Anúncio

Nove mil garrafas de vinho furtadas tinham destino Guarapari

Por Gabriely Santana

Publicado em 25 de fevereiro de 2016 às 13:36
Atualizado em 25 de fevereiro de 2016 às 13:40

Anúncio

Uma carga roubada de 1.202 caixas de garrafas de vinho e uma caixa de azeite de oliva foi recuperada num depósito na Ponte da Aldeia, na BR-262, km 40, na última sexta-feira (19). A Polícia Militar recebeu denúncia anônima de que havia caixas de garrafas de vinho roubadas armazenadas num galpão situado às margens da rodovia BR-262, próximo à União Bancária Atlética (UBA) e que tinham como destino Guarapari.

Segundo o Tenente Braga, foi feito contato com os proprietários dos galpões daquele local para que fossem feita vistoria.  Num dos galpões, a PM encontrou as 1.202 caixas que totalizam 9.122 garrafas de vinhos de sete marcas diferentes, além de uma caixa com doze recipientes com azeite de oliva. “Após verificação das informações que constam nas embalagens dos vinhos, fizemos contato com a empresa Macroex Importadora, com sede em Vila Velha/ES, por meio da conferência do número do lote confirmamos que se tratava de produto roubado, no dia 04 de dezembro do ano passado, no município de Campos dos Goytacazes/RJ”, explicou o oficial. O roubo da carga foi registrado na Delegacia de Polícia daquela cidade.

Os proprietários alegaram que o local foi alugado para um homem identificado apenas como Luciano, que passou um telefone celular com prefixo do Espírito Santo. Os documentos e o contrato de locação não foram apresentados. Outra pessoa de nome Bruno fez contatos em janeiro, mas ninguém apareceu para buscar a carga. “Os proprietários não souberam passar maiores dados das pessoas que alugaram e pagaram o aluguel. Então faltam informações sobre os verdadeiros autores do crime”, detalhou.

Durante o registro da ocorrência, apareceu um caminhoneiro que trabalha com frete em Manhuaçu dizendo que recebeu uma ligação por volta de 17 horas de um número do Espírito Santo para que fosse até o galpão apanhar uma carga, que haveria pessoas para fazer o carregamento e deveria levar até Guarapari.

O motorista tentou contato com o número na presença dos militares, mas não foi atendido. Também não apareceram pessoas para fazer o carregamento.

A empresa que foi roubada providenciou o envio de um caminhão para retirada das caixas de vinho. Os proprietários dos galpões foram encaminhados à Delegacia de Polícia para demais providências. Foi arbitrada fiança de cinco mil reais.

É proibida a reprodução total ou parcial de textos, fotos e ilustrações, por qualquer meio, sem prévia autorização do FolhaOnline.es.

Tags:

Anúncio

Anúncio

Veja também

acidente br101 1

Grave acidente deixa uma pessoa morta e três feridas em Guarapari

Segundo o Centro de Controle Operacional (CCO) da Eco101, concessionária que administra a via, o acidente aconteceu por volta das 07h15

o-que-e-um-curso-profissionalizante-descubra-aqui

Qualificar ES: últimos dias para inscrições de curso em Guarapari

Anúncio

Anúncio

Rua Safira, Setiba1

Rua pavimentada há seis meses alaga sempre que chove; moradores pedem solução em Guarapari

destaques pm

10º Batalhão homenageia destaques operacionais e transferidos para reserva em Guarapari

Anúncio

vacinacao-gripe-vilhena-2021-05-11

Covid-19: Guarapari abre novo agendamento para pessoas acima de 50 anos

edson-1024x683

Guarapari: TCE-ES recomenda rejeição das contas de Edson Magalhães do ano de 2018

Anúncio