Anúncio

“Não passe pelo pedágio, passe pelo desvio”

Por Glenda Machado

Publicado em 1 de fevereiro de 2016 às 19:42
Atualizado em 1 de fevereiro de 2016 às 19:47
Anúncio
pedágio 1

MOVIMENTO visa a redução da tarifa e isenção para os moradores do entorno.

“Não passe pelo pedágio, passe pelo desvio”. Essa é a campanha dos moradores do entorno do pedágio na Rodovia do Sol. O objetivo é protestar contra o aumento de 18,05% na tarifa que passou de R$ 7,20 para R$ 8,50. A nova tabela já está valendo a partir de hoje. Para quem trabalha de segunda a sábado na capital, por exemplo, tem que desembolsar agora R$ 416. Mas se quiser aderir o movimento que visa reduzir o valor e conceder passe livre para os moradores do entorno, pode optar pelo desvio.

São 7,5 km de percurso a mais. Quem segue na direção Guarapari-Vitória, pega o contorno do pedágio e entra na primeira rua à direita sentido bairro Ilha do Sol. O trajeto vai sair na estrada do Thermas – logo após a praça da cobrança. Se comparar o gasto da gasolina do desvio com o custo do pedágio, a economia seria de R$ 317,20. Levando em consideração o preço médio do combustível na cidade a R$ 3,80 – um gasto total no mês de R$ 98,80. Quanto ao tempo, um motorista em velocidade permitida em estrada de chão leva em média cerca de 15 minutos.

Mapa

ENTRADA no contorno do pedágio com saída na estrada do Thermas.

“O grande problema é que a estrada está cheia de buracos, por isso pedimos ajuda aos empresários de financiar uma patrola para melhorar a situação do desvio. Se a maioria dos veículos deixar de pagar o pedágio para passar pelo desvio, o faturamento da Rodosol vai cair e terá que diminuir o valor da tarifa. Falaram que para dar passe livre aos moradores do entorno, teria que reajustar a tabela. Agora aumentaram o preço e nós continuamos sem os nossos direitos”, afirma a presidente da Associação Amigos da Praia do Sol, Neia Lima.

De acordo com ela, a prefeitura também poderia se sensibilizar e asfaltar o trecho situado no bairro Ilha do Sol. “O bairro é antigo e está abandonado. São mais de 600 moradores sem escola, sem posto de saúde, sem ponto de ônibus. Eles têm que andar 4 km a pé para pegar o ônibus na Rodovia. Se asfaltasse esse início, seriam apenas 3 km de estrada de terra no desvio. Seria bom para os moradores da região e para todo o povo de Guarapari. Todo mundo teria uma opção de entrar e sair da cidade sem ter que pagar”.

 

CONFIRA A NOVO TABELA QUE ESTÁ VALENDO A PARTIR DE HOJE: 

Tipo de Veículo Terceira Ponte (2013) Terceira Ponte (2016)  Rodovia do Sol (2013)  Rodovia do Sol (2016) 
 Automóvel, caminhonete e furgão 0,80 0,95 7,20 8,50
 Caminhão leve, ônibus, caminhão-trator 1,60 1,90 14,40 17,00
 Automóvel com semi-reboque e caminhonete com semi-reboque 1,20 1,40 10,80 12,75
 Caminhão, caminhão-trator com semi-reboque, caminhão-trator e ônibus 2,40 2,85 21,60 25,50
Automóvel com reboque e caminhonete com reboque 1,601,90 14,40 17,00
 Caminhão com reboque e caminhão-trator com semi-reboque (4 eixos) 3,20 3,80 28,80 34,00
 Caminhão com reboque e caminhão-trator com semi-reboque (5 eixos) 4,00 4,75 36,00 45,50
Caminhão com reboque e caminhão-trator com semi-reboque (6 eixos) 4,80 5,70 43,20 51,00
  Motocicleta e motoneta 0,40 0,45 3,60 4,25

Anúncio
Anúncio

Veja também

Foto: Divulgação

Trecho da BR 262 no ES será totalmente interditado a partir desta segunda-feira

Segundo DNIT, usuários da via poderão realizar o desvio no município de Alfredo Chaves, desde que em veículos leves

elias gobbi

Aos 87 anos, morador de Guarapari vence o coronavírus

Após 30 dias internado, Elias Gobbi recebeu alta e pôde retornar para casa

Anúncio
Anúncio
ação polícia

Drogas e arma de pressão adulterada são localizadas em Guarapari

homenagem3

Grupos de Guarapari homenageiam mortos pela Covid-19 no município

Os coletivos Guarapari Democracia e Liberdade, Mulheres que Lutam e Sinestesia se uniram e prestaram homenagem as 64 pessoas que morreram pela doença na cidade

Anúncio
supermercado_0_0-550x366

Vigilância Sanitária realiza ação de fiscalização em supermercados de Guarapari

Abessa1

Área de lazer do Supermercado Santo Antônio será leiloada em Guarapari

O dinheiro com a venda do imóvel será para o pagamento dos funcionários desligados da Rede

Anúncio