moradores do bairro São João. “Eles estão precisando muito de roupas de frio e de cama. Não só os idosos, os moradores de todas as idades. A comunidade é parceira e solidária, vamos contribuir”, reforçou Jailza.

Foto: Reprodução

Serviço:

As doações de ambas as campanhas podem ser entregues na Igreja Metodista Wesleyana do bairro Camurugi. Caso a opção seja a busca em domicílio, também é possível. A equipe da ABAI recolhe os donativos.

Outros pontos de entrega dos alimentos:

10º Batalhão da Polícia Militar

Óticas Praianas

Mais informações:

(27) 99993-8650 – Monik Nascimento (Presidente da ABAI)

(27) 99695-8247 – Lídia Mara (Secretária da ABAI)

Foto: Divulgação.

É proibida a reprodução total ou parcial de textos, fotos e ilustrações, por qualquer meio, sem prévia autorização do FolhaOnline.es.

Anúncio
Anúncio

Veja também

Imagem artigo

Artigo: O uso indevido da Lei Maria da Penha

E o reflexo prejudicial às mulheres que de fato precisam da proteção legal

Foto: Reprodução

Grupo de doadores de sangue de Guarapari convoca voluntários para ação

O Projeto Esther-Doe Sangue Salve Vidas realiza doação pelo menos duas vezes por mês com transporte gratuito para os voluntários

Anúncio
Anúncio
AfroChaves

Alfredo Chaves: associação recolhe óleo usado para fabricar sabão e doar

classroom-2093743_1280

Governo do ES autoriza aulas presenciais a partir de 05 de outubro

A suspensão das aulas foi uma das primeiras medidas de enfrentamento à pandemia tomadas em março.

Anúncio
Parque de Itaúnas - Paulo Sena - Seama

Parques estaduais abrirão neste final de semana

EscolaAlfredo

Em meio a aulas online, escola de Alfredo Chaves inova e cria atividades práticas a distância

Anúncio