Anúncio

O Espírito Santo é o Rio de Janeiro sem tantos problemas e violência

Por Redação Folhaonline.es

Publicado em 11 de agosto de 2019 às 15:00
Atualizado em 12 de agosto de 2019 às 09:43

Anúncio

Coluna Antônio Ribeiro (*)

É sabido por todos que militam no turismo que o Rio é o destino preferido no Brasil, quer por brasileiros ou estrangeiros. Bem que o Espírito Santo poderia ser o destino alternativo dos que não querem correr riscos.

Para tanto tentarei traçar um paralelo entre os dois estados para motivar a esta conquista. A capital é linda tal qual. Vitória se não tem o tamanho do Rio, não apresenta tantas favelas e agressões à mãe natureza.

Se lá eles tem Niterói para justificar a ponte grande e bela, aqui temos Vila Velha, que além do lindo Convento da Penha, tem a igreja original mais antiga do Brasil, bem ao pé da montanha de pedra, como a Penha de lá.

Num e noutro estado existem cidades serranas para moradores e turistas se deliciarem. Petrópolis e Teresópolis são duas jóias, assim como nossas congêneres Domingos Martins e Santa Teresa, com seus cantos e encantos.

Se os cariocas têm belas praias, Búzios e Cabo Frio como exemplo, os capixabas nada devem com as lindas Guarapari e Iriri, cada uma com seus atrativos, quer seja para jovens como para a melhor idade, com a Cidade Saúde.

Lá impressiona o Dedo de Deus, aqui reina a Pedra Azul, no mesmo estilo e grandeza. Para o turismo religioso, no Rio o ícone é o Corcovado, aqui o Santuário de São José de Anchieta, que reúne outros atrativos.

A lista de comparações poderia crescer, mas este não é o objetivo e sim motivar a mais turistas conhecerem o Espírito Santo, que fica ao lado, tem tamanho e formato do estado aproximado, petróleo e praias.

Que poderia estar faltando para recebermos a mesma quantidade de turistas? Em primeiro lugar, divulgação, quer pelo governo, como pela população, através das redes sociais que são nacionais.

Em segundo, valorizar o que é nosso. É bem brasileiro primeiro visitar lugares distantes, sem antes conhecer e promover o que é perto e nosso. Falamos mais dos outros do que de nós mesmos.

Como a crise continua, vamos dar prioridade ao que é mais barato, gastando menos e aproveitando mais, indo onde é diferente e novo.

Para contrapor a feijoada carioca, temos a moqueca capixaba!

(*) Autor do Guia de Férias, Feriados e Feriadões. Você Decide!

 

As opiniões expressas em artigos assinados ou emitidas em entrevistas são de responsabilidade dos próprios autores e não refletem posicionamento deste jornal.

É proibida a reprodução total ou parcial de textos, fotos e ilustrações, por qualquer meio, sem prévia autorização do FolhaOnline.es.

Tags:

Anúncio

Anúncio

Veja também

vacinacao-2021-09-16-1

Desencontro de informações causa aglomeração em vacinação de adolescentes de Guarapari

Ação de vacinação contra a Covid-19 aconteceu no Complexo Esportivo Maurice Santos, em Muquiçaba

IMG-3566

Economia e PIB capixaba apontam crescimento; Casagrande aposta em novos investimentos no Estado

“São fatos que dão ao Estado a capacidade de continuar atraindo investimentos e ter recursos para fazer outros importantes”, disse o governador

Anúncio

Anúncio

Sempre-tem-supermercado-foto-Antônio Ribeiro

Atacado oferta vagas de emprego em Guarapari

Além das ofertas de vagas em Guarapari, grupo também aceita currículos de moradores do município para vagas na Grande Vitória

exposicao-de-quadros-pmg-2021-09-16-1

Guarapari 130 anos: exposição de quadros ressalta belezas naturais do município

Evento integra celebração dos 130 anos da Emancipação Política do município

Anúncio

IMG_20210910_164037

Liquida Guará: semana de descontos de Guarapari tem apoio do Sicoob Sul Litorâneo

Jovens-1536x1025

Guarapari inicia a 1° Semana das Juventudes

Anúncio