Anúncio

Guarapari: Prefeitura estimula empatia com pessoas que testam positivo para Covid-19

Por Redação Folhaonline.es

Publicado em 21 de junho de 2020 às 10:27
Atualizado em 22 de junho de 2020 às 15:25

Anúncio

Em divulgação feita pelas redes sociais e site institucional, a Prefeitura de Guarapari publicou material para estimular a população a não discriminar as pessoas infectadas pelo novo Coronavírus (Covid-19), mesmo após a cura. O pedido é também para que não sejam propagados comentários negativos em relação ao doente.

No texto, o município lembra que é “neste momento que o paciente mais precisa de carinho e atenção”, lembrando que para isso não é preciso estar perto, ter contato. As demonstrações de acolhimento, afeto e empatia podem vir em uma ligação, uma mensagem ou através dos vários recursos tecnológicos, como a videochamada, por exemplo.

O município, através da Secretaria Municipal de Saúde – Semsa, ressaltou ainda que é fundamental que as pessoas infectadas sigam as recomendações da Organização Mundial de Saúde (OMS) e cumpram o prazo determinado de isolamento.

É proibida a reprodução total ou parcial de textos, fotos e ilustrações, por qualquer meio, sem prévia autorização do FolhaOnline.es.

Tags:

Anúncio

Anúncio

Veja também

vacina_covid_guarapari_90

Guarapari: Idosos acima de 90 anos recebem segunda dose da vacina contra Covid-19 amanhã (8)

menino-estudando-550x301-1

Moradores de Anchieta também podem contribuir com fundo da infância no Imposto de Renda

Anúncio

Anúncio

recanto-1

Câmara de Guarapari aprova auxílios financeiros para Apae e Recanto dos Idosos

Aprovação dos projetos de lei de autoria do Poder Executivo aconteceu na sessão dessa quinta-feira (5)

dar_1

Dia da Mulher Empreendedora

Anúncio

camara_ouvidoria_da_mulher

Coordenadora e vereadoras realizam “pit-stop” sobre Ouvidoria da Mulher da Câmara de Guarapari

Ato acontecerá na segunda-feira (8), de 13h às 15h, na rotatória do ExtraCenter, em Muquiçaba

project_20210302_2247336-01

Artigo: Cancelei meu evento particular devido à Covid-19. E agora?

Anúncio