Anúncio

Homologado Termo de Compromisso entre Samarco, Estados e União

Por Gabriely Santana

Publicado em 6 de maio de 2016 às 13:31
Atualizado em 6 de maio de 2016 às 13:31
Anúncio

Foi homologado, nesta quinta-feira (05), pelo Núcleo de Conciliação do Tribunal Federal da 1ª Região, em Brasília, o Termo de Transação e Ajuste de Compromisso firmado entre as empresas Samarco, Vale e BHP Billiton e os estados de Minas Gerais, Espírito Santo e a União. O documento prevê medidas para reparação aos danos socioeconômicos e socioambientais causados pelo rompimento da barragem de rejeitos de minério da Samarco, em Mariana (MG), ocorrido em 5 de novembro do ano passado.

Após a assinatura do Termo de Compromisso, no início de março, era aguardada a homologação do documento na Justiça Federal de Belo Horizonte, onde fora protocolado. Passado esse tempo, a Justiça Federal de Brasília solicitou o processo e, após reunião com as partes, efetuou a homologação. “Com a homologação, certamente a implementação das medidas necessárias para a recuperação socioeconômica e socioambiental serão dinamizadas, beneficiando, em um prazo mais curto, a população atingida”, explicou o procurador-geral do Espírito Santo, Rodrigo Rabello Vieira, que esteve em Brasília durante a homologação com todos os demais representantes das partes envolvidas, além do Ministério Público Federal (MPF) e Ministério Público do Estado do Espírito Santo (MPES).

O fato foi destacado pelo governador Paulo Hartung durante solenidade ocorrida na manhã desta quinta-feira (05), quando deu posse ao novo secretário de Estado do Meio Ambiente e Recursos Hídricos, Aladim Fernando Cerqueira.  “Esse Termo de Compromisso foi construído com a atuação de técnicos em uma ação conjunta de nosso Governo em parceria com Minas Gerais e a União. Estudamos o que já ocorreu de desastres no mundo para construímos um acordo moderno, justo e que possibilite adiantar as intervenções para recuperação da Bacia do Rio Doce e o atendimento à população ribeirinha. Com a homologação deste Termo, felizmente, temos um roteiro de medidas socioeconômicas e socioambientais para serem realizadas na recuperação deste que é o maior desastre ambiental do país. Pela primeira vez estamos falando em recursos na casa dos bilhões para recuperar uma Bacia Hidrográfica no Brasil. É uma oportunidade para realizamos um trabalho que sirva de exemplo ao país”, analisa Hartung.

O Termo de Compromisso determina a realização de 38 planos de ação para a recuperação dos danos causados pelo desastre de Mariana. O gerenciamento dos projetos e recursos será feito por uma fundação privada que, por sua vez, terá um conselho consultivo com participação da sociedade civil organizada e da população atingida. A fiscalização da fundação ficará a cargo de um comitê interfederativo, composto por representantes do poder público, e pelo Ministério Público – que é o órgão curador de todas as fundações.

Os primeiros aportes de recursos já estão definidos. Nos três primeiros anos serão destinados aos projetos o montante de R$ 4,4 bilhões, sendo R$ 2 bilhões em 2016, R$ 1,2 bilhão em 2017 e R$ 1,2 bilhão em 2018. A partir de 2019, os recursos serão definidos de acordo com os projetos que forem aprovados. Os programas serão desenvolvidos pela fundação durante um período de 15 anos.

Anúncio
Anúncio

Veja também

PTBarbara

Eleições 2020: PT define pré-candidata à prefeitura de Guarapari

A chapa majoritária virá com Bárbara Hora para prefeita e Dr Loren José como vice-prefeito

biometria

TSE decide retirar biometria das eleições 2020 por causa da pandemia

Decisão foi tomada com base em recomendação de infectologistas, já que o leitor de digital não pode ser higienizado frequentemente

Anúncio
Anúncio
pmdrogas1

PM apreende grande quantidade de drogas e armas de fogo em Guarapari

tartaruga2

Tartaruga de aproximadamente 100kg é encontra morta na Praia de Guaibura em Guarapari

Uma moradora da região encontrou o animal nesta manhã (15) na areia da praia

Anúncio
108319221_agencia-brasil_carteiradetrabalho

Sine Anchieta divulga mais de 40 vagas; 32 com atuação na área da Samarco

Dentre as vagas de emprego anunciadas, há oportunidades para moradores de Anchieta, Guarapari, Piúma, Iconha e Alfredo Chaves

Imagem Ilustrativa | Foto: Reprodução

Casas espíritas do ES oferecem amparo emocional durante pandemia

O atendimento fraterno é disponibilizado todos os dias da semana, das 08h às 22h, através do telefone (27) 3300-5000

Anúncio