Anúncio

Novo abrigo de ônibus irrita passageiros no Centro de Guarapari

Por Redacão Folha Vitória

Publicado em 6 de março de 2017 às 18:21
Atualizado em 6 de março de 2017 às 18:21
Anúncio

A inauguração da nova avenida Pedro Ramos no último dia 21 acabou com um problema antigo do Centro de Guarapari, que era o congestionamento em horário de pico. Mas outro problema surgiu com as intervenções no trânsito: o abrigo de ônibus na descida da ponte.

Há muito tempo que o antigo abrigo precisava ser ampliado, devido ao grande fluxo de passageiros que esperam pelos ônibus que vão para a parte sul da cidade, como os bairros Kubitschek e Meaípe, por exemplo, mas o tamanho do novo ponto de ônibus continua insuficiente para abrigar a quantidade de usuários do transporte público que usam o local.

Os passageiros acabam ficando expostos ao sol e à chuva e de pé, já que o abrigo colocado no novo ponto de ônibus não acomoda mais do que meia dúzia de pessoas. Para piorar, ao redor do antigo abrigo existiam árvores para proteger do sol, coisa que não existe na nova orla. Alguns passageiros procuram o alívio das sombras das placas de sinalização para aliviarem o desconforto.

O abrigo colocado na avenida Pedro Ramos não atende aos passageiros. Foto: João Thomazelli/Folha da Cidade

O abrigo colocado na avenida Pedro Ramos não atende aos passageiros. Foto: João Thomazelli/Folha da Cidade

“É um absurdo o que fizeram aqui. Um dos pontos de ônibus mais movimentado da cidade e colocaram um abrigo que não serve para nada. A cobertura não protege do sol e nem da chuva. Os responsáveis por isto devem resolver logo o problema. É uma falta de respeito enorme o que está acontecendo aqui”, desabafou a dona de casa Marília de Oliveira.

Passageiros se protegem como podem do sol no ponto de ônibus da ponte. Foto: João Thomazelli/Folha da Cidade

Passageiros se protegem como podem do sol no ponto de ônibus da ponte. Foto: João Thomazelli/Folha da Cidade

“É incrível a falta de noção de quem fez isso. Uma obra destas, não sei quantos milhões e fazem um abrigo deste tamanho, que não protege ninguém. O sol passa por trás do abrigo o dia todo, mas não tem nenhuma proteção para os passageiros. Este abrigo só beneficiou a empresa que vendeu para a prefeitura, porque passageiro nenhum ficou feliz com isso”, disse o estudante de Direito, Paulo César dos Santos.

Procuramos a prefeitura para falar sobre o problema do tamanho do ponto de ônibus. Em nota a prefeitura informou que já está resolvendo o problema.

“A Secretaria Municipal de Projetos e Empreendedorismo afirma que mais dois abrigos já foram providenciados e até o fim deste mês eles serão instalados no local”.

Prefeitura instalou mais dois abrigos*

No último dia 10, a prefeitura instalou mais dois abrigos no novo ponto da Avenida Pedro Ramos, como havia dito em resposta aos nossos questionamentos.

A prefeitura colocou mais dois abrigos no novo ponto de ônibus. Foto: João Thomazelli/Folha da Cidade

A prefeitura colocou mais dois abrigos no novo ponto de ônibus. Foto: João Thomazelli/Folha da Cidade

*atualizado às 17h28 do dia 13 de março.

É proibida a reprodução total ou parcial de textos, fotos e ilustrações, por qualquer meio, sem prévia autorização do FolhaOnline.es.

Tags:

Anúncio
Anúncio

Veja também

ciclismo

Equipe de Guarapari é destaque em Campeonato Estadual de Ciclismo

Atletas conquistaram a primeira colocação em diversas modalidades e o segundo lugar geral por equipes

mãe Ênis1

Morre mãe do presidente da Câmara Municipal de Guarapari

Anúncio
Anúncio
aulas presenciais

Governo do ES autoriza retorno das aulas presenciais em cidades de Risco Moderado

Anúncio foi feito no início da tarde desta quarta-feira (25) pelo governador Renato Casagrande

Doação-de-sangue-foto-estudio-matri

Sesa e Hemoes promovem semana de conscientização para doação voluntária de sangue

A programação vai acontecer entre os dias 23 e 26 de novembro com o intuito de conscientizar a população sobre a importância da doação contínua

Anúncio
Epa-Ipiranga-Foto-Hamilton

EPA inaugura novo supermercado em Guarapari

Angélica Paixao Escola (2)

Estado mantém o mês de fevereiro para iniciar aulas em 2021

Anúncio