Anúncio

Espírito Santo registra menor número de homicídios dos últimos 25 anos

Por Redação Folhaonline.es

Publicado em 12 de janeiro de 2020 às 12:00
Atualizado em 10 de janeiro de 2020 às 13:15

Anúncio

O dado corresponde ao período de 2019, que fechou com menos de mil mortes

Para o governador, os números mostram que a integração trouxe resultados importantes. Foto: Foto: Hélio Filho/Secom

De acordo com o balanço da Segurança Pública de 2019, o Espírito Santo obteve o menor índice de homicídios em 25 anos. Foram registradas 978 mortes, no último ano. O número representa o melhor resultado desde 1993, quando o estado superou mil assassinatos. Os dados foram divulgados pelo governador do Estado, Renato Casagrande, no início de janeiro. O relatório ainda aponta redução nos casos de latrocínio e feminicídio.

Segundo informações do Governo do Estado, em comparação com o ano de 2018, 131 vidas foram poupadas em 2019. Ainda comparado com o ano anterior, a Grande Vitória apresentou uma redução de 15%, tendo 522 casos registrados. O menor número da região desde 1996. O governador comemora os índices positivos. “Temos um desafio gigantesco, mas os números mostram que a integração trouxe resultados importantes”.

No último mês de dezembro, 85 vidas foram tiradas de forma violenta, o que torna o torna o segundo dezembro menos violento do Estado desde 1996. Conforme aponta o balanço, das cinco Regiões Integradas de Segurança Pública (Risp), quatro encerraram ano com menor número de mortes. Apenas a região Noroeste sofreu acréscimo, com sete casos a mais. Para o secretário de Estado da Segurança Pública e Defesa Social, Roberto Sá, os resultados de 2019 são históricos.

No que diz respeito à morte de mulheres, o número diminuiu de 94 mortes, em 2018, para 89 em 2019. O Estado também concluiu o período com um caso a menos de feminicídio registrado, contabilizando 33 mortes. Em relação ao crime de latrocínio, homicídio que objetiva o roubo, houve um decréscimo de 26%. Segundo o balanço, em 2018 foram registrados 34 mortes do tipo e, no último ano, o número caiu para 25.

Renato Casagrande atribui os avanços na Segurança Pública aos esforços do Governo do Estado para restringir a circulação de armas de fogo. “Temos visto uma indução às armas e quando isso acontece, mais armas se oferta aos bandidos. Montamos uma delegacia especializada em armas e munições com o desafio de tirar esses itens das mãos dos criminosos”.  Segundo o governador, a meta é que a redução da criminalidade no Estado avance este ano.

Texto: Nicolly Credi-Dio 

É proibida a reprodução total ou parcial de textos, fotos e ilustrações, por qualquer meio, sem prévia autorização do FolhaOnline.es.

Tags:

Anúncio

Anúncio

Veja também

crime em Gri

Crime em Guarapari: mulher foi amarrada e torturada antes de ser assassinada

Ana Paula da Silva Barbosa, de 52 anos, foi morta na noite de domingo (1); o marido dela também foi agredido e teve ferimentos na cabeça

Obras-orla-de-meiape-2021-08-03 (4)

Guarapari: carta aberta cobra respostas em relação a atraso de obra na Orla da Praia de Meaípe

Documento foi protocolado na Prefeitura de Guarapari pela Associação de Moradores do Bairro Meaípe

Anúncio

Anúncio

Tempo Integral ES1

Programa Capixaba incentiva implantação de Tempo Integral em escolas municipais

xepa vacina

Guarapari realiza ações de vacinação contra a Covid-19 e a gripe (Influenza)

As segundas doses de AstraZeneca e Coronavac serão aplicadas na quarta-feira (04) e as da gripe, na quarta e na quinta-feira (05)

Anúncio

revsol1

Parceria entre empresa e prefeitura beneficia estradas e ruas de localidades em Guarapari

A ArcelorMittal doará toneladas de Revsol para o município; as primeiras contempladas serão as localidades de Santa Arinda, Limão e Limãozinho

redução homicídios ES

Sete primeiros meses do ano acumulam redução de 5,7% nos homicídios no Espírito Santo

Anúncio