Anúncio

O amor pelo serviço público que soma anos de histórias

Por Redação Folhaonline.es

Publicado em 20 de setembro de 2017 às 18:55
Atualizado em 21 de setembro de 2017 às 16:41
Anúncio

Por Larissa Castro

Há 126 anos, Guarapari foi emancipada politicamente. Nesse tempo o município elegeu diversos prefeitos e vereadores para administrar e desenvolver a cidade. Mas, nenhum avanço teria sido feito sem o apoio dos servidores públicos, esses que são selecionados através dos concursos, muitas vezes saem quando se aposentam, outros preferem adiar esse direito, pois o serviço público acaba se tornando um novo amor. Em Guarapari, os exemplos são a assistente administrativa Alcione Ceccon, 51, e o motorista Alfredo Carlos da Silva, 67, que servem à população há mais de 20 anos.

Construir família, criar laços, passar por autos e baixos a cada quatro anos, e adquirir muito conhecimento em determinadas áreas: essas são algumas das coisas que a permanência em um serviço público por mais de 20 anos pode proporcionar.  Com sentimento nostálgico, Alcione e Alfredo comparam os primeiros anos de serviço até os dias atuais.

Alcione sempre trabalhou na área jurídica do município.

“Eu entrei na prefeitura como comissionada da procuradoria em 1989. No ano seguinte, realizei o concurso público e desde então, permaneci no mesmo setor. No início eram menos funcionários, demandas menores de processos e ficava mais fácil construir amizades, hoje eu não conheço bastante gente. Sou apaixonada pela área jurídica e só saio daqui quando eu me aposentar”, relembrou Alcione.

Para Alfredo, que entrou durante o mandato do prefeito Hugo Borges, em 1979, durante os 37 anos servindo ao município, o pior momento vivido foi quando os salários atrasaram. “Quando Gilberto Corradi foi prefeito, para os servidores receberem seus salários, era preciso cada um levar o contribuinte até a sede para que eles pagassem o IPTU, gerando o nosso salário. Muita gente ficou sem receber, foram meses difíceis. As coisas começaram a melhorar quando Graciano entrou, mas ainda há muito que fazer”.

Alfredo é motorista do município há 37 anos.

Vivendo momentos bons e ruins, Alcione não se arrepende de fazer parte da equipe municipal. “Eu recomendo para todos os estagiários e servidores comissionados que façam os concursos municipais que surgirem. É um serviço que vale a pena e agrega conhecimentos”, finaliza.

O motorista Alfredo se enche de orgulho por conquistar tantas experiências a partir do serviço público. “As pessoas sempre falam por aqui: Depois do prefeito, é Alfredo que resolve tudo.”, ressalta com sorriso no rosto.

É proibida a reprodução total ou parcial de textos, fotos e ilustrações, por qualquer meio, sem prévia autorização do FolhaOnline.es.

Tags:

Anúncio
Anúncio

Veja também

corona

Exames da Covid-19 agora são liberados por e-mail em Guarapari

adote um idoso2

Campanha “Adote um idoso” arrecada doações em Guarapari

Em paralelo, há também arrecadação de alimentos para famílias carentes do município

Anúncio
Anúncio
CTPS; CARTEIRA DE TRABALHO; EMPREGO; FOTOS DAVI PINHEIRO/GOVERNO DO CEARA;

Sine Anchieta divulga novas vagas com oportunidades para moradores de Guarapari

Prefeito Gedson

Gedson Merizio pode se tornar deputado estadual por Guarapari

Os resultados das eleições municipais deste ano colocam Gedson com a possibilidade de assumir o cargo no próximo ano

Anúncio
Prêmio3

Professora atuante em Guarapari e Anchieta está entre as finalistas do Prêmio Shell

Cibele Machado é professora do nono ano do ensino fundamental II. Ela está na disputa e aguarda ansiosamente o resultado

casal-motohome (2)

Casal de Guarapari viaja em van com estrutura residencial montada por eles

Dentre os destinos favoritos do casal: Ubu, em Anchieta

Anúncio