Anúncio

ES deve investir R$ 7 bilhões em programas e projetos de áreas estratégicas

Por Aline Couto

Publicado em 26 de janeiro de 2020 às 09:00
Atualizado em 24 de janeiro de 2020 às 11:21
Anúncio

A intenção do governo é, por meio do gerenciamento intensivo através de pessoas, tecnologia e processos, eliminar gargalos dos projetos e programas para entregar mais para a sociedade. Esse gerenciamento é realizado pelo programa Realiza+

O primeiro ciclo de reuniões de gerenciamento intensivo de projetos e programas foi concluída e teve a participações do governador Casagrande, de secretários, dirigentes de órgãos e gerentes de secretarias e órgãos ligados às nove áreas estratégicas. Foto: Governo do Estado.

O Governo do Estado do Espírito Santo prevê investimento de R$ 7 bilhões, nos quatro anos de gestão, em projetos e programas em áreas estratégicas. São três carteiras dentro de um modelo com coordenação direta do próprio governador, Renato Casagrande, que favorecem a ampliação das entregas à população. Ao todo, nas nove áreas estratégicas, foram alinhados 241 projetos e 17 programas.

Casagrande acompanha a evolução das políticas públicas das áreas de Segurança em Defesa da Vida, Saúde Integral, Educação para o Futuro, Gestão Pública Inovadora e Infraestrutura para Crescer, além da carteira tática, da qual fazem parte as áreas de Desenvolvimento Econômico, Agricultura e Meio Ambiente, Proteção Social e Direitos Humanos, Cultura, Turismo, Esporte e Lazer. A terceira carteira é a operacional, e envolve entregas da gestão estadual em todas as nove áreas estratégicas: Desenvolvimento Econômico, Segurança em Defesa da Vida, Gestão Pública Inovadora, Agricultura e Meio Ambiente, Educação para o Futuro, Infraestrutura para Crescer, Cultura, Turismo, Esporte e Lazer, Saúde Integral e Desenvolvimento Social e Direitos Humanos.

Foto: Reprodução.

Entre os projetos finalísticos do Governo destacam-se os das áreas da Segurança, com o Estado Presente em Defesa da Vida; da Saúde, com o Inova Saúde; da Educação, com Melhoria da Qualidade da Educação; da Infraestrutura, com os programas de Mobilidade Urbana e de Gestão Integrada das Águas e da Paisagem; e do Desenvolvimento Social e Direitos Humanos, com os programas Incluir, Rede Abraço e Agenda Mulher.

A intenção do governo é, por meio do gerenciamento intensivo através de pessoas, tecnologia e processos, eliminar gargalos dos projetos e programas para entregar mais para a sociedade. Esse gerenciamento é realizado pelo programa Realiza+.

*Com informações: Governo do Estado.

É proibida a reprodução total ou parcial de textos, fotos e ilustrações, por qualquer meio, sem prévia autorização do FolhaOnline.es.

Tags:

Anúncio
Anúncio

Veja também

PROCESSO-SELETIVO-PARA-MEDICOS-ROLIM

Guarapari abre processo seletivo para assistente social e auxiliar de serviços gerais

Há também oportunidades para coordenador e cuidador

Transplante

Aguardando um novo coração, moradora de Guarapari precisa de ajuda com os custos da viagem

Taiana está como prioridade na lista do transplante de coração em São Paulo e fez uma vaquinha online para custear a estadia na cidade enquanto aguarda um doador

Anúncio
Anúncio
camara-2-550x482

CPI dos Shows tem nova reunião marcada para esta manhã (24) em Guarapari

Foto: Reprodução

Mais 75 casos da Covid-19 são notificados em Guarapari

Com isso, a cidade totaliza 10.682 notificações; 3.324 casos estão confirmados

Anúncio
antonio capa

Guarapari: Família pede doações de sangue para idoso de 81 anos que está na UTI

Renato Antônio Massad Vieira foi internado ontem (22) e, com a escassez de sangue nos bancos, precisa de doadores

chuva

Após forte chuva, Defesa Civil identifica dois pontos de deslizamento de terra em Guarapari

Apesar disso, não há registros de famílias desabrigadas em decorrência da chuva no município

Anúncio