Anúncio

Lojistas de Guarapari esperam aumento das vendas para o Dia das Crianças

Por Redação Folhaonline.es

Publicado em 9 de outubro de 2018 às 18:04
Atualizado em 10 de outubro de 2018 às 08:48
Anúncio

Os comerciantes já têm observado maior movimento nas lojas desde a última sexta-feira (05).

A expectativa é que as vendas aumentem de 10 a 15% em relação ao mesmo período do ano passado. Foto: Reprodução.

O Dia das Crianças não é esperado só pelos pequenos. Por ser considerada a quarta melhor data comemorativa para o comércio, os lojistas de Guarapari também aguardam com grande expectativa o feriado prolongado que começa na próxima sexta (12).

Segundo o superintendente da Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL) de Guarapari, Aguinaldo Ferreira Júnior, a movimentação está maior na cidade desde sexta (05). Por isso, as expectativas de lucro estão positivas. “Esperamos que as vendas aumentem de 10 a 15% em relação ao mesmo período do ano passado. Em 2017, quase todos os seguimentos de Guarapari conseguiram alcançar essa meta”, afirmou.

Aguinaldo ressaltou ainda que, apesar da crise econômica enfrentada em 2013 e 2014, as vendas têm progredido e a expectativa é que até o final deste ano eles já consigam recuperar o dano feito por esses anos.

Compra consciente

Apesar da empolgação das crianças, os pais precisam tomar alguns cuidados na hora das compras. Por isso, o Procon preparou algumas dicas para ajudar o consumidor:

  1. Comparar preços fazendo uma pesquisa é muito importante, pois a variação para um mesmo produto pode ser grande e a pesquisa pode render uma boa economia.
  2. Verifique se o brinquedo possui o selo do Inmetro, pois a certificação é obrigatória. Fique atento também às questões relacionadas à saúde e segurança.
  3. Certifique-se da indicação de faixa etária, pois os brinquedos devem ser apropriados à idade da criança.
  4. Antes da compra, verifique se o produto possui algum defeito aparente como amassados, manchas, ranhuras, entre outros, e sempre que possível, teste os produtos eletrônicos na loja.
  5. Verifique a política de troca da loja, pois nas lojas físicas, caso o produto não esteja com defeito, a troca não é obrigatória.
  6. Não se esqueça de exigir a Nota Fiscal do produto, pois em caso de reclamação ou troca, ela é essencial.

O Procon também alerta que o consumidor esteja atento ao orçamento para efetuar a compra de forma consciente.

De acordo com o órgão, a equipe de fiscalização estará em operação durante toda esta semana orientando os comerciantes de produtos infantis e assegurando o direito dos consumidores. Qualquer informação ou denúncia podem ser feitas na sede do Procon de Guarapari, situado a Rua Manoel Lino Bandeira, 523, Muquiçaba ou pelos telefones 3262 5149, 3261 5513 e 3261 7534.

Texto: Sara de Oliveira

  • Com informações Procon de Guarapari

É proibida a reprodução total ou parcial de textos, fotos e ilustrações, por qualquer meio, sem prévia autorização do FolhaOnline.es.

Tags:

Anúncio
Anúncio

Veja também

Imagem artigo

Artigo: O uso indevido da Lei Maria da Penha

E o reflexo prejudicial às mulheres que de fato precisam da proteção legal

Foto: Reprodução

Grupo de doadores de sangue de Guarapari convoca voluntários para ação

O Projeto Esther-Doe Sangue Salve Vidas realiza doação pelo menos duas vezes por mês com transporte gratuito para os voluntários

Anúncio
Anúncio
AfroChaves

Alfredo Chaves: associação recolhe óleo usado para fabricar sabão e doar

classroom-2093743_1280

Governo do ES autoriza aulas presenciais a partir de 05 de outubro

A suspensão das aulas foi uma das primeiras medidas de enfrentamento à pandemia tomadas em março.

Anúncio
Parque de Itaúnas - Paulo Sena - Seama

Parques estaduais abrirão neste final de semana

EscolaAlfredo

Em meio a aulas online, escola de Alfredo Chaves inova e cria atividades práticas a distância

Anúncio