Anúncio

Atleta de Guarapari conquista três medalhas de ouro nas Paralimpíadas Escolares de São Paulo

Por Redação Folhaonline.es

Publicado em 24 de novembro de 2017 às 18:45
Atualizado em 24 de novembro de 2017 às 21:18
Anúncio

por Aline Couto

As Paralimpíadas Escolares de São Paulo se encerram hoje (24) com um quadro repleto de medalhas para os atletas do Espírito Santo. Os capixabas brilharam com 26 medalhas, sendo 12 de ouro, e um 8º lugar no quadro.

Breno Braga da Costa conquistou três medalhas na natação

Breno Braga da Costa, de 12 anos, foi o ganhador do ouro nos 25m peito S13. Apelidado de Shark Boy, menino tubarão, o atleta, morador de Guarapari, é deficiente visual, não possui a visão central e tem somente 10% da visão periférica no olho direito, e 5% no esquerdo. O menino nasceu com uma doença congênita que só foi descoberta em 2014, aos 9 anos de idade, quando ele começou a perder a visão. Breno. viu na natação uma oportunidade de vencer, mesmo com as limitações, e correu atrás dos seus sonhos.

Breno comemorando mais uma vitória.

Além do ouro de Breno Braga da Costa (25m peito S13), eles conquistaram outros quatro ouros e duas pratas na natação: Ezequias Lima (100m livre S3), Laís Jesus Amorim (100m livre S8), Stéphany Nobre Rodrigues (100m livre S9) e Washington Junior da Silva dos Santos (50m peito S14), e as de prata com Gustavo Soares do Nascimento (50m peito SB6) e Íkaro Nunes de Castro  (50m peito S9).

No atletismo, Felipe Vidoto Pereira foi ouro na corrida dos 100m  F42 e no lançamento de pelotas, Erika Targino conquistou o ouro no arremesso de disco F55, e Monike Bheatriz ouro no lançamento de pelotas F33. A prata ficou com Carlos Daniel Martins da Paixão nos 400m e o bronze nos 100m F38 e Lucas Marcelino Ferreira levou o bronze nos 400m T47.  O tênis de mesa também rendeu ouro para Karoline Castro, na Classe 8 infantil.

Anúncio
Anúncio

Veja também

corona

Coronavírus: Guarapari registra 12º óbito e mais 10 casos da doença

A vítima fatal da doença residia no Centro

CTA

Centro de Testagem e Aconselhamento vira alvo de denúncias em Guarapari

Anúncio
Anúncio
Lucineia Santos de Souza. Foto: Arquivo Pessoal

Moradora de Guarapari já produziu e doou mais de 500 máscaras para famílias carentes

Com um saco de retalhos e um rolo de elástico, Lucineia Santos resolveu ajudar pessoas em situação de vulnerabilidade social a se protegerem da Covid-19

homicidio

Número de homicídios no ES reduz em maio e atinge melhor número dos últimos 24 anos

Anúncio
abertura de em presas

ES está entre os 12 estados com menor tempo de espera para abertura de novas empresas

cão4

Pandemia faz número de adoção de cães e gatos crescer em Guarapari