Anúncio

Guarapari mantém, em 2017, o mesmo número de homicídios do ano anterior

Por Carolina Brasil

Publicado em 11 de janeiro de 2018 às 15:40
Atualizado em 11 de janeiro de 2018 às 13:50

Anúncio

O dado segue na contramão do Estado, que registrou um aumento de 15% no número assassinatos em relação a 2016.

Registro de homicídio. Foto: João Thomazelli/Arquivo

O Espírito Santo registrou 1403 mortes violentas no ano passado contra 1181 ocorridas em 2016, um aumento de pouco mais de 15%. Considerando todo o Estado, foi a primeira vez, nos últimos sete anos, que houve crescimento em relação ao ano anterior.

Dos 78 municípios capixabas, 43 seguiram essa tendência. As cidades mais violentas, concentrando 70% dos registros, são: Aracruz, Cariacica, Linhares, São Mateus, Serra, Vila Velha e Vitória. Já Guarapari manteve o número de 36 homicídios em 2017 a exemplo do ano anterior, mesmo com a crise na segurança pública capixaba. Por aqui, desde 2009, quando ocorreram cerca de 70 mortes, esse número vem caindo e sem crescimento no último ano.

Para o Capitão Rodrigo Lourencini, do 10º Batalhão da Polícia Militar, isso se deve ao trabalho de integração entre as polícias Civil e Militar. “Com reuniões mensais e atuando com o serviço de inteligência, com ações de planejamento e operações nos locais onde há maior risco da incidência de crimes contra a vida, fizemos o nosso papel. Havia uma previsão de redução, que infelizmente não ocorreu, mas não tivemos aumento, e isso é muito relevante”, afirmou.

É proibida a reprodução total ou parcial de textos, fotos e ilustrações, por qualquer meio, sem prévia autorização do FolhaOnline.es.

Tags:

Anúncio

Anúncio

Veja também

coronavac-instituto-butantan

Guarapari abre novo agendamento de segunda dose da Coronavac para profissionais da saúde

?

Anchieta promove 1º Mostra Cultural Aldir Blanc com apresentações on-line

Anúncio

Anúncio

temporada_de_inverno-es-2021-06-24

Governo do Estado entrega site sobre turismo capixaba, oficinas e novo circuito turístico

Setur lançou um conjunto de oficinas para o setor de turismo

situacao_de_rua_2021-06-23

Situação de Rua: o que pensam organizações de Guarapari que trabalham com essa população

Em Guarapari, parte da população têm notado um aumento de pessoas que encaram essa condição

Anúncio

Capacetes Elmo

Espírito Santo recebe doação de 158 capacetes ELMOs para pacientes com Covid-19

xepa vacina

Governo do Estado cria regras para “xepa” das vacinas nas cidades do ES

Orientação da Sesa é que as doses excedentes sejam utilizadas em quem pertence ao grupo contemplado ou para as pessoas da faixa etária seguinte

Anúncio