Anúncio

Antônio Ribeiro escreve para o folhaonline.es aos domingos e, a cada semana, o colunista relaciona Guarapari ao tema do momento. Antônio é administrador de empresas, viveu em Porto Alegre, São Paulo e Curitiba, esteve em todos os estados brasileiros, a exceção de Acre, Roraima e Amapá, ministrou cursos em todos os países da América Latina, menos nas três Guianas, e escreveu o Guia de Férias e Feriadões.

Melhorias e regulamentação ao estacionamento de motos a 45º

Por Antônio Ribeiro

Publicado em 2 de fevereiro de 2020 às 15:00
Atualizado em 12 de maio de 2020 às 18:05
Anúncio

Coluna Antônio Ribeiro (*)

Publiquei nos 21 grupos Guaramigos uma série de fotos da situação do estacionamento irregular de motos na cidade, no objetivo de chamar a atenção para o problema pela superpopulação destes veículos de duas rodas.

Não adianta reclamar ou criticar sem apresentar algumas tentativas de solução ou monitoramento do problema, que é o pretendido com este artigo que abordará o tema, sem que o autor seja motociclista ou motoqueiro.

Começo com a ideia maior da tentativa de solução: estacionamento exclusivo de motos a 45º nas esquinas e entradas de garagens. Esta ideia simples tem algumas vantagens que podem ser consideradas na avaliação.

Aproveita um espaço que os condomínios e lojas tentam ganhar, aumentando a largura da entrada ou pintando de amarelo, uma área maior para garantir a fácil saída dos veículos. Com motos a 45º não precisaria.

Outra vantagem é facilitar a visualização num tempo de muitos carros com vidro fume, estão impedindo que se veja bem se é possível entrar na via. Com motos isto não acontece e a posição favorece a entrada e saída.

Como todas as casas, edifícios e muitas lojas têm estas entradas, a quantidade de lugares que ficariam regulamentadas e disponíveis seria enorme, sem prejudicar e com grandes benefícios para o trânsito de Guarapari.

Complemento seria a sugestão da criação de estacionamentos exclusivo para motos, que poderiam ter preço convidativo de 1 real a hora, em terrenos ou lojas vazias, com mais segurança, já que temos muitos roubos de motos.

Empresas e lojas maiores poderiam ser estimuladas a terem área específica para estacionamento exclusivo de motos, que com o tempo podem ser obrigatórios, já que muito hoje é entregue por delivery.

Para melhorar a educação para o trânsito, por parte dos moto boys, fazer com que a exemplo dos motoristas profissionais de caminhão, estes tenham que possuir carteira profissional de habilitação a motos, após curso.

Placas com um proibido motos nos meio de quadras resolveriam o problema de moto que sozinha ocupa a vaga que seria de um carro.

Outra iniciativa é fotografar motos estacionadas de forma irregular, pode ser sem placa e postar nos grupos zap para ir educando a todos.

(*) Especialista em Marketing pela PUC, Master Business Administration pela FGV e Administrador pela Universidade Mackenzie.

 

Anúncio
Anúncio

Veja também

teste-rapido-coronavirus-covid19-1

Mais uma morte por Covid-19 em Guarapari; Município ultrapassa os 3.400 casos

A vítima fatal residia no bairro Muquiçaba que, sozinho, registra 244 casos e 7 óbitos

Imagem Ilustrativa | Foto: Reprodução

Liberada realização de eventos com até 100 pessoas em Guarapari

Permanece proibido o funcionamento de cinemas, boates, casas de show e afins

Anúncio
Anúncio
Foto: Hamilton Garcia

Estabelecimentos voltam a funcionar sem restrição de horário, em Guarapari

Além do comércio, o novo decreto flexibiliza o acesso às praias e a entrada de turistas na cidade

palacio-anchieta

Governo do Estado prevê orçamento de R$ 18,9 bilhões para 2021

Anúncio
Foto: Reprodução

Apae Guarapari arrecada alimentos para almoço solidário

O dinheiro da venda das refeições será destinado à manutenção da estrutura da instituição, que sofreu alguns devido às últimas chuvas

educacao-infantil

Divulgado protocolo para retorno das aulas presenciais na Educação Infantil no ES. Veja as regras!

Dentre as recomendações das secretarias de Educação e de Saúde, estão os cuidados básicos, como higienização correta dos espaços e o uso de máscaras

Anúncio