Anúncio

Espírito Santo registra menor número de homicídios dos últimos 25 anos

Por Redação Folhaonline.es

Publicado em 12 de janeiro de 2020 às 12:00
Atualizado em 10 de janeiro de 2020 às 13:15

Anúncio

O dado corresponde ao período de 2019, que fechou com menos de mil mortes

Para o governador, os números mostram que a integração trouxe resultados importantes. Foto: Foto: Hélio Filho/Secom

De acordo com o balanço da Segurança Pública de 2019, o Espírito Santo obteve o menor índice de homicídios em 25 anos. Foram registradas 978 mortes, no último ano. O número representa o melhor resultado desde 1993, quando o estado superou mil assassinatos. Os dados foram divulgados pelo governador do Estado, Renato Casagrande, no início de janeiro. O relatório ainda aponta redução nos casos de latrocínio e feminicídio.

Segundo informações do Governo do Estado, em comparação com o ano de 2018, 131 vidas foram poupadas em 2019. Ainda comparado com o ano anterior, a Grande Vitória apresentou uma redução de 15%, tendo 522 casos registrados. O menor número da região desde 1996. O governador comemora os índices positivos. “Temos um desafio gigantesco, mas os números mostram que a integração trouxe resultados importantes”.

No último mês de dezembro, 85 vidas foram tiradas de forma violenta, o que torna o torna o segundo dezembro menos violento do Estado desde 1996. Conforme aponta o balanço, das cinco Regiões Integradas de Segurança Pública (Risp), quatro encerraram ano com menor número de mortes. Apenas a região Noroeste sofreu acréscimo, com sete casos a mais. Para o secretário de Estado da Segurança Pública e Defesa Social, Roberto Sá, os resultados de 2019 são históricos.

No que diz respeito à morte de mulheres, o número diminuiu de 94 mortes, em 2018, para 89 em 2019. O Estado também concluiu o período com um caso a menos de feminicídio registrado, contabilizando 33 mortes. Em relação ao crime de latrocínio, homicídio que objetiva o roubo, houve um decréscimo de 26%. Segundo o balanço, em 2018 foram registrados 34 mortes do tipo e, no último ano, o número caiu para 25.

Renato Casagrande atribui os avanços na Segurança Pública aos esforços do Governo do Estado para restringir a circulação de armas de fogo. “Temos visto uma indução às armas e quando isso acontece, mais armas se oferta aos bandidos. Montamos uma delegacia especializada em armas e munições com o desafio de tirar esses itens das mãos dos criminosos”.  Segundo o governador, a meta é que a redução da criminalidade no Estado avance este ano.

Texto: Nicolly Credi-Dio 

É proibida a reprodução total ou parcial de textos, fotos e ilustrações, por qualquer meio, sem prévia autorização do FolhaOnline.es.

Tags:

Anúncio

Anúncio

Veja também

empresas_gas_e_petroleo_reuniao_es

Governo se reúne com novas empresas de gás que vão operar no Espírito Santo

Representantes das empresas 3R Petroleum e DBO Energia se reuniram com o Governador no Palácio Anchieta na última quarta-feira (24)

foto_casa_abertura_antonio_ribeiro

Um Problema em Guarapari

Anúncio

Anúncio

marearea_equipe_preparacao

Equipe de canoa havaiana de Guarapari conquista 4° lugar em prova nacional

A equipe ficou posicionada em quarto lugar da categoria OC6 Mista no desafio “Do Leme ao Pontal”, na orla do Rio de Janeiro

agencia-banestes

Procura por crédito imobiliário do Banestes cresce 300%

A demanda teve crescimento de 300% em 2020, quando comparado a 2019, e segue aquecida nos primeiros meses de 2021

Anúncio

planalto_obras

10 vias do Bairro Planalto em Anchieta recebem obras de pavimentação e drenagem

Obra contempla aproximadamente 4 km de drenagem e pavimentação no bairro

sinestesia-3

Sarau virtual vai apresentar artistas da periferia de Guarapari

O objetivo é de fomentar a cultura e o potencial artístico de dentro dos bairros de periferia de Guarapari

Anúncio