Anúncio

Novo sistema de virtualização dos processos da Câmara já começou a ser utilizado em Guarapari

Por Sara de Oliveira

Publicado em 8 de agosto de 2019 às 10:09
Atualizado em 8 de agosto de 2019 às 10:09

Anúncio

A Casa de Leis pretende gerar uma economia de mais de R$ 450 mil com a modernização dos processos.

O primeiro a utilizar o sistema foi o vereador Lennon Monjardim. Foto: Reprodução/Câmara de Guarapari.

A Câmara de Guarapari já começou a utilizar o Sistema de Virtualização dos Processos (SVP). A medida, que pretende gerar uma economia de mais de R$ 450 mil, está em fase de adaptação e experimentação até o dia 15 de agosto. A previsão é de que até o final de setembro toda a pauta legislativa esteja virtualizada e até junho de 2020 todos os processos da Câmara sejam eletrônicos.

O primeiro a utilizar o sistema foi o vereador Lennon Monjardim, que protocolou uma moção de congratulações, louvor e aplausos esta semana. De acordo com o parlamentar, um treinamento realizado com os vereadores facilitou a utilização do SVO, por isso não sentiu dificuldades para usar o novo sistema.

Após o processo de experimentação, os requerimentos, as indicações, as moções e os voto de pesar poderão ser protocolizados eletronicamente. Logo depois, será realizado um treinamento sobre técnicas legislativas para então serem instituídas as demais proposições.

É proibida a reprodução total ou parcial de textos, fotos e ilustrações, por qualquer meio, sem prévia autorização do FolhaOnline.es.

Tags:

Anúncio

Anúncio

Veja também

Anchieta-Credito-da-Foto-Andrews-Quinteiro_

Pelo quarto ano consecutivo, Anchieta recebe nota A do Tesouro Nacional

pfizer

Guarapari: ação de vacinação sem agendamento para adolescentes com comorbidades

Anúncio

Anúncio

ameazul-praia

Moradores da Enseada Azul, em Guarapari, realizam ação de limpeza neste sábado (18)

Ação é uma adesão ao Dia Mundial da Limpeza

Comunicado - 17-09-2021

Comunicado – 17/09/2021

Anúncio

pfizer

Vacinação dos adolescentes é mantida no Espírito Santo

O Ministério da Saúde suspendeu a imunização do público de 12 à 17 anos sem comorbidades

afrochaves-estacao-da-cultura-2021-09-16-4

Resistência preta marca abertura do Estação da Cultura em Alfredo Chaves

Anúncio