Anúncio

Informe Publicitário

Litoral Sul capixaba é destaque na prestação de serviços industriais

Por Carolina Brasil

Publicado em 26 de outubro de 2020 às 08:30
Atualizado em 26 de outubro de 2020 às 17:03
Anúncio
A região reúne diversas empresas com expertise para atender as demandas industriais. Fotos: HM Propaganda

O potencial turístico, feito de belas praias, áreas rurais e importância histórica; talvez seja a principal característica destacada quando se pensa no litoral sul do Espírito Santo – a partir de Guarapari, incluindo Anchieta e as demais cidades da região e do entorno. Contudo, a economia local também tem pilar na prestação de serviços, em especial aqueles voltados às empresas de médio e grande porte. 

Algumas empresas locais iniciaram as atividades com objetivo de atender demandas da construção civil e das obras públicas. Posteriormente, surgiram outros escopos de trabalho ligados à área industrial. Um dos impulsos da região, por exemplo, foi a instalação de uma unidade mineradora no município de Anchieta, no ano de 1970. 

A partir daí, a região sul litorânea caminhou para um patamar completo, com capacidade de ofertar serviços que vão desde a construção civil e metalmecânica, passando pela instalação e manutenção elétrica, de estruturas e componentes específicos, até o transporte, apenas para citar alguns exemplos. Para o diretor-presidente do Grupo ATA Construtoras, Antônio Carlos Caiado, as empresas evoluíram muito nesse período e o fundamental no processo é a valorização, não só da região, mas também do Estado. “Chegou o momento em que precisamos mostrar todas as potencialidades da Região Litorânea Sul, nossa prioridade é por fornecedores e mão de obra locais e, atrair investimentos para novas indústrias. Temos área e estrutura para isso. Estamos unidos e fortalecidos, prontos para atender todas as demandas sejam elas industriais, governamentais ou particulares”.

Antônio Carlos Caiado, Diretor-Presidente Grupo ATA Construtoras

“Estamos no município de Anchieta e há 16 anos desenvolvemos atividades no ramo da Construção Civil e Metalmecânica. Além dos anos de experiência, nos orgulhamos da qualidade dos serviços prestados, que refletem na satisfação dos clientes e dos funcionários. Nosso sucesso é o resultado da nossa linha de trabalho: buscar sempre a excelência em tudo que fazemos! Vivemos um momento de crescimento, e isso tem feito com que muitos queiram compor nossa equipe de trabalho. Os profissionais têm a certeza que, ao conquistarem uma vaga, estarão ingressando em um Grupo forte que proporciona ao quadro de pessoal capacitação constante e um ambiente de trabalho agradável e harmonioso. O Grupo ATA é uma organização séria, sólida e respeitada no mercado. Prima pela segurança, saúde, ética e respeito aos funcionários, bem como à sociedade, aos fornecedores e aos clientes” – Antônio Carlos Caiado, Diretor-Presidente Grupo ATA Construtoras 

De acordo com o secretário de Estado de Desenvolvimento, Marcos Kneip Navarro, a região é muito atrativa, uma vez que as empresas instaladas, em fase de construção ou que, no futuro, chegarem, têm prestadores de serviços com know-how e mão de obra altamente capacitadas. “Nesse sentido, vemos a cadeia produtiva e as demandas industriais movimentando a economia da região, gerando mais empregos e renda. As ações da Secretaria de Desenvolvimento, por exemplo, estão ancoradas em identificar quais as demandas dos processos produtivos para promover o adensamento da cadeia produtiva”.

Marcos Kneip Navarro, secretário de Estado de Desenvolvimento. Foto: Divulgação

Perspectiva X Capacidade 

Ainda segundo Marcos Kneip, as perspectivas para os municípios sul litorâneos são boas. “O projeto para as obras do primeiro trecho da EF 118, entre Cariacica e Anchieta, está bem encaminhado, dependendo apenas de etapas burocráticas; o retorno da Samarco em dezembro; empresas e plantas industriais estão se instalando na região como o Polo Serviços de Anchieta (PSA), a Laticínios Porto Alegre e a Suzano. Além disso, podemos citar o Porto Central em Presidente Kennedy, que também será um grande atrativo”, completou. 

Contudo, tão importante quanto as possibilidades de crescimento, é a real capacidade de acompanhar e suprir as necessidades do mercado. “Toda demanda que aqui chegar nós temos capacidade e, ainda, se o mercado reagir como esperamos, estaremos prontos para ir junto, modernizando máquinas, aumentando o efetivo. As empresas prestadoras instaladas no litoral sul capixaba possuem estrutura para isso. Hoje, posso quadruplicar minha capacidade, por exemplo”, defendeu Vinícius Del Pupo, sócio-proprietário da Del Pupo Metalmecânica.

Vinícius Del Pupo, Sócio-Proprietário Del Pupo Metalmecânica 

“A Del Pupo Metalmecânica nasceu em 2017, mas, apesar de relativamente nova, tem a expertise herdada de empresas anteriores com mais de 40 anos no mercado metalmecânico. A estrutura é própria com área de 96 mil m², dispondo de equipamentos de ponta e mão de obra local. Atua na área de Fabricação de Estruturas Metálica, Caldeiraria em Geral, Usinagem, Serviços Industriais, Jateamento e Pintura. Conta com uma equipe de profissionais altamente qualificados, experientes e certificados, sempre prontos para oferecer produtos de alto padrão. Atendendo a grandes empresas dentro e fora do Espírito Santo, a Del Pupo Metalmecânica sempre prioriza a segurança dos colaboradores, prevenção ao meio ambiente, qualidade dos produtos com maior resistência e durabilidade, o que a tornou referência no mercado de fabricação industrial” – Vinícius Del Pupo, Sócio-Proprietário Del Pupo Metalmecânica 

Em uma situação de grandes demandas essas mesmas empresas podem lançar mão de se consorciar, superando, inclusive, as expectativas do cliente final, como lembrou um dos diretores da Imantec Instalações e Manutenções Elétricas, Ederson da Silva. “O mercado é muito competitivo e, assim como nós, diversas empresas estão na lista dos principais fornecedores. O contratante quer capacidade técnica e preço. Nesse cenário, por que não duas ou mais empresas se unirem para atender uma demanda maior?”

Ederson da Silva e Robinson Luir Silva, Diretores Imantec Instalações e Manutenções Elétricas 

“A Imantec Instalações e Manutenções Elétricas surgiu há mais de dez anos com o objetivo de oferecer ao cliente uma prestação de serviços com qualidade no segmento de ‘instalações e manutenções elétricas’, e circuito fechado de TV ‘videomonitoramento’. Para isso, capacitamos e treinamos a mão de obra local, elevamos o padrão do atendimento, buscamos certificações e o contínuo aperfeiçoamento na prestação de serviços elétricos industriais. Ao longo do tempo e da experiência no relacionamento com os mais diversos clientes, demonstramos ter capacidade tecnológica e expertise para assumir as tarefas estratégicas envolvidas com a gestão e a retenção dos conhecimentos de manutenção dos ativos das plantas de nossos clientes. Estamos localizados na região sul litorânea do Espírito Santo, o que nos permite realizar atendimentos para todo o Brasil com eficiência e qualidade” – Ederson da Silva e Robinson Luir Silva, Diretores Imantec Instalações e Manutenções Elétricas 

Mão de obra 

Partindo da premissa de valorização da região, quando o assunto é mão de obra, podemos afirmar que, no mínimo 95% dos efetivos das empresas consultadas são compostos de pessoas que residem no município da sede ou cidades vizinhas. Isso implica, muitas vezes, no investimento constante em capacitação e treinamento, como destaca Bruno Lopes, diretor administrativo da LMI Manutenção Industrial e Serviços. “A formação interna reflete na qualidade dos serviços prestados. Além disso, a preocupação com qualidade técnica é também a oportunidade de crescimento que esse profissional tem dentro das empresas”.

Bruno Lopes, Diretor Administrativo, e Celso Lopes, Diretor Técnico LMI Manutenção Industrial e Serviços 

“Fundamos a LMI – Manutenção Industrial e Serviços – em 2010. Atualmente, prestamos serviços de manutenção mecânica industrial, serviços em tubulação de PEAD, serviços de montagem mecânica e fornecimento de peças, instalação de máquinas e equipamentos para indústria, fabricação de estruturas metálicas e caldeiraria. Nossa equipe é altamente qualificada e experiente, capaz de atender às exigências do atual mercado interno e externo. Somos certificados pelo Prodfor e, hoje, contamos com cerca de 230 colaboradores. Nos comprometemos em entregar serviços eficientes, de qualidade e satisfatórios para clientes e demais interessados. Ao longo desses anos, seguimos mostrando quem realmente somos, por meio dos princípios da ética, da segurança do trabalho, da preservação do meio ambiente e da responsabilidade social plena; base para a nossa missão e que está acima de qualquer resultado” – Bruno Lopes, Diretor Administrativo, e Celso Lopes, Diretor Técnico LMI Manutenção Industrial e Serviços 

“Em geral, e principalmente nas situações de atividades muito específicas, essa é uma mão de obra que precisa ser preparada e valorizada. Um investimento que demanda tempo e recursos, e está ligado diretamente a entrega feita em alto nível”, acrescentou Fidel Prando, diretor da Conami Manutenção Industrial.

Fidel e Antônio Prando, Diretores Conami Manutenção Industrial 

“Fundada em 2009, a Conami Manutenção Industrial atua em segmentos bem específicos, com foco no Jateamento Abrasivo e Pintura Industrial, Revestimento UHMW, e Montagem e Manutenção de Tubulação PEAD, trabalha ainda nas áreas de manutenção mecânica, montagem e recuperação estrutural, Paradas Programadas de Manutenção e dispõe de cadastro reserva de pessoal para contratação imediata. Por essas especificidades, conseguimos atender localmente e em outros estados brasileiros. Nossa sede está localizada em Guarapari/ES. Atualmente com cerca de 170 funcionários, temos orgulho de sermos certificados pela Fundação Vanzolini, na NBR ISO 9001:2015, no SGQ e PRODFOR/IEL-ES. Além de prestar serviços de qualidade, primamos por uma gestão responsável de saúde e segurança” – Fidel e Antônio Prando, Diretores Conami Manutenção Industrial  

E quando se fala em pessoas, é importante destacar a preocupação com a segurança e o bem-estar do colaborador, que começa antes mesmo da chegada dele à empresa. Entre as exigências das grandes indústrias está o fretamento. A Kadosh Transportes é exemplo de como as prestadoras de serviço da região primam pelas vidas. “Esse cuidado começa com equipamentos de ponta, manutenção de qualidade e operadores bem treinados. No caso específico do fretamento, estamos falando de carros com rastreador, limite de velocidade, telemetria, peças de primeira linha, revisões na concessionária e o motorista capacitado que ainda passa por reciclagem periódica”, pontuou o CEO da empresa, Douglas Soares.

Douglas Soares, CEO Kadosh Transportes 

“Começamos nossas atividades em 2003 e, rapidamente, o fretamento, com o transporte dos colaboradores das empresas ligadas à indústria, se tornou o carro-chefe. Paralelo a esse serviço, a Kadosh Transportes também oferta o transporte escolar, universitário e turístico. Sabemos que nada paga pela vida e que estamos transportando o bem mais precioso de toda empresa, por isso, com uma frota moderna composta de 16 veículos, entre ônibus, micro-ônibus, vans e utilitários, todos com motorista próprio, também possuem medidas de segurança em alto nível de exigência. Independentemente do número de pessoas a serem transportadas e das demandas que surgirem, estamos prontos para atender. Para isso, investimos gradativamente. Recentemente, fizemos um aporte de dois ônibus, sendo que já havíamos adquirido um veículo no valor de R$ 850 mil no início do ano” – Douglas Soares, CEO Kadosh Transportes 

Equipamentos de ponta  

Além da mão de obra técnica e bem preparada, a prestação de serviços demanda equipamentos modernos e muitas vezes com alto custo, dada a finalidade. “Isso é um fato, são máquinas e equipamentos que, sem eles, não conseguiríamos prestar serviços para grandes indústrias. Investimos pesado nisso. E na área de vulcanização, além do equipamento, a execução é bem minuciosa, quase artesanal”, explicou José Maximiano de Morais, sócio-gerente da MM Serviços de Vulcanização.

Hilton Mendes Barbosa e José Maximiano de Morais, Sócios-Gerentes MM Serviços de Vulcanização

“Empreender era um sonho que se tornou realidade com a MM Serviços de Vulcanização, fundada em 2007. Com mais de 20 anos de experiência no segmento de correias transportadoras e transportador de correia, passamos a oferecer serviços especializados em emendas, reparos em correias têxteis e cabos de aço, vulcanizadas pelo processo a frio e a quente, trocas de correias e acessórios, alinhamentos e correções de problemas. Primamos pela qualidade da execução, garantindo uma entrega resolutiva ao cliente. Com equipamentos de ponta, equipe altamente treinada e qualificada, nos tornamos referência no mercado, prestando serviços em todo o país, além do sul capixaba, onde investimos e acreditamos no desenvolvimento econômico e social atrelado a essa cadeia produtiva” – Hilton Mendes Barbosa e José Maximiano de Morais, Sócios-Gerentes MM Serviços de Vulcanização 

Qualidade técnica, segurança e meio ambiente 

Premiações e certificados, como o Programa Integrado de Desenvolvimento e Qualificação de Fornecedores (Prodfor) e as padronizações da ISO, fazem parte da realidade dos prestadores, provando que o investimento em qualidade técnica, meio ambiente e segurança do trabalho são fundamentais para atingir o patamar de excelência que o mercado exige. “Na segurança desse trabalhador, por exemplo, as empresas caminham para atingir um nível que reflete no ambiente corporativo, no envolvimento e na dedicação do profissional junto à empresa. Antes, o cumprimento dos protocolos de segurança ficava em níveis de obrigação. Com o tempo, a mentalidade mudou para o cuidado próprio e evoluiu somada à preocupação também com o outro, elevando a curva de desenvolvimento da cultura de segurança. Hoje, além de assumir a responsabilidade pela segurança pessoal no ambiente organizacional, os colaboradores se preocupam com o grupo”, ressaltou José Costa de Lima, o Pixinguinha, sócio-proprietário da JC Lima.

José Costa de Lima, o Pixinguinha, sócio-proprietário JC Lima

“A JC Lima nasceu há 36 anos com principal atuação na prestação de serviços com equipamentos pesados e terraplanagem. Buscando sempre por inovação, foram feitos grandes investimentos em equipamentos de alta tecnologia e intensa capacitação de profissionais, visando obtenção de certificados internacionais (ISO 9001-Qualidade, ISO 14001- Meio Ambiente e OHSAS 18001-Segurança do Trabalho). Dentre as nossas diversas atividades, destacamos a prestação de serviços com Máquinas Pesadas, Obras de Engenharia Civil, Movimentação Portuária de Cargas, Transporte Rodoviário, Infraestrutura Industrial, Locação de Máquinas, Caminhões e Equipamentos, Terraplanagem, Drenagem e Pavimentação. Com sede própria e filial em Minas Gerais, contamos com uma estrutura ampla, completa e humanizada. O sucesso do nosso trabalho é resultado da sinergia de uma gestão ética, transparente, inovadora e focada. Isso envolve procedimentos e elevada carga em treinamentos aos nossos colaboradores, responsabilidade social e um modelo de gestão que considera clientes, fornecedores, colaboradores e comunidade” José Costa de Lima, o Pixinguinha, sócio-proprietário JC Lima.  

Para Yousseff Nasser, diretor da Pritec Engenharia e Serviços essa é uma política necessária e que parte da própria empresa e dos clientes. “As grandes empresas, especialmente as indústrias, exigem tanto dos colaboradores, quantos das terceirizadas. As normas regulamentadoras do Ministérios do Trabalho, inclusive, exigem números determinados de horas em cursos de qualificação, normas de segurança e reciclagens. Investimento forte em capacitação, segurança e meio ambiente”.

Yousseff Nasser, Diretor Pritec Elétrica Engenharia e Serviços 

“Nosso carro-chefe é a montagem, instalação e manutenção elétrica, eletromecânica, instrumentação, automação e toda área de tecnologia. Nesse escopo, envolvemos também o segmento predial. A Pritec Elétrica Engenharia e Serviços foi fundada em 2016, fruto da ousadia de dois engenheiros eletricistas que por muitos anos atuaram na área como colaboradores em uma grande empresa no sul do estado. Identificamos no mercado a oportunidade na prestação de serviços industriais diferenciada e com mão de obra especializada, bem treinada e atenta às exigências de segurança e qualidade. Certificados pela Associação Brasileira de Manutenção (Abraman) e com registro ativo nos órgãos competentes (CREA-ES, MTE, SENGE), somamos quase 25 anos de experiência em área industrial, o que assegura uma maior confiabilidade aos clientes. A Pritec, empresa jovem e dinâmica, está sempre aberta a inovações por entender que a união do novo ao experimentado proporciona a garantia de sucesso” – Yousseff Nasser, Diretor Pritec Elétrica Engenharia e Serviços 

Elves Silva Oliveira, diretor da Forte Prestação de Serviços, afirma: “Tudo isso faz parte de uma cultura, que nasce na empresa e se completa na hora de atender o cliente. Precisamos investir também em equipamentos de segurança, adotar procedimentos de organização e limpeza, além do descarte adequado dos resíduos. Todas as condutas devem estar padronizadas e, assim, prontos para quando novas e diferentes oportunidades chegarem”. 

Elves Silva Oliveira, Diretor Forte Prestação de Serviços

“Fundada em 27 de julho de 2007, a Forte Prestação de Serviços nasceu com a missão de não ser só ‘mais uma prestadora de serviço’ e sim ser referência de compromisso, qualidade, saúde e segurança no mercado da construção civil. Trilhamos um caminho, até hoje, com muito empenho e determinação. Mesmo enfrentando crises, viemos em uma crescente.  Com sede própria e atualmente expandindo, estamos nos profissionalizando cada vez mais para alcançarmos novos horizontes. Vale destacar que a Forte é feita de um grande histórico de trabalho, sendo reconhecida aos olhos dos nossos clientes pela nossa responsabilidade com o comprometimento dos prazos contratados e pelo cuidado com a qualidade dos nossos serviços” –  Elves Silva Oliveira, Diretor Forte Prestação de Serviços

“Ao longo dos anos as grandes empresas foram elevando o patamar de preocupação socioambiental e sabem o impacto positivo que as ações responsáveis podem causar diante de toda sociedade. Nesse contexto, as prestadoras de serviço podem e são grandes aliadas dos processos, oferecendo conhecimento e executando os padrões estabelecidos”, finalizou Alfredo Franco, sócio-proprietário da Práxis Ambiental.

“Com foco de atuação em sistemas de controle de poluição atmosférica para atender ao mercado industrial, a Práxis Ambiental foi fundada em 2017. Na bagagem, mais de 30 anos de experiência para ofertar as melhores práticas para construir, em conjunto com parceiros e clientes, caminhos para emissão zero, zero falhas de manutenção e zero de falhas operacionais. Sabemos o quanto nosso trabalho é importante e, por isso, transparência e idoneidade nas relações técnicas e comerciais são alguns dos nossos valores. Planejamento e engenharia, supervisão e inspeções, além de treinamentos fazem parte do nosso portfólio, atendendo clientes em todo Brasil e até fora dele. Queremos alcançar o reconhecimento nacional e internacional pela nossa forma de atuar e pela eficiência em alcançar o patamar “zero” como medida de sucesso” – Alfredo Franco, Sócio-Proprietário Práxis Ambiental

A região está preparada para crescer, afirma vice-presidente financeiro da Findes 

De acordo com Fernando Otávio Campos da Silva, que também preside Conselho Temático de Relações do Trabalho (Consurt) da federação, ainda é preciso fazer mais.

Fernando Otávio Campos da Silva, vice-presidente financeiro Findes. Foto: Divulgação

É fato que, durante anos, em razão das demandas existentes e das promessas de investimento na região litorânea sul, ocorreu um grande investimento na capacitação de empresas e trabalhadores. Agora, para o vice-presidente financeiro da Federação das Indústrias do Espírito Santo (Findes), Fernando Otávio Campos da Silva, com a EF 118 e o Porto Central, surgem novas perspectivas que devem ser aproveitadas também pelas particularidades da região. “São grandes oportunidades, mas o sul capixaba tem atraído diversos negócios devido a posição extremamente estratégica em termos de logística. Essa é a porção estadual mais próxima de São Paulo e Rio De Janeiro, e possui as melhores ligações com Minas Gerais. Também tem condições estratégicas de aproveitar incentivos como a possibilidade de investir ou utilizar saldo credor de ICMS para projetos de investimentos”. Entretanto, Fernando ressalta que é preciso fazer mais. “Os municípios precisam fazer o dever de casa. Existem poucos polos logísticos e/ou industriais implantados e operando. O IAN – Indicadores de Ambiente de Negócios para os 78 municípios do Espírito Santo, através da análise dos quatro eixos: infraestrutura, potencial de mercado, capital humano e gestão fiscal, aponta os potenciais de cada município e onde os mesmos devem investir. 

É proibida a reprodução total ou parcial de textos, fotos e ilustrações, por qualquer meio, sem prévia autorização do FolhaOnline.es.

Anúncio
Anúncio

Veja também

Upa Covid

Guarapari amplia espaço para pacientes com suspeitas de síndromes respiratórias na UPA

MarcosKneip_01

“Temos saldo de 9 mil empregos e zeramos as perdas no ES”, disse secretário Marcos Kneip

Guarapari está com um saldo positivo de 349, foram 777 admissões e 428 desligamentos

Anúncio
Anúncio
ambulante-550x366

Decreto estabelece medidas para comércio ambulante no verão de Anchieta

a-producao-anual-do-tuberculo-chega-a-50-mil-toneladas-145827-article

Parceria entre Governo do ES e Sebrae oferta palestra para produtores rurais

A palestra apresenta as redes sociais como alternativa de venda, para incentivar a presença digital de produtores rurais

Anúncio
rebocador

Encontrado corpo do tripulante do rebocador que afundou em Guarapari

O corpo de Eric Barcelos Rangel, de 57 anos, foi localizado no mar de Aracruz, na última segunda-feira

Fabio-Novaes-Sicoob

O que é e o que muda com Pix

Anúncio