Anúncio

Moradores de Guarapari acordam cedo para vacinação contra o Sarampo neste sábado (17)

Por Sara de Oliveira

Publicado em 17 de agosto de 2019 às 13:43
Atualizado em 17 de agosto de 2019 às 13:43

Anúncio

A aplicação da vacina está acontecendo em pontos localizados em Meaípe, Kubitschek, Bela Vista, Santa Mônica e Muquiçaba, que funcionarão até as 16h.

Ponto de vacinação do Extra Center, em Muquiçaba.

Hoje (17) é dia de vacinação contra o Sarampo em Guarapari. Os moradores acordaram cedo para se prevenir contra a doença infecciosa que tem sido registrada em várias cidades do Brasil. No município, os pontos de vacinação estão localizados em Meaípe, Kubitschek, Bela Vista, Santa Mônica e Muquiçaba e funcionarão até as 16h. Para a imunização, é preciso levar o cartão de vacina e o CPF ou o cartão do Sus.

Na manhã deste sábado (17), o movimento estava grande no ponto de vacinação do Extra Center, em Muquiçaba. De acordo com Kátia Regina santos, coordenadora do Programa de Imunização de Guarapari, a grande procura pela vacina também está se repetindo em mais bairros do município. Ela explicou que a campanha de prevenção foi pensada mediante aos casos da doença registrados pelo país. “Devido ao surto de sarampo no Rio de Janeiro, São Paulo, Bahia, entre outros, a gente resolveu fazer essa ação de imunização para poder atualizar o cartão vacinal das pessoas”, declarou.

Na manhã deste sábado (17), a procura pela vacina estava grande no Extra Center, em Muquiçaba.

Juliana Coelho, moradora de Guarapari há sete meses, aproveitou a manhã para se imunizar junto com o filho. A mãe, que foi informada da campanha em uma unidade de saúde de Guarapari, disse que preferiu se adiantar e não correr risco com a doença. “É melhor ficar imune logo né? É muito importante se prevenir”, respondeu.

A coordenadora Kátia fez um alerta para os moradores de Guarapari sobre a imunização. “A gente pede que as pessoas de 1 a 49 anos compareçam aos pontos de vacinação, para que a gente possa avaliar o cartão de vacina e ver se há a necessidade de tomar a segunda dose”, ressaltou.

Juliana Coelho aproveitou para se vacinar junto com o filho neste sábado (17).

Kátia destacou a importância da prevenção, diante dos casos registrados recentemente pelo Brasil, sendo um deles no Espírito Santo, em que uma jovem foi diagnosticada com a doença após voltar de São Paulo. “Infelizmente o sarampo, que tinha sido erradicado, está aí novamente. Se toda a população estivesse vacinada a gente não estaria com esse surto que estamos agora”, declarou.

A aplicação da vacina está acontecendo na Unidade Básica de Saúde Tereza Loyola de Jesus, em Meaípe; Unidade de Saúde da Família (USF) Mário Sérgio, em Kubitschek; USF Pedro Machado, em Bela Vista; Escola Marinalva Aragão Amorim, em Santa Mônica e no ExtraCenter, em Muquiçaba.

Andreia Soraia dos Santos levou ficou sabendo da campanha de vacinação pelas redes sociais e levou o neto para se prevenir.

É proibida a reprodução total ou parcial de textos, fotos e ilustrações, por qualquer meio, sem prévia autorização do FolhaOnline.es.

Tags:

Anúncio

Anúncio

Veja também

74-mapa-de-risco-covid-19-1

Governo do Espírito Santo divulga 74º Mapa de Risco Covid-19

amarelo-setembro-2021-09-24

Ação em Guarapari busca conscientizar sobre importância da saúde mental

Ação acontece neste sábado (25), no Centro da cidade

Anúncio

Anúncio

Foto: Reprodução/Pixabay

Câmara derruba veto e promulga lei contra nomeação de condenados por violência contra a mulher em Guarapari

Pfizer-COVID-19-Vacine

Ação de vacinação gera dúvidas; prefeitura de Guarapari esclarece

Anúncio

filhos procuram pai21

Sem encontrar o pai há mais de 30 anos, filha busca notícias em Guarapari

A família morava no município até a separação do casal; a mãe foi com os filhos para o Rio de Janeiro

pfizer

Pfizer: Guarapari faz ação com 12 mil doses para imunizar diversos grupos contra Covid-19

Imunização acontece amanhã (25) em Unidades de Saúde do município

Anúncio