Anúncio

Mercado de imóveis de Guarapari sofrerá ao longo de 2016

Por Redacão Folha Vitória

Publicado em 26 de fevereiro de 2016 às 19:04
Atualizado em 26 de fevereiro de 2016 às 20:00

Anúncio

Com as recentes incertezas político/econômicas que o Brasil enfrenta, é bem comum e frequente notícias nada animadoras que a todo tempo são publicadas sobre o mercado imobiliário de modo geral. Mas qual será a situação dos imóveis em mercados específicos, caso das cidades litorâneas, onde boa parte das negociações é realizada por quem pretende utilizar o imóvel como segunda residência?

Numa análise mais detalhada dos imóveis no litoral Sul do Espírito Santo, que são balneários visitados principalmente por turistas do Sudeste de Minas, Norte do Rio e Grande Vitória, observamos nos últimos meses uma retração da demanda. A quantidade de telefonemas e outros tipos de contatos recebidos por corretores de imóveis e imobiliárias caiu significativamente e, com esse movimento de baixa procura, maiores descontos são oferecidos para concluir uma negociação. O resultado disso acaba sendo a estagnação de preços.

Tanto o mercado de imóveis usados como o de lançamentos estão em dificuldades. Mais do que nunca, não se pode errar na fórmula dos Quatro P’s (4P’s): PRODUTO, PREÇO, PRAÇA e PROMOÇÃO.

Ao longo de 2016, será necessária uma reflexão maior para lançar produtos com o preço certo em determinada praça e, é claro, contar com uma excelente consultoria de marketing/promoção.

Imobiliárias e construtoras temem que alguns lançamentos não sejam bem coerentes com essa fórmula. Porém, lançar errado nesse mercado não será prejudicial apenas para a empresa responsável: trará consequências negativas para o mercado como um todo.

Se isso acontecer: a abertura de vendas de um produto errado, numa praça equivocada e sem um planejamento de marketing/promoção bem estruturado, qual será a única ferramenta de ajuste para conseguir liquidar as unidades? O preço, é claro! Com o ajuste do preço para baixo, por uma falha de planejamento, as outras construtoras, que lançaram certo e tiveram um bom planejamento, terão que amargar um tempo maior para vender o seu estoque ou lançamento, devido a um produto aparentemente concorrente oferecer um preço ou condição de pagamento melhor.

A empresa que tiver uma boa estrutura financeira sofrerá, mas terá uma boa possibilidade de sair ilesa dessa fase, ao contrário das que dependem de vendas para conclusão da obra, ou que trabalham alavancadas, com carteira de recebíveis de uma obra para quitar a outra. Essas sim, poderão passar por momentos indelicados com seus clientes e até mesmo entrar em falência.

Então, se você está pensando em investir em uma unidade em Guarapari, seja ele na planta ou já lançada, não deixe de procurar uma imobiliária de confiança. Você encontrará consultores capacitados que podem lhe prestar informações imparciais, com base na experiência de quem vive o mercado e lhe oferecer a melhor condição.

Victor Vieira
27 99828-6624
www.victor.imb.br

É proibida a reprodução total ou parcial de textos, fotos e ilustrações, por qualquer meio, sem prévia autorização do FolhaOnline.es.

Tags:

Anúncio

Anúncio

Veja também

Praça Virtudes4

“É um faz e refaz, desperdício de dinheiro público”, diz moradora de Guarapari sobre a Praça das Virtudes

operações PM

PM detém suspeito que fugiu de acidente de trânsito em Guarapari

Anúncio

Anúncio

familia-acolhedora

Guarapari realiza formação para quem deseja participar do Programa Família Acolhedora

montagem terreno Ipiranga2

Guarapari: dona de imóvel no Ipiranga reclama da falta de ordenamento público no bairro

De acordo com o relato, no local há um terreno abandonado acumulando lixo, um ônibus estacionado na rua com uma família morando e calçada sendo usada como varal de roupa

Anúncio

frio-inverno

Inverno começa com alerta de queda de até 5°C nas temperaturas em Guarapari

O alerta emitido pelo Inmet aponta frio intenso em 35 cidades do Estado

vacina_covid_19

Pessoas acima de 40 anos já podem agendar a imunização contra Covid-19 em Guarapari

A vacinação acontecerá na quarta (23), no Complexo Esportivo, em Muquiçaba.

Anúncio