Anúncio

Iniciativa dá visibilidade para músicos de Guarapari

Por Sara de Oliveira

Publicado em 14 de dezembro de 2019 às 09:00
Atualizado em 11 de dezembro de 2019 às 16:08
Anúncio

Mensalmente, o evento “No Jardim” promove eventos com apresentações musicais, dando visibilidade para artistas locais.

Eventos anteriores. Fotos: Divulgação.

Com o objetivo de movimentar a cena cultural de Guarapari, uma iniciativa promove noites de música gratuita no município. O evento “No Jardim” realiza mensalmente momentos de apresentações musicais no hostel Villa Virtudes, localizado no centro da cidade. Em um ambiente aconchegante, o projeto também é um espaço de visibilidade para artistas locais, que podem expor o próprio trabalho.

Ton Herrero, idealizador da iniciativa, explica que a ideia surgiu após perceber a necessidade de eventos que priorizassem a música capixaba em Guarapari. O objetivo é oferecer um espaço que proporcione uma diversidade de estilos musicais, para além do sertanejo, que tem crescido recentemente.

Ton Herrero (centro) é o idealizador do projeto.

A partir de uma colaboração com os proprietários do hostel Villa Virtudes, o projeto “No Jardim” ganhou forma e teve a sua primeira edição realizada em outubro. Além da oportunidade de ganhar visibilidade, os músicos que participam do projeto, ganham um portfólio de vídeo com imagens da apresentação. “Nós filmamos todo o evento e depois disponibilizamos o material para que o artista possa usar como divulgação”, explica.

Até então, duas edições foram realizadas, recebendo, ao todo, seis músicos. O evento realizado em novembro, contou com a participação do cantor André Prando, de Vitória, que tem se destacado no cenário capixaba e, recentemente, se apresentou no festival Rock in Rio. “A nossa ideia é trazer sempre um artista de destaque para chamar o público, mas principalmente dar espaço para artistas que estão começando”, enfatiza Ton.

Com uma ideia intimista, o “No Jardim” também tem se tornado um espaço de expressão cultural, onde o público pode ter contato com diversos estilos musicais. “É um local onde a pessoa pode ir só pra ouvir música. Ninguém é obrigado a consumir nada”.

Futuramente, o projeto também promoverá oficinas de arte, cultura e música no município. Ton, que frequentava Guarapari desde a adolescência, sente falta de espaços como esse na cidade. “É preciso promover e explorar esse lado cultural, de forma que beneficie artistas locais, porque isso envolve a sociedade”, argumenta.

A ideia é que o “No Jardim” aconteça durante seis meses no hostel Villa Virtudes e, em seguida, se torne um projeto itinerante, passando por mais estabelecimentos de Guarapari. A previsão é que o próximo evento seja realizado em janeiro de 2020. A data ainda será divulgada.

Confira como foi o último evento:

É proibida a reprodução total ou parcial de textos, fotos e ilustrações, por qualquer meio, sem prévia autorização do FolhaOnline.es.

Tags:

Anúncio
Anúncio

Veja também

imagem para o artigo

Artigo: É possível realizar divórcio online?

upaa-550x413

Cidade Saúde completa 129 anos e profissionais da UPA Guarapari falam sobre enfrentamento à pandemia

Os profissionais da saúde acreditam que esse é um momento passageiro e, em breve, datas como essa poderão voltar a ser comemoradas coletivamente

Anúncio
Anúncio
verão-550x367

Covid-19: Guarapari é classificada como “Risco Baixo”; o município tem 3.198 casos confirmados

O ES tem três municípios em risco moderado e 75 em risco baixo. Não há mais municípios em risco alto

jb

JB completa 30 anos como parceiro para toda obra dos moradores de Guarapari

A loja de material de construção está realizando a campanha “Aniversário do Bem”, que premiará um cliente e uma instituição social do município

Anúncio
juliate

Cantora de Guarapari é alvo de ataques racistas na internet e família cobra justiça

Familiares formalizaram a denúncia e esperam que o autor do crime seja responsabilizado

Foto: Reprodução

Sesi e Senai ES estão com inscrições abertas para cursos online gratuitos

Os cursos do Senai possuem carga horária de 14h e abrangem as áreas de Automotiva, Construção Civil, Energia, Gestão, Informática, Logística, Meio Ambiente, Metalmecânica, Segurança do Trabalho, entre outras

Anúncio